Banqueta: ideias para incluir na decoração da sua casa

1 de abril de 2021

Casa & Piscina, Dica de Compras
Banqueta: ideias para incluir na decoração da sua casa

Se você está procurando elementos bonitos, compactos e com grande variedade de preços para dar uma repaginada no visual da sua casa, a banqueta é uma ótima opção! Com diversos modelos, cores e estilos, as banquetas se encaixam bem em qualquer cantinho e tem poder de deixar um ambiente mais organizado, aconchegante e funcional.

Nesse artigo, vamos falar sobre como você pode escolher banquetas que combinem com a decoração da sua casa, ao mesmo tempo em que mudam a atmosfera do lugar. Vem com a gente descobrir!

Onde colocar uma banqueta em casa

Basicamente, você pode adotar o uso da banqueta em qualquer cômodo da sua casa, desde que haja harmonia com os móveis que você já possui ou que pretende colocar no espaço. Imagine o seguinte: se você tem uma cozinha do tipo americana, e busca uma banqueta para que possa se sentar e fazer uma refeição, ou acomodar visitas de maneira que consigam conversar tanto com quem está na cozinha quanto com os convidados que estiverem na sala, alguns modelos vão funcionar perfeitamente. Já se a sua mesa tem uma altura tradicional, as banquetas não só não vão combinar como também vão deixar as pessoas desconfortáveis.

Nos quartos, a banqueta pode funcionar como mesinha de cabeceira e até prateleira, dependendo do restante da decoração. Na sala de jantar, ou na sala de estar, pode acomodar as pessoas próximo ao bar, perto de uma mesinha mais alta que sirva como apoio para copos e petiscos e até como prateleira ou porta-objetos.

Se for colocar banquetas na varanda, quintal ou algum outro espaço ao ar livre, tome cuidado especialmente com a escolha do revestimento. Opte por aqueles que são resistentes à exposição ao tempo, ou deixe as banquetas guardadas quando não estiverem sendo usadas. Assim você garante uma vida útil mais longa e evita desbotamentos causados pelo excesso de sol e calor, por exemplo.

Caso você não tenha espaço o bastante para deixar as banquetas sempre no mesmo lugar, ou se não fizer uso delas com frequência, considere investir em um modelo de banqueta dobrável. Ela é prática, ocupa pouco espaço e pode fazer a diferença em um dia de festa ou mesmo quando você precisa de um apoio extra na organização das coisas. Uma dica muito útil: vale a pena conferir se há algum sistema de travas de segurança para evitar que a banqueta se feche sozinha. Como as banquetas dobráveis muitas vezes são utilizadas como banquinho ou degrau para alcançar partes mais altas, essa trava é fundamental e pode prevenir acidentes.

A funcionalidade deve determinar o modelo da banqueta, e não o contrário

A funcionalidade deve determinar o modelo da banqueta, e não o contrário

Se a intenção é utilizar um conjuntinho de banquetas para organizar livros, plantas, porta-retratos e souvenirs de viagens, você pode fazer uma combinação entre alturas e modelos diferentes e certamente esse canto da sua casa ficará muito charmoso.

Caso você queira uma banqueta para servir de apoio para alcançar as prateleiras mais altas de armários, por exemplo, as banquetas mais baixas e estáveis, incluindo as dobráveis que já mencionamos, certamente são mais seguras do que os modelos com pés longos e fininhos.

Agora, se a intenção é realmente sentar para beber, comer e conversar, as banquetas precisam ser confortáveis! Alguns modelos são bastante espaçosos, com assentos acolchoados, aconchegantes e até almofadinhas.

Por isso, depois de identificar que local da sua casa vai ganhar uma ou mais banquetas, pense na funcionalidade que pretende dar para elas: a combinação entre essas duas respostas vai indicar o estilo, o material, o tamanho e a altura que melhor vão atender às suas necessidades.

Dez dicas para usar banquetas na decoração

Dez dicas para usar banqueta na decoração da sua casa

Já demos algumas sugestões muito bacanas sobre como incluir banquetas na decoração da sua casa. Confira mais algumas a seguir:

  1. Se a ideia é usar a banqueta por períodos maiores de tempo, considere modelos com encosto e apoio para os braços. Conforto é fundamental!
  2. Áreas externas, como varandas, pátios, jardins e área de piscina tem tudo a ver com banquetas. Os materiais mais indicados para esse fim são o aço inoxidável, os tecidos sintéticos (que podem ser impermeáveis ou não) e a madeira própria para exposição ao tempo.
  3. Se a banqueta tiver revestimento em tecido, a cor pode acompanhar a decoração do cômodo ou o contrário: uma banqueta vermelha se destaca lindamente ao lado de um sofá cinza, por exemplo.
  4. Apoios para os pés são fundamentais, mesmo que a banqueta não seja feita para se sentar por longos períodos. As pessoas ficam mais confortáveis e é mais fácil subir e descer para quem tem estatura mais baixa.
  5. Se na sua casa tem crianças pequenas ou animais de estimação, as banquetas jamais devem ser colocadas próximo à janelas, portas de correr e varandas sob alto risco de queda. Se for o caso, antes de providenciar as banquetas, coloque redes de proteção e faça manutenção regularmente para garantir que estejam em bom estado.
  6. Banquetas que serão usadas em bancadas devem ser escolhidas com cautela. A altura entre o assento da banqueta e o tampo da bancada deve ser o bastante para acomodar as pernas das pessoas sem que fiquem apertadas e desconfortáveis.
  7. O mesmo vale para as baquetas com braços. Avalie se elas se encaixam na bancada adequadamente para evitar que as pessoas tenham que se esticar para alcançar pratos e copos ou pior, que fiquem sentadas na beiradinha da banqueta correndo risco de desequilibrar e cair.
  8. Banquetas expostas ao clima devem, preferencialmente, ser revestidas com tecido com proteção UV para evitar o desbotamento. Muita atenção ao escolher materiais que guardam calor, para evitar “fritar” as pessoas após exposição da banqueta ao sol.
  9. Você pode combinar mais de um estilo de banqueta na sua casa, bem como variar suas cores. Avalie as características do cômodo, suas cores, espaço disponível e a função que a banqueta terá para apoiar sua escolha.
  10. Siga as orientações do fabricante no que diz respeito à montagem, manutenção e cuidados para que a sua banqueta tenha bastante durabilidade.

Continue sua leitura com alguns artigos selecionados especialmente para você: