Cachorro de corrida: conheça as 10 raças mais rápidas

Compartilhar:


Quem acompanha o nosso blog já sabe que cada raça tem determinadas características físicas e certas habilidades. Hoje vamos conhecer um pouco mais sobre o verdadeiro cachorro de corrida!

Na verdade, são algumas raças que compõem este seleto grupo de atletas. Algumas delas atingem velocidades entre 60 e 70 km/h! Essas raças fazem parte do Grupo 10 e são chamadas de cães lebréis ou galgos.

E então, vamos conhecer mais sobre elas?

Grupo 10: cães lebréis ou galgos

As raças caninas são divididas em 11 grupos, sendo o grupo 10, os cães lebréis. Existem algumas teorias do porquê eles recebem esse curioso nome. Alguns criadores acreditam que é porque são velozes, como as lebres. Outros associam a nomenclatura à antiga função de caçar os pequenos mamíferos.

Também chamados de galgos, esse cachorro de corrida é esguio e pode atingir impressionantes 70 km/h.

Os cães lebréis, ou galgos, estão divididos em seis grandes raças. Vamos conhecê-las?

Afghan Hound

O Afghan Hound, ou Galgo-Afegão, é um cão de corrida, mas todo mundo torce para ele passar bem devagar para poder apreciar sua pelagem exuberante. Sua aparência nobre e elegante encobre um cão extremamente forte e resistente criado no século XIX no Afeganistão.

Este é um dos cães mais rápidos do mundo, além de ser corajoso e protetor. Atualmente, ele é um cão de companhia, mas se você se interessar por esse belo cachorro de corrida, saiba que ele exige uma rotina intensa de atividades físicas. Os tutores desse Galgo precisam fazer passeios longos várias vezes ao dia, além de brincadeiras para promover o gasto de energia.

Altura da cernelha: 63 – 74 cm

Peso: 26 – 34 kg


Borzoi

Outra raça de cachorro de corrida que tem muita nobreza é o Borzoi, ou Russkaya Psovaya Borzaya, como é conhecido na Rússia, onde foi criado. Desde o século XI, nobres dividem seus pomposos castelos com esses animais.

Apesar de ficar ao lado de Tzares, esse é um verdadeiro cachorro de corrida. Atleta de primeira! Ágil, resistente e cheio de energia, também foi um cão de caça por muito tempo. Hoje é um dos cães de grande porte mais criados na Europa.

Altura da cernelha: 25 – 40 cm

Peso: 34 – 47 kg

Greyhound

Este é um dos mais famosos entre os cães de corrida! O Greyhound, ou Galgo Inglês, foi criado na Grã-Bretanha e era um cão de caça excelente para capturar lebres. Seu porte atlético e sua rapidez impressionante agregaram mais uma função à raça.

O Lebrel Inglês também já participou de muitas corridas de cães!

É claro que todo esse potencial para ser um cachorro de corrida vem carregado de muita energia. Este galgo precisa de muito exercício físico diário, como passeios longos (mais de 1 hora) e corridas ao lado do tutor. Caso seus tutores não compartilhem esse potencial de atleta de alto nível, recomenda-se levar o animal para creches e daycare, além da contratação de um dogwalker para proporcionar toda a atividade física necessária.

Altura da cernelha: 68 – 76 cm

Peso: 27 – 40 kg

Saluki

Este é um dos cães galgos com características mais inusitadas. O Saluki tem a visão acima da média dos outros cães. Por isso mesmo, ele era muito usado para caça!

Elegante como os outros galgos, o Saluki tem origem no Oriente Médio.

Altura da cernelha: 66 – 80 cm

Peso: 18 – 30 kg

Whippet

Um cachorro de corrida que virou febre no Brasil, o Whippet ganhou o apelido carinhoso de galguinho por ser bem menor do que seus primos velocistas. A raça surgiu na Grã-Bretanha no século XIX e, assim como os Greyhounds, eles têm muita energia e precisam de atividade física intensa diária para não destruir a casa, nem ganhar peso.

Esse galgo pequeno pode chegar aos 60 km/h e tem um comportamento muito dócil e amoroso com a família. Curioso e aventureiro, adora interagir com outros cães.


Altura da cernelha: 45 – 56 cm

Peso: 6,8 – 19 kg

Wolfhound Irlandês

O Wolfhound Irlandês, ou Lebrel Irlandês, é o cão lebrel com aparência mais diferente dos seus primos. Enquanto os outros são esguios, este peludinho é mais musculoso e forte. A pelagem também é bastante única, já que os galgos que já listamos aqui possuem pelos curtos ou longos, mas sempre lisos. Os pelos deste galgo são mais grossos e ásperos, dando o aspecto volumoso e emoldurando de forma bastante única este belo cachorro de corrida.

Como o próprio nome indica, o Wolfhound Irlandês foi criado na Irlanda. Seu comportamento é dócil, e ele é muito apegado à família.

Altura da cernelha: 79 – 86 cm

Peso: mínimo de 40,5 kg para fêmeas e 54,5 kg para machos

Husky Siberiano

Saímos do Grupo 10, o dos cães lebréis e verdadeiros velocistas, mas não poderíamos deixar de mencionar algumas outras raças muito rápidas. É o caso do Husky Siberiano, que, além de correr rápido, faz isso em temperaturas negativas!

Enquanto os Galgos unem a rapidez e a resistência, o Husky é mais associado à força e à resistência. Quem nunca viu uma imagem de animais dessa raça puxando trenós?

Altura da cernelha: 50 – 60 cm

Peso: 16 – 27 kg

Golden Retriever

Outro cachorro que faz muito sucesso no Brasil e é um dos preferidos por aqui! Seu jeito brincalhão e porte gigante fazem dele um pet que exige muitos cuidados.

O que nem todo mundo sabe é que essa raça que surgiu na Grã-Bretanha também pode ser considerada um cachorro de corrida. Duvida? Jogue a bolinha para um Golden e repare na perseverança e habilidade com que ele vai buscar o brinquedo.

O Golden não é um cachorro que consegue percorrer grandes distâncias e nem é o mais rápido de todos, mas em disputas por uma bolinha no parque, ele se destaca! Seu corpo grande e musculoso, combinado com a velocidade para curtas distâncias, não nos deixa excluí-lo da nossa lista de cães de corrida.

Todas essas características também devem servir de alerta para os apaixonados pela raça. O Golden Retriever possui muita energia, e se não tiver uma rotina intensa de atividade física pode destruir poltronas, sofás, portas e o que encontrar pela frente sem dificuldade.

Altura da cernelha: 51 – 61 cm

Peso: 25 – 34 kg

Labrador Retriever

A raça surgiu no Canadá, mas se desenvolveu para o que hoje conhecemos na Inglaterra. Brincalhão, amigo e cheio de energia, o Labrador está nesta lista porque, além de correr relativamente rápido e bastante, ele ainda tem energia para nadar grandes distâncias. Um verdadeiro atleta!

Altura da cernelha: 55 – 62 cm

Peso: 25 – 36 kg

Boiadeiro Australiano

Além de Boiadeiro Australiano, a raça é chamada de Australian Cattle Dog e Blue Heeler. Este cão pastor não é conhecido como cachorro de corrida, mas durante o seu serviço percorre quilômetros ao rodear ovelhas e bovinos. Além disso, é extremamente resistente às condições extremas da Austrália.

Seu tipo físico também é muito diferente dos galgos. Forte e muito musculoso, tem seu tamanho comparado ao Whippet.

Altura da cernelha: 43 – 51 cm

Peso: 14 – 16 kg

Cachorro de corrida precisa de cuidados especiais?

Não é segredo que os tutores precisam ter uma série de cuidados com seus animais de estimação. Então, é claro que com esses pets, que levam um estilo de vida mais agitado, não seria diferente. Fatores como alimentação, exercícios, acessórios adequados e a saúde em geral requerem muita atenção. Por isso, falaremos um pouco mais sobre cada um deles.

Acompanhe!

Como alimentar um cachorro de corrida?

É muito importante que a alimentação desses cães seja reforçada e, principalmente, acompanhada por um veterinário. Jamais compre comidas especiais sem a orientação de um profissional, que irá indicar ao tutor os suplementos e as vitaminas ideais para cada raça de pet, de acordo com o necessário para o fortalecimento dele.

Faça seu pet se exercitar com frequência

Assim como a alimentação, a rotina de exercícios e treinamentos também deve ser conversada antes com um especialista. Além de tudo, é necessário observar o comportamento do seu animal de estimação, verificando se ele não apresenta sinais de fadiga e cansaços. Também é de suma importância manter a hidratação dele, por isso, esteja sempre com um bebedouro portátil por perto.

Tenha os acessórios certos para o seu cachorro de corrida

Assim como os itens de alimentação, hidratação e exercícios, os acessórios são importantes para esses cachorros. Opte por guias adequadas, sempre verificando se elas são do tamanho correto para que seu pet não se sinta desconfortável durante o trajeto.

Fique de olho na saúde do seu cachorro de corrida

Por último, mas jamais menos importante: procure sempre realizar visitas ao veterinário, para que você, como tutor, esteja sempre atento a qualquer alteração na saúde de seu animal de estimação. Como citado anteriormente, por esses cães de corrida estarem em constante movimentação e esforço, é imprescindível que esteja tudo dentro do esperado, para que você e seu pet não tenham nenhuma preocupação ou surpresa desagradável.

Por fim, dar amor, atenção e muito carinho são coisas que todo pet precisa e adora, não é?!

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário