Primeiro cachorro: confira todos os cuidados necessários

Compartilhar:


primeiro cachorro

Diversas pesquisas já demonstraram que pessoas com animais de estimação e que, principalmente, passam bons momentos com eles, são mais saudáveis. Por isso, se você está pensando em ter o seu primeiro cachorro, saiba que seus dias vão ficar ainda melhores!

Ter um cachorrinho vai melhorar sua qualidade de vida, pois apesar de bastante levados durante a infância, conforme vão crescendo os doguinhos demonstram ser muito companheiros.

Além disso, os cães aumentam a capacidade de sociabilidade de seus tutores, já que os passeios são sempre garantidos.

Na lista dos motivos para ter o primeiro cachorro em casa não poderia deixar de falar que eles te fazem rir. Diversão é algo que não falta quando você sabe que existe um pet te esperando depois de um dia cheio e estressante. Com muitas brincadeiras e lambeijos, eles são capazes de te ajudar a desviar do estresse e se jogar em um mar de risadas.

Principais cuidados com o primeiro cachorro

Primeiramente, é preciso ter em mente que o animalzinho se tornará um novo membro da família, ou seja, irá conviver com você por até 20 anos. Com isso em mente, procure soluções vitalícias ou de alta durabilidade para seu conforto.

É interessante pesquisar quais alimentos deve oferecer, quais brinquedos são indicados, etc. Peça a um veterinário algumas recomendações de alimentos próprios para cães que sejam realmente saudáveis.

Nem todas as raças de cães necessitam a tosa com grande frequência, mas todas precisam de banhos regulares, dentes escovados e unhas aparadas, por questões de saúde e segurança.

Recomenda-se para raças como Shih Tzu, Schnauzer, Maltês, Yorkshire, Poodle, Lhasa Apso e Collie, principalmente, visitas semanais ao pet shop local para evitar que os pelos se embolem, causando desconforto ao cão e propiciando o acúmulo de sujeira e bactérias.

Curiosidades que você deve saber antes de adotar um pet

É sempre bom ficar de olho nas leis municipais, estaduais e federais que dizem respeito aos cães antes de escolher o porte ou raça ideal para sua família e rotina.

Você sabia que, por exemplo, no estado de SP, existe uma lei específica para passear com cães das raças mastim napolitano, pit bull, rottweiller e american stafforshire terrier? O desrespeito à legislação pode acarretar multa aos tutores e outras penalidades.

Atenção com a saúde do seu primeiro cachorro

Por fim, vale dizer que os cuidados com o seu amigo de quatro patas precisam ser constantes. Não se esqueça que visitas anuais a uma clínica veterinária são extremamente necessárias. A prevenção e diagnóstico precoce são essenciais não somente para a saúde do pet, como também para a do seu bolso.

Além disso, a vacinação é um dos cuidados mais importantes que se deve ter com um cãozinho, garantindo não somente a saúde do pet, como também de toda a família. Caso opte pela castração, também é necessário pesquisar com antecedência um profissional qualificado para o procedimento.

Mas atenção! Tire tempo, porque ninguém gosta de ficar sozinho o dia todo, muito menos um cachorro.  Cães são animais sociais, criados geneticamente para viver em grupos e se proteger durante a noite. Para tentar minimizar o problema, é preciso que o dono reserve algum tempo do seu dia para se dedicar plenamente ao cão.

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário