Filhote de cachorro em casa: primeiros cuidados com o pet

Compartilhar:


Filhote de cachorro deitado olhando para cima

Se um cachorro por si só já chama a atenção por onde passa, imagina um filhote! Este pequeno esbanja fofura, mas cuidar de um não é brincadeira, inclusive se informar sobre os cuidados com um filhote de cachorro antes de adquirir o seu é obrigação de todo futuro tutor.

Da carteirinha de vacinação ao conforto e à alimentação. Leia uma lista de dicas para cuidar de um filhote:

Filhote de cachorro: primeiros meses de vida

Um dos cuidados iniciais após pegar o seu novo amigo é começar sua carteirinha de vacinação. A primeira dose acontece a partir dos 60 dias de vida com a vacina V10 ou V8. Após o intervalo de 21 à 30 dias, a segunda dose precisa ser administrada e, depois de mais um intervalo máximo de 1 mês, a última dose é dada junto com a vacina antirrábica. Só assim, seu filhote de cachorro estará protegido.

Ainda existem outras vacinas para o seu pet, que não são obrigatórias, mas importantes, como a vacina da giárdia e a que previne tosse dos canis. O filhote só pode sair para passeios ao tomar todas as doses da vacina múltipla.

Vermífugos e antipulgas também entram para os cuidados com o bichinho. O veterinário será o responsável por indicar esses medicamentos e a posologia.

O que comprar para um cachorrinho filhote?

Filhote deitado no meio de um cobertor

O “enxoval para cachorros”, termo divertido para o conjunto de itens básicos, deve conter:

Esses produtos e alimentos garantem a qualidade de vida do seu amigo que está em fase de desenvolvimento. 

A caminha será o abrigo dele quando estiver procurando um lugar tranquilo, a coleira e placa de identificação são obrigatórias para a segurança do animal. Já o tapete higiênico é seu aliado para educá-lo a fazer as necessidades no local correto e os brinquedos vão distraí-lo e ajudar no gasto de energia e treinamento.

Como alimentar seu filhote de cachorro

O primeiro ano de vida é crucial no crescimento do seu companheiro de quatro patas e uma das bases desse desenvolvimento é a alimentação. Entre 6 e 8 semanas acontece o desmame e o pet pode começar a se alimentar com ração úmida ou papinha, sendo o ideal dividir as porções em 5 vezes ao dia. Nas rações há uma sugestão de quantidade diária, mas um veterinário consegue orientar ainda melhor sobre as porções para o seu bichinho.

A melhor ração para filhote é aquela que atende ao porte e à fase de vida do animal, por isso escolha uma de qualidade e não coloque a saúde do cão em risco.

Formas de adestrar um cachorro filhote em casa

Adestramento de filhote

Os comando básicos “fica, senta e deita” são um ótimo começo, mas antes, existem outras orientações para prepará-lo pata o treinamento:

  • A rotina precisa existir desde cedo: hora de acordar, hoje de comer, hora de brincar, hora de dormir;
  • Um filhote faz suas necessidades logo após consumir água ou ração, então depois de alimentá-lo, coloque-o na área de higiene, ambiente que gostaria que ele fizesse xixi e cocô;
  • Dispenser de comida é ótimo para enriquecimento ambiental e ajuda a distrair seu cachorro, assim como ossos de nylon, boas maneiras para ele não destruir móveis e objetos.

Não importa se você tem um rottweiler filhote, pug filhote, filhote de shitzu, yorkshire filhote ou filhote de pastor alemão, os cuidados nos primeiros meses de vida envolvem amor, paciência e aprendizado.

Aos poucos você entenderá o comportamento do seu filhote e as dúvidas vão ganhando respostas com a ajuda de um veterinário de confiança. A chegada de um pet espalha alegria pela casa, então curta cada momento porque quando menos perceber, ele cresceu!

Tem mais conteúdo pra você no nosso blog! O que você gostaria de aprender agora?

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário