Chuva de Ouro: como cultivar e cuidar dessa orquídea

Compartilhar:


chuva de ouro

Gosta de orquídeas? Então esse artigo é perfeito para você, pois vamos mostrar todos os cuidados necessários com a Chuva de Ouro. Essa flor pertence ao grupo de belíssimas orquídeas do gênero Oncidium. 

Encontradas principalmente no Brasil, no Norte da Argentina e no Paraguai, essas flores têm como principal característica um calo situado na base de seu labelo (pétala dorsal). O tipo de Oncídio mais popular, principalmente no Brasil, é o Oncidium Varicosum, que possui flores completamente amarelas, originando assim o nome Chuva de Ouro. 

Além disso, essas orquídeas também podem ser encontradas nas cores branca, rosa, laranja, marrom e amarelo com pintas marrom.

Como cuidar da sua Chuva de Ouro

Como todas as orquídeas, a Chuva de Ouro precisa de alguns cuidados e recomendações especiais. Ela necessita de bastante umidade e deve ser cultivada à meia-sombra em um substrato adequado à espécie, como casca de pinus moída, musgo esfagno, carvão, entre outros. Por isso, é importante irrigá-la com frequência, sempre que o substrato estiver seco. Também é essencial borrifar água nas folhas quando a temperatura estiver alta. 

A Chuva de Ouro se adapta ao plantio em vasos, mas também pode ser cultivada no tronco de árvores. Basta fixá-las com cuidado com barbante ou sisal, mas essa amarração servirá apenas para segurá-las por um tempo, pois as raízes da orquídea vão se fixar ao tronco da árvore com o passar do tempo. 

Principais características da flor

A Chuva de Ouro possui um ciclo de vida perene, ou seja, vive por um longo período podendo atingir mais de dois anos. Tolerante ao frio, essa espécie não gosta muito de luz direta do sol e prefere a meia-sombra. 

Os pseudobulbos dessa orquídea são achatados e a partir deles nascem folhas com sulcos no meio. É na extremidade dessas folhas que surge a penca de flores amarelas com pequenas pétalas e sépalas. 

E se você está se perguntando o tamanho da Chuva de Ouro, saiba que o crescimento total pode chegar a 40 centímetros e as hastes podem alcançar 90 centímetros de altura. Essa orquídea deixa qualquer ambiente muito mais bonito e agradável, principalmente porque suas flores permanecem frescas por até 20 dias. 

É melhor deixar a Chuva de Ouro no vaso ou no tronco?

chuva de ouro

Agora que você já sabe sobre a possibilidade de cultivar sua orquídea no tronco ou vaso, é importante entender qual a melhor opção para sua Chuva de Ouro. A verdade é que as duas opções são válidas, o mais importante é se atentar ao tipo de substrato colocado onde a flor será cultivada. Na Cobasi existem diversas opções de materiais para você cuidar das suas orquídeas, inclusive diferentes tipos de substrato. 

Caso queira usar um vaso, escolha um modelo de plástico ou de barro, já que as raízes da orquídea são finas e se proliferam bem rápido. Para fazer o plantio, forre o vaso com o substrato e pedras brita. Depois coloque a muda na mistura, enrolando as raízes com bastante cuidado e só complete o vaso com essa mesma mistura. Como a planta gosta muito de umidade, a rega deve ser feita a cada dois dias. 

Quer aprender mais sobre o cultivo de flores e plantas?

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário