Principais cuidados com o cachorro no outono

16 de março de 2021

Cachorros
Cuidados com o cachorro durante o outono

Você sabia que precisa tomar alguns cuidados com o cachorro no outono? Essa pode ser a sua estação do ano favorita, mas mesmo sem conhecer o seu cãozinho pessoalmente, vamos arriscar dizer que é a que ele menos gosta! 

Pode parecer surpreendente, mas o outono apresenta uma série de desafios para os cachorros, em especial aqueles que têm o focinho achatado. Vem com a gente ficar por dentro do assunto e saber como você pode proteger o seu cão.

Cuidados com o cachorro no outono: animais braquicefálicos

O combo de problemas que o outono pode trazer

Os tutores de cães que tem focinho achatado, chamados braquicefálicos, precisam redobrar a atenção e os cuidados com o cachorro no outono porque os seus peludos, que já têm uma certa dificuldade para respirar em outras épocas do ano, enfrentam ainda mais desafios nesse momento.

No outono o ar costuma ser bastante seco, então cachorros com essa característica tendem a sofrer com problemas respiratórios e conjuntivite, já que seus olhos também ficam mais expostos.

Mas não são apenas os cães com focinho achatado que podem enfrentar problemas no outono. As mudanças bruscas de temperatura podem provocar dificuldades respiratórias com diferentes graus de complexidade.

Se você mora em um lugar que faz muito frio e costuma ligar o aquecedor dentro de casa, observe a temperatura do exterior antes de sair com o seu cachorro, pois os choques térmicos são muito nocivos para os cães. Faça uso de roupinhas adequadas ao tamanho do cachorro quando sair, e de cobertores dentro de casa para mantê-lo aquecido e confortável.

Não esqueça de caprichar na ingestão de água, que deve ser tão abundante quanto no auge do verão. Ela só não deve estar gelada – opte por água em temperatura ambiente, sempre limpinha.

Cuidados com o cachorro no outono e as doenças parasitárias da estação

Os parasitas, como os carrapatos, se reproduzem durante o outono. Isso significa que os cuidados com o cachorro no outono devem ser ainda maiores, pois o risco de o seu cãozinho ser infestado por essas pragas é muito grande nessa estação. A prevenção é sempre o melhor remédio, então os antiparasitários devem estar em dia para que seu cão fique protegido no caso de passeios fora de casa.

E, por falar em passeios, você não precisa deixar seu cachorro trancado em casa durante três meses, mas é uma boa ideia evitar locais como parques, campos e outros onde haja algum tipo de mato se seu pet não estiver com o antipulgas em dia.

Gripe canina ou tosse dos canis

Você já ouviu alguma vez a expressão “tosse de cachorro”? Ela, provavelmente, surgiu de alguém que escutou um cachorro tossindo durante uma gripe canina. Essa gripe, na verdade, é uma inflamação nasal que se complica e atinge o aparelho respiratório dos cães.

A melhor maneira de prevenir é levar o cachorro para vacinar contra a gripe quando ainda é filhote. Se essa medida não tiver sido tomada e você observar sinais como falta de apetite, secreção no nariz, prostração, febre e principalmente uma tosse seca, que se agrava ao menor esforço, não espere: leve imediatamente seu cachorro ao veterinário para definir a melhor conduta para ajudar seu cachorro a se recuperar.

Quanto mais quentinho, melhor

Quanto mais quentinho, melhor

Um dos cuidados com cachorro no outono é observar a frequência dos banhos, que provavelmente vai diminuir. A temperatura da água deve ser morna, nunca fria ou gelada, e o cão deve ser completamente seco depois. Não esqueça do espaço entre os dedos, das orelhas e da cauda, que se for peluda pode reter bastante água.

Se o cachorro tiver o pelo bem baixinho, você pode colocar nele algumas roupas quentinhas para ajudar a manter a temperatura corporal adequada. Nesse caso, escolha algo do tamanho certo para o cachorro (nem grande, nem pequeno), e que seja confortável.

Fique de olho no comportamento e no estado geral do seu cãozinho para garantir que ele passe pelo outono com tranquilidade e segurança. Não deixe de acionar o médico veterinário em caso de dúvidas e curta bastante a companhia do seu amigo!

Continue sua leitura sobre cachorros com esses artigos em nosso blog: