Brinquedos para gatos mais saudáveis

31 de março de 2020

Gatos
gato com rato de brinquedo
O ratinho é um dos brinquedos preferidos dos gatos

Hoje no Brasil, os gatos já somam 23,9 milhões segundo Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet). Eles são tão afetuosos, peculiares, brincalhões e encantadores, que cada vez é mais comuns lares com mais de um felino.

Quem nunca ouviu o termo “gateiro/a”? E aí, você se enquadra nesse perfil de amantes dos gatos?

Eles são tão únicos e especiais, que se fazem cada dia mais presentes na nossa vida e, claro, dentro da nossa casa. Inclusive, enquanto escrevo este texto, travo uma batalha amistosa com a minha gata Eugênia. De maneira sorrateira e caçadora, ela trata o mouse do computador como um brinquedo para gato. A Eugênia também insiste em pisar no teclado tampando minha visão. Qualquer erro no texto vocês já sabe quem culpar, não é?

Se identificou com meu relato? Realmente foi uma cena divertida, mas em alguns momentos essa interação pode se tornar um problema. Para uma relação mais saudável e com mais qualidade de vida para você e também para seu gatinho, temos algumas sugestões.

Brinquedos para gatos

Brinquedos para gatos são aliados que ajudam na rotina diária. Eles são ideais para quando ficamos horas e horas fora de casa ou quando é necessário distraí-los mesmo em nossa presença. A gama de opções é vasta e vai desde varinhas, ratinhos, bolinhas e arranhadores até brinquedos interativos.

Apesar de variados, os brinquedos para gatos devem ser usados apenas dentro de casa. Brincar e se aventurar do lado fora não deve ser uma opção!

Gato só dentro de casa

A expectativa de vida de um gato doméstico, vacinado, bem nutrido e em boas condições de bem-estar é de 15 a 16 anos. Temos relatos de gatos que vivem apenas dentro de casa com mais de 20 anos de idade. Em contrapartida, gatos que vivem na rua sobrevivem em média 4 anos. Os gatos domésticos com acesso à rua vivem de 2 a 3 anos em média e, por fim, um gato abandonado sobrevive apenas 3 meses na rua.

Tudo isso se dá por conta de riscos associados às brigas, doenças e à desnutrição que os gatos encontram em situação “out-door”, ou seja, ambiente externo de casa. Por isso, gato feliz e saudável é aquele que brinca no interior de casa.

Vamos às brincadeiras?

Brincadeiras para gatos

Gato brinca com a varinha de brinquedo
As varinhas são brinquedos ótimos para interagir com seu gatinho

O gato tem como ancestrais os grandes felinos e, por isso, um instinto que prevalece até hoje é o de caça. Eles amam caçar ratinhos de pelúcia, bolinhas de linho e perseguir fitas presas em varinhas. Isso, sem contar a caça de bichinhos indesejáveis, como as temidas baratas voadoras. 

É claro que um grande caçador precisa de uma cabana para se esconder. Ofereça nichos, tocas, iglus e castelos para que eles brinquem de maneira completa. É sempre bom oferecer estes brinquedos para gatos em locais e cômodos diferentes, alternando os acessórios no chão e em locais altos e verticalizados. Assim, os gatos têm a possibilidade de correr, pular, se exercitar e, desta forma, gastam muita energia sem precisar sair de casa.

Um brinquedo para gato indispensável é o arranhador, que pode ser de diversos materiais, até mesmo de papelão. Considerado um item de necessidade básica, ele é usado para o desgaste natural das unhas, exercícios e alongamento. Além disso, ainda evita problemas com seu sofá, cadeiras e outros móveis. Acredite!

Brinquedos interativos e inteligentes

Agora, se o objetivo é se divertir junto com seu bichinho, recomendo a utilização de brinquedos interativos, aqueles que possuem pelúcia, fitas e laços na ponta de uma vara. Com eles, o tutor fica instigando o gato a correr atrás das “presas”. Mas atenção, nunca utilize linhas, fios ou cadarços. Os gatos podem ingerir e ter graves complicações de saúde.

Existem, ainda, os brinquedos inteligentes para gatos, que podem ser de estrutura plástica ou com pequenos obstáculos. Na prática, são peças em quecolocamos ração seca ou úmida, petiscos ou até a erva do gato. Desta forma, a brincadeira é usar o raciocínio lógico e exercitar o corpo até conseguir a recompensa que está dentro do brinquedo.

Todos os brinquedos para gatos desenvolvem a capacidade cognitiva do animal, mas os brinquedos inteligentes são campeões em desenvolver o cérebro e o raciocínio de aprendizagem. Existem brinquedos tão sofisticados hoje em dia, que alguns utilizam raio laser para o gato ficar caçando aquele feixe de luz pela casa. Eles amam!

A erva do gato

A erva do gato, mencionada acima, deriva de uma planta chamada Nepeta cataria, ela é utilizada desidratada, em spray e até in natura. Essa planta não causa vícios ou efeitos colaterais ao gato apenas deixa os gatos eufóricos, brincalhões e depois relaxados. Seu uso é muito indicado dentro de ratinhos de pelúcia, bolinhas e até mesmo no arranhador.

Brincadeira é coisa séria

Disponibilizar um brinquedo para gato e estimular brincadeiras faz com que seu animalzinho desenvolva o tônus muscular, evitando diversas doenças. Além disso, o exercício melhora o equilíbrio e intensifica a circulação sanguínea. Isso reflete em um animal com o peso adequado, músculos fortes e saudável.

Além dos benefícios físicos, as atividades, aguçam os sentidos do animal, divertem, distraem, estimulam o raciocínio lógico e deixam ele relaxado. Os brinquedos são melhores amigos.  E, claro, depois disso tudo, não há nada melhor do que relaxar no sossego seguro do lar, que convenhamos, é deles.

Escrito por: Bruno Sattelmayer – E.C/ Médico Veterinário

Quer saber mais sobre cuidados com gatos? Separamos alguns textos para você: