Joaninha: simpática e boa para a natureza

Compartilhar:


Joaninha na natureza

A joaninha é um bichinho simpático, que além de muito bonito, também é considerado um dos principais símbolos da sorte. Pequenino e delicado, esse inseto coleóptero é capaz de arrancar sorrisos com a sua beleza e graciosidade. Além de divertir o dia e trazer sorte, a joaninha ainda atua no controle biológico ajudando a eliminar pragas em plantações.

O que acha de aprender mais sobre este ser pequenino? Existem curiosidades incríveis sobre ele e temos dicas para conseguir atraí-los para os seus canteiros de flores e vasos.

Quais são os tipos de joaninhas?

Engana-se quem pensa que joaninha é apenas aquele pequeno inseto redondinho avermelhado com bolinhas pretas. Na verdade, são mais de 5 mil espécies deste bichinho espalhados pela natureza em diferentes formas e cores.

É possível ver joaninha verde, joaninha laranja e, é claro, a famosa joaninha vermelha com bolinhas pretas! Elas pertencem à família dos Coccinelídeos, a mesma dos escaravelhos e outros insetos, como vagalumes e besouros.

A mais comum é a Coccinella septempunctata, aquela vermelhinha com pintinhas pretas. Preparado para a primeira curiosidade? Essa joaninha tem asas vermelhas e exatamente 7 bolinhas pretas na carapaça. Muito popular na Europa, ela também se espalha por outros cantos do mundo, como Ásia e América do Norte.

Outra espécie muito apreciada, desta vez encontrada com facilidade pela Europa Ocidental, é a Adalia bipunctata. Ela se distingue da que falamos anteriormente porque tem apenas dois pontos pretos na carapaça. Esta é uma das espécies utilizadas para controle de pulgões em plantações.

Por sua vez, Psyllobora vigintiduopunctata é o nome científico da joaninha amarela, bichinho que se destaca por suas cores diferentes e por ter 22 pontinhos pelo corpo. Ao contrário das suas “primas”, esta não se alimenta de pulgões e sim de fungos. Ou seja, se você encontrar ela pelo jardim quer dizer que tem fungos ali!

Por fim, a joaninha preta é chamada de Exochomus quadripustulatus. Ela também tem pintinhas, só que desta vez são vermelhas, laranjas ou amarelas.

Encontre vasos, cachepôs e outros itens de jardinagem.

Qual joaninha é venenosa?

Na verdade, nenhuma joaninha é venenosa, mas algumas delas são consideradas ameaças. Não é bem uma ameaça aos seres humanos, mas sim para o meio ambiente!

A joaninha-arlequim, que foi introduzida no Reino Unido para controle de pragas, se alimenta de outras joaninhas. Além disso, elas se proliferam muito rapidamente. Tudo isso, desequilibra o meio ambiente.

Qual é o papel da joaninha?

Esses insetos possuem uma responsabilidade grande em relação ao meio ambiente e até auxiliam na agricultura. As joaninhas são consideradas praticamente um inseticida natural.

Introduzir joaninhas em plantações ou jardins colabora para eliminar pulgões, um dos lanches preferidos das vermelhinhas. Os pulgões são pragas que destroem folhas, frutos e flores.

Os métodos de controle biológico com joaninhas diminui a necessidade de usar agrotóxicos, deixando os alimentos mais saudáveis e o trabalho dos agricultores menos perigoso. O inseto é bastante utilizado em plantios orgânicos.

O que joaninha come?

Joaninha se alimentando

As mais de 5 mil espécies de joaninhas possuem hábitos alimentares diferentes. No entanto, os pulgões, tanto larvas quanto adultos, são pratos comuns para os nossos insetos queridinhos.

Uma única joaninha pode comer mais de 50 pulgões em um dia. Apesar de delicadas e fofas, são predadoras vorazes! Sim, a joaninha morde. Sim, a joaninha é carnívora.

As joaninhas costumam frequentar lugares que oferecem alimentação farta, como hortas e jardins. Durante o inverno as joaninhas, que tem sangue frio, costumam hibernar, pois é seu mecanismo de defesa contra o pouco alimento disponível e as baixas temperaturas.

Como é a sua reprodução?

A reprodução acontece de forma mais intensa entre os meses de março e abril, sendo que no inverno elas procuram por frestas em casas e outros espaços para hibernarem. As folhas com alimento farto são as favoritas desses bichinhos para que a larva de joaninha possa se desenvolver. Sua expectativa de vida varia de acordo com a espécie, mas vai de um a três anos.

Aliás, seu ciclo é bem parecido com o das borboletas, pois primeiro acasalam, depois depositam seus ovos nas folhas que possuem alimento, após cinco dias, as larvas evoluem por cerca de três semanas. Por fim, se tornam pupas que se transformam em novas joaninhas depois de uma semana.

Outra das maravilhas desse animal é que costumam emitir feromônios antes de dormirem nas épocas de frio para se reunirem. Dessa forma, quando acordam na estação da primavera, estão prontas para acasalar.

O que significa encontrar uma joaninha?

Sempre que uma joaninha voa até você, é comum escutar que ela traz sorte. Um autêntico símbolo da prosperidade ao redor do mundo! A superstição vem da China, país que considera a joaninha uma mensageira dos céus.

O inseto ainda carrega histórias em outros lugares por aí. Nos Estados Unidos, encontrar vários desses bichinhos no meio do campo significa uma colheita farta, por exemplo.

Em Bruxelas, se uma joaninha pousar na sua mão, o número de bolinhas na sua carapaça mostra o tanto de filhos que você terá. Já na França, se esta criatura voa em você, significa renovação.

Na época medieval, as joaninhas eram consideradas sagradas pelos seus povos. Em determinada época, acredita-se que os povos rezaram pedindo ajuda com as pragas e os deuses enviaram estes insetos para acabar com elas e retomar suas colheitas.

Curiosidades sobre a joaninha

Quanto mais você conhece este animal, mais interessante ele fica. Por isso reunimos várias curiosidades sobre joaninha que você vai adorar descobrir:

  • O macho costuma ser menor que a fêmea;
  • A joaninha bate 85 vezes suas asas por segundo;
  • Estes insetos ajudam a fertilizar o solo com suas patinhas que tocam no pólen de diversas plantas;
  • Apenas uma delas pode por mais de 400 ovos de joaninha, mas o comum são 50 ovos por vez;
  • As cores desse bichinho ajudam a afastar predadores, pois eles assimilam os tons com veneno e imaginam que elas têm um gosto ruim;
  • São animais que usam suas antenas para achar comida;
  • A mais conhecida de todas tem 7 pintinhas nas costas;
  • A joaninha é menor do que uma unha e seu tamanho vai de 0,3 a 10 milímetros;
  • Se passarem fome, elas podem praticar canibalismo.

Gostou de desvendar os mistérios desse bichinho tão pequeno, mas que tem tanto para contar? A natureza é mais bonita com este animal e suas cores. Para atrair essas pequenas para o seu jardim, invista em plantinhas que tem bastante pólen.

Quer mais dicas de jardinagem? Confira os posts que separamos para você:

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário