Pássaro rosa: você sabe qual é?

Compartilhar:


Eles são charmosos, engraçados e muito carismáticos! O pássaro rosa de que estamos falando é o flamingo, uma das aves mais queridas no mundo. Existem três espécies de flamingo conhecidas no mundo, e todos os indivíduos se tornam um pássaro rosa quando adultos.

Os flamingos são aves grandes: podem chegar a 1 metro e 45 centímetros de altura, com 12 quilos de peso e envergadura das asas de até 1 metro e 70 centímetros. A cor do pássaro rosa está presente nas penas, nas pernas e até nos bicos desses animais.

O que faz com que o pássaro rosa seja dessa cor

A principal causa para a cor do pássaro rosa é a sua alimentação. Os flamingos se alimentam de uma maneira muito curiosa: eles mergulham a cabeça na água, usam seu bico para revolver o fundo arenoso dos lagos e lagoas onde vivem e filtram a água, fazendo com que insetos, algas, moluscos, e pequenos crustáceos fiquem retidos em uma espécie de pente localizado na ponta do bico.

Aliás, um minúsculo crustáceo chamado Artemia salina é justamente o principal responsável pela cor do pássaro rosa. Esses pequeninos animais, que também são de cor rosa, são ingeridos aos montes pelos flamingos. Os pigmentos de cor são metabolizados pelas aves de uma maneira que passam a fazer parte das células de gordura e, depois, das células que formam a pele.

Quando o filhote de flamingo nasce, ele ainda não é um pássaro rosa. Sua plumagem inicial é cinza e branca, e só muda de cor quando ele atinge a idade adulta.

Outros motivos para o pássaro rosa ter essa cor

Segundo os especialistas, além da alimentação há um outro motivo para que o flamingo seja um pássaro rosa. Os machos extraem uma espécie de óleo da chamada glândula uropigial, localizada próxima à cauda dos animais.

Esse óleo, de cor rosa bem forte, é espalhado sobre as penas, como uma espécie de maquiagem, nas épocas próximas ao acasalamento. A ideia é ficar mais atraente para as fêmeas e conquistar um par para procriar. Demais, não é mesmo?

A reprodução do pássaro rosa

Os flamingos costumam viver em áreas relativamente pouco interessantes para outros animais, pois se alimentam em lagos e lagoas com água extremamente salgada. Por isso, sua maior preocupação ao fazer o ninho é evitar que ele seja arrastado caso haja uma elevação no nível da água.

Os ninhos dos flamingos costumam ser feitos na lama. Cada fêmea coloca apenas um ovo por vez, e os pais se revezam para chocá-lo até que o filhotinho nasça. Quando o bebê está pronto para sair do ninho, pode explorar os arredores junto com outros filhotes do mesmo ciclo reprodutivo ou buscar outras áreas.

A principal ameaça aos flamingos é, como você já pode imaginar, o ser humano. A alteração do habitat natural do pássaro rosa, seja pela construção de casas ou empresas, tende a mudar as características específicas das águas das lagoas onde vivem e se alimentam esses animais. O desvio dessas fontes de água para outros fins também é um grande risco para o lindo pássaro rosa e sua sobrevivência. 

Continue aprendendo com esses artigos selecionados para você:

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário