Quer saber como plantar sementes com sucesso? Descubra como!

Compartilhar:


Plantar sementes é o primeiro passo para quem deseja produzir mudas de plantas em casa. Seja para ter uma horta caseira, dar um toque verde à decoração ou reaproveitar sementes de alimentos. Por ser um processo fácil, e com grandes chances de dar certo, o plantio de sementes tem se popularizado entre as famílias. Quer saber como plantar sementes com sucesso? Ensinamos o que você precisa saber para começar!

Semeadura direta e indireta

Existem duas formas de se plantar as sementes.

A primeira é quando colocamos as sementes em um recipiente intermediário. Assim, a planta começa a nascer ali, antes de passarmos para o local definitivo. É a chamada semeadura indireta. Este plantio pode ser feito em vasos, bandejas e diversos materiais aproveitados da casa, como garrafas pet, caixas de ovos, potes de vidro, entre outros. A vantagem é que a planta germina mais rápido.

Já quando plantamos direto no local definitivo, sem a necessidade de fazer a troca depois, optamos pela semeadura direta. Esta é uma opção para espécies que são mais sensíveis ao transplante de um recipiente para outro, como a cenoura.

Cuidados com o vaso

O tamanho do recipiente em que a semente for plantada deve ser levado em conta. Sementes de hortaliças e temperos se adaptam melhor a espaços menores. Enquanto arbustos e árvores precisam de recipientes maiores para se desenvolverem bem.

Em caso de reaproveitamento de recipientes, é importante higienizar e esterilizar antes da reutilização. Assim, não há chances de contaminação e eventuais doenças entre as plantas.

Sementes e substrato

Para plantar com sucesso é preciso que as sementes sejam de boa procedência, livres de doenças e pragas. Por isso, indicamos comprar sementes prontas para o plantio. Leve em consideração também a origem da planta e a estação do ano. Algumas espécies precisam de não são indicadas para as regiões mais quentes, por exemplos. Outras crescem melhor em determinada estação do ano.

Em relação ao solo, é preciso preparar bem o local para receber as sementes. O procedimento é o mesmo em qualquer tipo de semeadura, tanto indireta quanto direta. Assim,  

Em relação ao solo, é preciso preparar bem o local para receber as sementes. O procedimento é o mesmo em qualquer tipo de semeadura, tanto indireta quanto direta. Assim, escolha uma boa terra vegetal e um adubo de qualidade. O substrato deve ser pensado de acordo com o tipo de planta escolhida. Cactos precisam de um substrato mais arenoso, por exemplo. As embalagens das sementes costumam informar qual o tipo de substrato necessário, fique atento a elas.

Dê preferência para os substratos prontos para semear, já fertilizados e esterilizados. Mas, se não encontrar, você pode produzir em casa. Basta usar 1/4 de terra comum de jardim, 1/4 de areia (ou vermiculita) e 2/4 de terra vegetal (composto orgânico).

Para esterilizar o solo, basta no sol por pelo menos 24 horas, revirando de vez em quanto a terra. Por fim, prefira um fertilizante rico em fósforo e potássio e misture ao substrato seco e pronto! Hora de colocar nos recipientes.

Plantando a semente

Faça um pequeno buraco no substrato do recipiente e coloque de 2 a 5 sementes. Normalmente, cobre-se a semente com uma camada de terra com cerca de 2 a 3 vezes o seu tamanho. Mas, tudo depende do tipo de planta escolhida.

Mantenha a terra sempre úmida, mas sem molhar demais, para não encharcar. Um regador pode ajudar nesse processo. Quanto à luz, o ideal é que sejam um lugar bem iluminado, mas sem receber as luzes diretamente. Iluminação indireta é a mais indicada.

Por fim, é só esperar as mudinhas crescerem! Quando elas já estiverem com 10 cm (herbáceas e arbustos) a 20 cm (árvores), é hora de replantar, se for uma semeadura indireta. O crescimento leva de 30 a 45 dias após a germinação. Prefira dias nublados para realizar o transplante. Na hora de fazer a troca, use instrumentos específicos da jardinagem, sempre esterilizados!

Separamos mais alguns posts para você:

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário