Meu cachorro comeu abelha: e agora?

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:
cachorro comeu abelha

Os cachorros são animais naturalmente brincalhões e curiosos, e, apesar de serem bastante inteligentes, é normal que de vez em quando eles acabem arrumando algumas confusões. Uma das peripécias mais comuns entre os pets é comer coisas inapropriadas, como insetos. Então se o cachorro comeu abelha, o que fazer? 

As abelhas, como sabemos, possuem um ferrão externo onde há uma glândula que armazena uma substância química chamada melitina. Essa substância ativa os receptores de dor, então, quando esses insetos picam, o veneno é injetado em suas vítimas, causando um enorme desconforto no local. Além disso, quando o ferrão penetra na pele, ele fica lá dentro, liberando mais veneno.

Quais são os riscos se meu cachorro comeu abelha?

O cachorro com picada de abelha passa por, basicamente, os mesmos sintomas que nós, humanos. Ou seja, não é uma situação muito agradável. Na maioria das vezes, o seu cãozinho irá sentir bastante dor por conta da entrada do ferrão, e também pela substância que é liberada. Apesar disso, raramente esse problema evolui para uma fatalidade.

Mas isso não significa que você não deva ficar atento! As picadas de abelha podem, sim, resultar em complicações mais alarmantes para o seu cachorro. Isso porque, em animais sensíveis, o veneno pode causar uma reação alérgica, e até se agravar para um quadro de choque anafilático.

Quais sintomas o cachorro pode apresentar?

Os sintomas mais comuns da anafilaxia são náuseas, vômitos, tremores e dificuldade para respirar por conta de um inchaço na garganta. Essa reação pode se manifestar em poucos minutos e é capaz de tomar proporções perigosas à saúde do cachorro. 

Nem todos os cães apresentam sensibilidade por conta de picadas de inseto. Mas é preciso que você fique de olho no seu pet e vá imediatamente para o veterinário em caso de qualquer sintoma ou sinal discrepante. O profissional vai avaliar a situação do seu cão e prescrever a medicação adequada para o tratamento da picada.  

Como posso tratar a picada de abelha no pet?

cachorro comeu abelha

Primeiramente, conforte e tranquilize o seu cachorro. Por causa da dor, ele pode ficar muito assustado e tentar se esconder em algum canto onde será difícil de pegá-lo. E é importante não deixar isso acontecer, porque o ideal é que você consiga analisar a gravidade do ferimento e identificar se o ferrão ainda está no pet. Por isso, é preciso que você o acalme, para que ele volte a sentir mais segurança.

Depois de pegar o seu pet, se você perceber que o ferrão ainda está preso nele, é preciso levá-lo imediatamente para o veterinário. Não tente tirar o ferrão sozinho porque, dependendo de como for feita essa remoção, a toxina pode se espalhar ainda mais.

Agora, caso você veja que o ferrão já foi removido, e caso o seu pet não esteja sofrendo de nenhum sintoma preocupante, você pode ajudá-lo no alívio da dor. Para isso, aplique uma compressa fria no local onde o seu cãozinho foi picado. Aos poucos, o inchaço poderá começar a diminuir. 

Lembrando que, caso você perceba que o seu pet está sofrendo de sintomas de anafilaxia, é de suma importância que você consulte um veterinário o mais rápido possível. Não tente medicar o seu cãozinho com remédios para humanos ou receitas caseiras. Apenas um profissional será capaz de recomendar os melhores tratamentos para o diagnóstico do seu cachorro.

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário