Cachorro pode comer cereja? Veja aqui!

Por Cobasi

Compartilhar:
Cachorro pode comer cereja? Veja aqui!

Quer saber se cachorro pode comer cereja? Nós vamos te ajudar a descobrir! A cereja é uma fruta muito saborosa e bastante apreciada para consumo in natura ou como parte de receitas diversas de doces, bolos, geleias e afins.

Mas será que cereja faz mal para cachorro? Ou será que você pode oferecer a fruta como um petisco diferente e saboroso para o seu melhor amigo peludo? Nesse artigo vamos conversar um pouco sobre o assunto, para que você saiba a melhor maneira de agir. Vem com a gente!

Cachorro pode comer cereja ou não?

Cachorro pode comer cereja ou não?

Para começar, vamos falar sobre as duas maneiras que costumamos encontrar cerejas por aí: a primeira é a fruta natural, disponível em feiras, hortifrutis e mercados. A segunda, é a cereja em calda, muito utilizada para acompanhar sorvetes e outras sobremesas.

Pode até parecer que oferecer cereja para cachorro é uma boa ideia quando ela está natural, certo? Você escolhe frutas orgânicas, faz uma boa higiene em água corrente e acredita que está tudo certo. Errado! Pode acreditar, seu peludo vai te agradecer se você mantiver essa frutinha longe dele.

Isso porque a casca e a semente da cereja possuem uma substância extremamente tóxica para eles, chamada cianeto. O cianeto pode provocar sintomas de intoxicação como vômito, diarreia, salivação excessiva, dificuldade para respirar e muitos outros. Esses sintomas podem se apresentar em maior ou menor grau, dependendo da quantidade ingerida.

Por isso, se você é um fã de cereja e costuma ter essa fruta em casa, tenha certeza de que seu cachorro não consegue ter acesso a ela sem que você veja. Além disso, não ofereça a fruta para ele, mesmo se for alvo dos famosos olhos pidões do seu pet.

E a cereja em calda, o cachorro pode comer?

E a cereja em calda, o cachorro pode comer?

Se pensarmos que a cereja em calda já vem sem a casca e a semente, que são justamente a causa da intoxicação nos cães, oferecer a fruta em calda pode até parecer uma boa alternativa, certo? Errado de novo!

A cereja em calda tem uma quantidade enorme de açúcar, o que faz muito mal para os cães. É verdade que o açúcar não vai provocar sintomas graves tão rapidamente quanto o cianeto, mas contribui para o aumento de peso, problemas de coração, desenvolvimento de diabetes e muito mais.

Por isso, guarde a cereja em calda só pra você e prefira dar outros petiscos para o seu cachorro.

O que fazer se o seu cachorro comer cereja

O primeiro passo é tentar descobrir a quantidade de cereja que ele ingeriu sem que você tenha visto. Ao mesmo tempo, você deve observar para perceber qualquer sintoma diferente no pet, como aqueles que já citamos e prostração, dificuldade para respirar e outros.

Se isso acontecer, leve o pet a uma consulta com o médico veterinário o quanto antes. Não espere o quadro se agravar! Dependendo da quantidade de cereja ingerida e do tamanho e peso do cachorro, a situação pode se complicar rapidamente.

Para saber mais sobre sintomas de intoxicação em cachorros, confira esse artigo selecionado especialmente para você em nosso blog.

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário