Saiba como acalmar um gato

Compartilhar:


Gatinho calmo deitado na cama
Saiba todas as dicas para manter o seu pet calminho calminho..

Dedicar amor e carinho ao seu pet e ainda assim não saber como acalmar um gato com a sua presença pode ser, muitas vezes, frustrante. Existem gatos que geralmente não estranham os seus tutores, entretanto, têm momentos de agitação fora do comum.

Porém, o melhor a se fazer é não levar para o lado pessoal e tentar compreender a razão desse comportamento acontecer de modo contínuo. Assim, a sua relação com o seu animal de estimação passa a ser mais saudável, mesmo quando ele não se acalma com facilidade. Conheça dicas para acalmar o seu gato e fique mais tranquilo quanto a esse comportamento.

Indícios de gato nervoso

Quem cuida de um gato temperamental certamente está à procura de soluções para poder ajudá-lo e torná-lo mais sociável. Porém, a primeira coisa a ser feita é identificar o quanto o seu gato precisa ser acalmado, afinal de contas, cada felino tem uma personalidade diferente.

Veja a seguir os principais indícios que demonstram que o seu gatinho pode estar passando por um momento de nervosismo:

  • Comportamento agressivo;
  • Evitar qualquer tipo de contato em qualquer hora;
  • Movimentos rápidos e curtos;
  • Cauda levantada;
  • Pelos arrepiados;
  • Miados altos e constantes.

Agora que você conhece os principais indícios de nervosismo dos gatos, saiba como acalmar um gato.

Como acalmar um gato que está agitado

Aguardar o seu pet se acalmar é o primeiro passo para quem quer que o seu gato fique mais tranquilo. Isso é importante para não deixá-lo mais agitado, a ponto, inclusive, de poder atacá-lo.

Procure tornar o ambiente o mais calmo possível, pois gatos agitados estão sempre em alerta e qualquer tipo de movimento ou ruído pode significar ameaça para ele. Diminua os sons de onde o seu pet tem o costume de ficar e também a luminosidade, detalhes que podem deixar o seu animal de estimação mais nervoso.

Brincar pode ajudar

Um dos detalhes sobre como acalmar um gato, que, muitas vezes, não é realizado é proporcionar um ambiente favorável para ele brincar. Criar um cenário com brinquedos feitos especificamente para gatos pode auxiliar na função de acalmá-los, já que eles passam a se entreter e descarregam as suas energias na brincadeira.

Além disso, os gatos gostam muito de caminhas e tocas, ambiente onde eles se sentem mais seguros e confortáveis. Manter a ração sempre cheia e água fresca abastecida também contribui para que o seu pet passe a sentir maior segurança.

Gatinho relaxado dormindo no tapete
Mantenha um ambiente tranquilo e com poucos sons

Nada deu certo, o que fazer?

Caso você tenha se informado sobre como acalmar um gato, seja ele no cio, filhote ou que se agita no período da noite e ainda assim ele continua agitado, é hora de buscar ajuda profissional.  A primeira coisa a ter em mente é não acreditar em soluções caseiras milagrosas envolvendo qualquer tipo de remédio, já que a automedicação pode ser extremamente nociva para o seu pet.

Consultar um médico veterinário é a melhor saída, pois ele irá analisar uma série de detalhes do seu amigão, como histórico de saúde e de comportamento, oferecendo a saída mais eficiente.

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário