Ganhe 10% OFF* na primeira compra. Use o cupom 10BLOG
*Limitado a um uso por CPF

Como ensinar o gato a usar a caixa de areia passo a passo

| Atualizada em

Colaboração de Joyce Lima   Tempo de leitura: 5 minutos

Compartilhar:
Compartilhar:
como ensinar o gato a usar a caixa de areia
Ensinar o gato a usar a caixa de areia é essencial para o bem-estar do felino

“Como ensinar o gato a usar a caixa de areia” não costuma ser uma dúvida comum entre tutores, visto que a maioria dos felinos já reconhece a função do item instintivamente. No entanto, alguns animais, sobretudo aqueles recém-chegados em casa, podem não entender para que a caixa serve.

Nesses casos, é importante entender como ensinar o gato a usar a caixinha para evitar que ele faça suas necessidades nos locais errados. Mas, não se preocupe! Para te ajudar, conversamos com a médica-veterinária Joyce Lima, da Educação Corporativa Cobasi, que respondeu as principais dúvidas sobre o tema. Saiba mais!

Como ensinar o gato a usar a caixa de areia em 4 passos

1. Escolha a caixa de areia adequada para o seu gato

Tutores, bastante atenção na hora de escolher a caixa de areia certa para o seu gato. Ou seja, analisar as características específicas do seu pet e combinar com o acessório adequado.

De acordo com Joyce Lima: “O principal ponto a ser avaliado é o tamanho do gato e julgar o tamanho e altura da caixa para que sejam proporcionais, ou seja, gatos maiores precisam de caixas maiores. Afinal, quanto maior a caixa, maior a probabilidade de acerto. Se o tutor optar por caixas de areia que sejam fechadas, a caixa deve ser ainda maior.”

Se for uma caixa compartilhada entre os gatos (embora não seja recomendado) o ideal é que seja uma caixa grande também, para que comporte o volume de urina e fezes de mais de um animal. Afinal, gatos são animais extremamente higiênicos e se sua caixinha estiver suja, eles deixam de fazer as necessidades naquele local e começam a fazer fora (e o tutor pode achar erroneamente que ele não aceitou a caixinha, quando na realidade se trata de uma questão de espaço físico da caixa mesmo).

Por exemplo, filhotes e gatos idosos, podem ter dificuldade em entrar em sanitários higiênicos com as laterais altas. Na Cobasi você encontra diversos modelos de caixa de areia, com versões para ambientes fechados, abertos, apartamentos, casas menores e muito mais.

2. Escolha a areia certa

A escolha da areia é tão importante quanto a caixa. Por isso, separamos algumas dicas que fazem toda a diferença na hora de comprar a melhor areia para os seus gatos.

Alguns gatos preferem areias com grão fino, provavelmente devido ao seu toque mais suave. Para te ajudar na escolha da areia higiênica, confira o vídeo da TV Cobasi com algumas orientações importantes:

3. Qual é o melhor lugar para deixar a caixa de areia?

Um ponto importante é o local onde a caixa ficará, pois quanto mais exposta ou mais próxima do convívio e áreas sociais da casa, melhor deverá ser o cuidado com a higiene e troca de areia.

De modo geral, a caixa de areia deve ficar em um local privativo e tranquilo, longe da movimentação de casa. Sobretudo no caso de gatos idosos ou filhotes, mantenha a caixa em um ambiente fácil de encontrar e acessar. Além disso, é preferível que o item também fique afastado do bebedouro, comedouro e caminha do pet.

4. Apresente a caixa de areia para o seu gato

“O melhor método trata-se do tutor levar o gatinho até a caixa, colocá-lo dentro e incentivar fazendo os movimentos de enterrar com as patinhas da frente. Automaticamente, quando fizer suas necessidades, o gatinho perceberá que sumiu com seus vestígios e que continua limpinho”, comentou a veterinária.

Como ensinar gato filhote a usar caixa de areia?

como ensinar o gato a usar a caixa de areia
Gatos filhotes precisam ser ensinados a usar corretamente a caixa de areia

Gatinhos filhotes podem precisar de um impulso extra para utilizar a caixa de areia da forma certa. A partir de quatro semanas de vida, eles já estão prontos para fazer suas necessidades no local. Mas, como dito, os pets podem não entender para que serve o item.

Uma boa dica é recompensar o animal na sequência (seja com carinhos, uma brincadeira ou petiscos) essa educação com reforço positivo, serve para valorizar o comportamento do pet em relação ao que você deseja ensinar. Tenha paciência acima de tudo.

Por fim, se atente à limpeza da caixinha. Como os gatos são muito higiênicos, provavelmente não vão usar a caixa quando estiver suja, então as dicas são:

  1. Remova resíduos todos os dias;
  2. Troque a areia uma vez por semana;
  3. Limpe a caixa com água e sabão neutro uma vez por semana.

O gato não usa a caixa sanitária: o que pode ser?

Existem diversos fatores, que podem influenciar o não interesse do gato no uso da caixa de areia:

  • presença de fezes e urina em excesso na caixinha (gatos gostam de caixinhas sempre limpas);
  • machos não castrados tendem a marcar território pela residência, urinando em determinados pontos;
  • caixa pequena, que não comporta adequadamente o tamanho do gato;
  • presença de mais de um gato na casa – pode ser que um seja dominante e não deixe os demais gatos usarem a caixinha;
  • presença de doenças que levam à incontinência (ou seja, o animal perde o controle do seu esfíncter e passa a urinar em locais inadequados por não conseguir mais “segurar” a urina);
  • problemas comportamentais, como estresse, euforia ou até mesmo para chamar a atenção do tutor.

Porém, se mesmo com a caixa, o gato segue fazendo xixi fora, o tutor deve investigar em qual contexto o animal está submetido. Por exemplo, um animal que passou por grandes situações de estresse? É um macho não castrado? Será que a caixinha não está pequena para o meu gatinho? E se eu intensificar a higiene?

A veterinária ressalta: “O principal passo é investigar quais sinais o gato está nos fornecendo e, descartando essas possibilidades, procurar o auxílio de um médico-veterinário, pois o animal pode estar nos mostrando que está doente e pedindo ajuda”.

Agora você já sabe um pouco mais sobre como escolher a melhor caixa de areia para gatos, mas calma que temos mais uma dica especial. Dê o play no vídeo!

Joyce Lima

| Atualizada em

Colaboração de Joyce Lima

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

1 Comentário

  1. Eduardo disse:

    Muito bom POST!

Deixe o seu comentário