Como escolher a ração certa para o seu pet?

17 de dezembro de 2018

Saúde e Cuidados

Os alimentos que consumimos são fonte de nutrientes e minerais essenciais para o nosso desenvolvimento em todas as fases da vida. Eles também são responsáveis por fornecer energia para desempenharmos nossas atividades diárias e responsáveis pelo nosso bem estar. Com os pets isso não é diferente! Para que eles possam se desenvolver com saúde durante a vida, os tutores devem escolher as rações mais adequadas às necessidades nutricionais dele.

Pensando nesta questão importante este post é destinado a ajudar os tutores em uma dúvida muito comum: Como escolher a ração certa para o meu pet?
Veja abaixo quais são os tipos de rações comercializadas e a importância nutricional de cada um.

Tipos de ração

Linha Econômica

A linha econômica prioriza em sua composição a utilização de matérias primas mais básicas e como o próprio nome já diz, são mais baratas. Nessa linha é comum encontrarmos subprodutos derivados do milho, da soja e do trigo em abundância. Não há carnes frescas e tampouco nutrientes funcionais específicos.

Para obter ganhos quanto à aceitação do animalzinho, utiliza o artifício dos palatabilizantes e flavorizantes, que trazem ao alimento sabores e cheiros de maneira incrementada. A coloração da ração também é alterada de forma artificial através do uso de corantes.

A digestibilidade (absorção dos nutrientes comparado ao que volume do alimento ingerido) é a mais baixa de todas as linhas, assim, o animalzinho necessitará ingerir volumes maiores do alimento para conseguir se satisfazer nutricionalmente. Logo, como um efeito colateral, observamos mais um contratempo: o volume de fezes será mais alto, devido à baixa digestibilidade dos ingredientes utilizados.

Aqui praticamente não há diversidade na gama de produtos, como: ração para idades específicas, para portes específicos, para raças específicas e etc.

Linha Standart

Já esta linha apresenta algumas melhorias quando comparada a linha Econômica. Seus níveis de garantia, ou seja, os componentes da ração que indica a qualidade do produto,  tendem a apresentar números ligeiramente maiores, como os das proteínas e gorduras, além de outros nutrientes.

Aqui as farinhas de subproduto animal estão presentes de forma evidente, porém a porcentagem de grãos e cereais, como milho e soja, ainda é bem acentuada.
Esta linha está invariavelmente vinculada à grandes industrias alimentícias – são marcas que possuem um grande apelo popular, devido à divulgação em massa através de peças publicitárias (por diversos canais de comunicação), juntamente com sua grandiosa rede de distribuição.

Aqui já é possível verificar algumas variações na gama de produtos, como: rações para filhotes, para adultos e seniores. Já o  valor final do produto tende a ser mais elevado do que os praticados na linha econômica.

Linha Premium

A linha Premium apresenta mais qualidade de nutrientes, tornando a alimentação completa e balanceada do animalzinho. Nessa linha há uma melhora significativa na qualidade da matéria-prima, e como resultado, os índices nutricionais, representados pelos níveis de garantia, são substancialmente mais elevados.

Aqui o corante artificial já não se faz presente como nas anteriores, bem como os artifícios que promovem sabor e aroma ao alimento.

Algumas marcas inserem em seus produtos nutrientes funcionais, que podem atuar de forma coadjuvante na saúde e no bem-estar do animal: reforçando as articulações, fortalecendo pelagem, melhorando a digestão e etc. Por utilizar ingredientes mais nobres, sua digestibilidade é maior – reduzindo assim o consumo e diminuindo também o volume de fezes.
Aqui já vemos uma ótima diversidade na linha produtos: ração para portes variados, rações para cada fase da vida, rações para manutenção do peso ideal, rações para os mais ativos e etc.

Neste tipo de ração, os grãos e cereais ainda estão presentes na maioria delas, só que em quantidades menores. Já o valor final do produto tende a ser um pouco mais elevado do que os praticados na linha anterior; mas os benefícios agregados são proporcionalmente maiores também!

Super Premium

As rações da linha Super Premium são as mais concentradas e equilibradas mercado. Aqui predomina ingredientes de origem animal – como carnes frescas, ovos desidratados e gorduras de peixes – refletindo em uma excelente digestibilidade pelo animalzinho. O consumo será bem reduzido devido à concentração de nutrientes presente, e como consequência, o volume de fezes produzido pelo seu bichinho será menor – o que é uma grande vantagem, não é mesmo?

Aqui os nutrientes funcionais estão presentes em praticamente as rações: reforçando as articulações, fortalecendo pelagem, melhorando a digestão, evitando tártaro, diminuindo o odor das fezes e etc. O número de rações especifica é enorme! A especificidade chega ao ponto máximo, como nas rações para raças específicas, para os que vivem em áreas internas e etc.
Já a concentração de grãos e cereais existe em quantidades menores e em outras nem não incluem em suas composições – essas são consideradas livres de ingredientes transgênicos.

Mas e o alimento úmido?

Diferente do que muita gente pensa, as rações úmidas – vendidas em latas ou saquinhos – também são alimentos completos para os pets.
As rações úmidas são mais palatáveis, gerando grande satisfação durante o consumo. Além disso, esse tipo de ração contribui para a hidratação do animal por conterem uma grande quantidade de água, cerca de 70% a 80% contra cerca de 10% a 11% das rações secas.

Esse tipo de ração costuma ter uma concentração maior de carboidratos e minerais. Por isso, atenção ao oferecer ao pet!

Além dos alimentos úmidos e das secas, existem as rações medicamentosas

Estas rações, como o próprio nome já sugere, são indicadas para consumo quando o animalzinho possui algum tipo de problema de saúde como obesidade, problemas renais, diabetes, alergias etc. Essas rações pode ser secas ou úmidas

Além destes problemas, existem rações indicadas para recuperação da saúde dos animais após algum procedimento cirúrgico ou outros problemas graves de saúde.

É importante entender quais são as necessidades nutricionais do seu pet junto com o médico veterinário de sua confiança. Apenas desta forma será possível determinar qual será o tipo de alimento correto para oferecer ao seu animalzinho

Você ainda tem alguma dúvida sobre como escolher a ração certa para o seu pet? Escreva nos comentários para nós!

Autor: Luiz Lisboa – Educação Corporativa