Saiba como espantar escorpião corretamente

Compartilhar:


como espantar escorpião

No Brasil, o escorpião mais comum é o Tityus serrulatus, também conhecido como escorpião-amarelo. Ele pode ser encontrado nas regiões Sudeste e Centro-Oeste do país.

Por ser um aracnídeo peçonhento, o escorpião causa temor na maioria das pessoas. Por isso, há alguns cuidados que devemos ter para evitar a aproximação de um escorpião em nossos ambientes, seja casa, quintal ou jardim. Quer saber mais? Então siga com a gente!

O que atrai os escorpiões?

Os escorpiões são animais noturnos e ficam escondidos durante todo o dia. Em locais naturais, podem ser vistos em cupinzeiros, troncos caídos, tocas abandonadas, embaixo de pedras, e muitos mais.

Nos lugares urbanos, os escorpiões conseguem se alojar em pilhas de entulho, lixões e rede de água e esgoto, isto é, onde existe um acúmulo de materiais. Por conta disso, a recomendação para evitar que o ambiente esteja propício à visita do animal é manter tudo arrumado e dentro dos conformes.

Principais medidas de como espantar escorpião

  • Evitar o acúmulo de entulhos, folhas secas, lixo doméstico e materiais de construção nas proximidades das casas.
  • Manter jardins e quintais limpos.
  • Manter a grama aparada.
  • Limpar periodicamente os terrenos baldios vizinhos, pelo menos numa faixa de um a dois metros junto às casas.
  • Evitar folhagens densas (plantas ornamentais, trepadeiras, arbustos, bananeiras e outras) junto a paredes e muros das casas.
como espantar escorpião

Como funciona a reprodução dos escorpiões?

Um escorpião atinge a idade adulta com cerca de um ano. Após esse período, a fêmea já começa a realizar sua reprodução por partenogênese, ou seja, sem a necessidade de acasalamento, gerando uma média de 20 e 25 filhotes.

Períodos quentes são os mais propícios para a reprodução, assim como o momento em que os escorpiões se sentem mais livres para saírem de seus esconderijos.

O que fazer em casos de picada de escorpião?

Caso um ser humano seja picado acidentalmente por um escorpião, ele precisa ir ao hospital no mesmo instante. Dessa forma, há mais chances de evitar que a situação se agrave.

A picada desse animal é muito similar à das abelhas, deixando o local inchado e avermelhado. A peçonha do escorpião começa a agir estimulando a liberação de neurotransmissores do sistema nervoso autônomo. Portanto, a intensidade dos efeitos no organismo varia conforme a dose de veneno. É por esse motivo que se deve buscar ajuda médica o mais rápido possível!

Biológica e ecologicamente falando, os escorpiões representam um grupo importante por serem os principais predadores de insetos e outros pequenos animais. Afinal, são eles que mantêm o equilíbrio do ecossistema, portanto, sua caça e apreensão são proibidas em todo o Brasil.

A melhor solução para evitar escorpiões é recorrer às formas preventivas e ecológicas. Afinal, é o ser humano quem invade a casa de muitas espécies, maltratando os seus habitats, diminuindo as fontes alimentares deles, dizimando vários seres vivos e alterando o meio ambiente, no qual eles podiam estar vivendo naturalmente.

Ou seja, a solução mais eficaz para essa situação segue sendo manter o seu lar limpo, descartando a possibilidade de visitas indesejadas.

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário