Picada de escorpião em cachorro: o que fazer?

Compartilhar:


picada de escorpião em cachorro

Os escorpiões são criaturas extremamente perigosas não só para os humanos, mas também para os nossos pets. Dependendo da espécie e da quantidade de veneno que ele injeta, uma picada pode ser fatal. Após uma picada de escorpião em cachorro, é muito importante seguir todas as recomendações para que a saúde do pet não seja gravemente prejudicada.

O escorpião é o animal peçonhento que mais mata no Brasil. Ele se adapta muito bem ao ambiente urbano, e frequentemente se instala em residências sem ser notado. Esse animalzinho tem o hábito de procurar alimento durante a noite. Por isso é comum que os moradores não percebam a presença dele em sua casa, já que durante o dia ele fica escondido.

Esses animais gostam de locais de pouca luz, frescos e úmidos para se abrigar, como frestas de pedras, bueiros, terrenos baldios, madeiras empilhadas, ralos, locais com muitos objetos entulhados etc. E é nesse tipo de ambiente que eles se proliferam. Infelizmente, a nossa casa parece um lugar bastante convidativo para os escorpiões, e isso é um grande problema tanto para a nossa saúde quanto para a saúde dos nossos animais de estimação.

Como identificar a picada de escorpião em cachorro?

O primeiro sinal mais aparente é o pet ficar se lambendo e coçando o local afetado. Também é possível que ele chore e reclame por conta da dor.

O nível de envenenamento vai depender do tipo de escorpião e do tamanho do seu cachorro. Quanto menor o pet, maior será o risco à saúde, pois o veneno se espalha em menos tempo. E esse veneno pode atingir o sistema nervoso, provocando sintomas como vômitos, salivação excessiva, respiração ofegante, fraqueza generalizada, pupilas dilatadas e paralisia progressiva.

Sendo assim, a mordida de escorpião em cachorro pode ser fatal por conta da dificuldade respiratória, hipertensão e anomalias no ritmo cardíaco. 

O que fazer com o meu cachorro picado por escorpião?

picada de escorpião em cachorro

Assim que você perceber que o seu cachorro foi picado por um escorpião, imobilize o pet imediatamente. A melhor coisa a fazer é restringir os movimentos do cão, porque quanto menos ele se mexer, menores são as chances de o veneno se espalhar pela corrente sanguínea. Se ele começar a correr ou andar muito, a toxina pode chegar com mais velocidade ao coração ou ao cérebro.

Em seguida, leve de imediato o cachorro para um veterinário. É de suma importância que um profissional seja consultado o mais rápido possível, para que os primeiros socorros sejam prestados e o medicamento ideal seja recomendado. Um diagnóstico precoce é imprescindível para que o cão não sofra drásticas consequências causadas pelo veneno do escorpião.

Também seria muito interessante coletar o máximo de informações que você puder sobre o escorpião que picou o seu cachorro. Tamanho, cor etc. Isso pode ser de extrema valia para que o veterinário saiba qual é o soro ideal para o seu pet.

Como evitar que meu cachorro seja picado por escorpião?

Mantenha a higiene dos locais mais úmidos e escuros da sua casa. A limpeza do local ou do terreno é muito importante, além da remoção de entulhos, madeiras velhas, objetos acumulados, lixo, folhagens etc. É interessante garantir a limpeza de ralos e frestas também. E, caso você veja necessidade, é válido contratar uma empresa de dedetização.

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário