Como os peixes respiram?

Compartilhar:


respiração dos peixes

Assim como os humanos e os outros animais de estimação, os peixes também respiram, mas aposto que você já se perguntou como os peixes respiram debaixo d’água. 

Para isso, eles precisam capturar o oxigênio que é dissolvido na água através das brânquias. Continue lendo para saber como funciona o processo de respiração dos peixes!

Como os peixes respiram debaixo d’água?

Assim como outros animais, os peixes também precisam de oxigênio para viver, por isso é tão importante manter o aquário oxigenado. Além disso, é importante que o aquário não esteja superlotado, caso contrário, poderá faltar oxigênio para todos os habitantes. 

Mas afinal, como os peixes são capazes de capturar o oxigênio da água? Isso é um processo que ocorre pelas brânquias, órgãos responsáveis pela respiração que se encontram na lateral da cabeça destes animais. 

As brânquias são  suportadas pelos arcos branquiais, compostos por filamentos em formato de “V”. Cada um desses filamentos possui as chamadas lamelas secundárias, produzindo uma troca gasosa onde os peixes captam o oxigênio e liberam o dióxido de carbono.  

Para que isso seja possível, os peixes bebem a água, liberando-a através do opérculo. Neste processo, a água passa pelas lamelas onde se capta o oxigênio. 

Como é composto o sistema respiratório dos peixes?

Tirando os tubarões, raias, lampreias e o peixe bruxo, o sistema respiratório dos peixes é chamado de bomba buco-opercular

Isso porque a bomba bucal exerce uma pressão, captando a água e enviando para a cavidade opercular, onde esta cavidade suga a água. Durante a respiração, o peixe abre a boca fazendo com que mais água entre, já que a pressão diminui. 

Depois, o peixe fecha a boca, aumentando a pressão e fazendo a água passar por esta cavidade opercular. Graças a este processo, a cavidade opercular se contrai, obrigando a água a passar pelas brânquias, produzindo um intercâmbio gasoso, gerando a troca de oxigênio e dióxido de carbono. 

Como é possível ter oxigênio na água?

O oxigênio que tem na água não é o mesmo que os peixes respiram, na realidade, a oxigenação dos peixes ocorre através do intercâmbio gasoso. 

Sendo assim, dois aquários com a mesma capacidade volumétrica podem oxigenar de maneiras diferentes. Quanto maior a superfície de contato com o ar, melhor será a oxigenação

Sendo assim, uma dica de como melhorar a oxigenação do aquário, é investindo em uma bomba de movimentação, que será responsável por diminuir a tensão superficial, uma espécie de película que se forma na superfície dificultando a troca gasosa. 

Quando existe dificuldade de respiração ou baixa oxigenação da água, é muito comum ver os peixes subindo até a superfície. Com a filtragem adequada e uma bomba em bom funcionamento, o oxigênio consegue ser distribuído uniformemente.  

como os peixes respiram

Todos os peixes respiram da mesma forma?

A maioria dos peixes respiram da mesma forma, por baixo d’água, no entanto, existem alguns peixes pulmonados, ou seja, peixes que possuem tanto brânquias quanto pulmões. Este é o caso do peixe-cobra, que pode ficar enterrado durante as épocas de seca.  

Acesse nosso blog e leia mais dicas sobre peixinhos:

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

2 Comentários

  1. Alzira MITIYO disse:

    Bom dia. Ganhei um tanque cheio de peixe, carpas ornamentais. Gostaria de saber como posso cuidar deles. A água está verde , cheio de algas mas eles vivem bem com essa água. Como posso fazer a manutenção , etc. Obrigada

    • Cobasi disse:

      Oi Alzira, como vai? Estamos te esperando na Cobasi mais perto de sua casa. Sobre os cuidados existem produtos e jeitos de realizar esta limpeza e lembre se a saúde do aquário vai dizer muito sobre a saúde dos seus peixes.

Deixe o seu comentário