Gato mancando: 12 possíveis causas e como cuidar do pet

Por Cobasi

Compartilhar:
gato mancando lambendo a pata

Quando o tutor encontra seu gato mancando, pode ter certeza que algo está errado. Afinal, esse sintoma mostra que o pet está com dores, enfrentando algum problema – seja mais simples ou mais grave. 

Portanto, para descobrir o que está acontecendo, não perca tempo e leve seu bichinho de estimação ao veterinário! Mas além disso, listamos a seguir alguns problemas relacionados ao gato mancando e como cuidar de felinos nessa situação. E então, vamos lá?!

Gato mancando: o que pode ser?

Quando o gato está mancando, é sinal que algo não vai bem com a saúde do felino. Em geral, este é um sintoma clínico de doenças e problemas ósseos, articulares, neurológicos ou vasculares.

É importante que o tutor fique atento aos hábitos, comportamentos e possíveis alterações na locomoção do animal. Dessa forma, você pode se antecipar a qualquer consequência desagradável.

Assim, ao notar o gato mancando, não hesite em procurar atendimento médico. A claudicação, ou seja, dor nas pernas, é sinal clínico de problemas, como:

  • torções;
  • infecções virais, em geral, acompanhadas de febre;
  • obesidade;
  • diabetes e doenças sistêmicas;
  • unhas compridas ou feridas nas unhas;
  • tumores;
  • queimadura nas patas;
  • doenças nas articulações;
  • traumas e fraturas;
  • picadas de animais, como aranhas, escorpiões, cobras e abelhas, acompanhadas por vermelhidão e inchaço;
  • corpos estranhos, como espinhos e farpas;
  • má nutrição.

A maioria desses problemas causa dores no animal, por isso ele manca enquanto anda.

Meu gato está mancando e com a pata inchada: o que é?

Patas inchadas estão relacionadas às causas mais comuns, como picadas de animais, fraturas, inflamações ou infecções na região. Mordidas e arranhões em pets não castrados podem causar abscessos, ou seja, um pequeno caroço com pus que dificulta a locomoção do pet.

Gato mancando com pata dianteira e/ou traseira

Se o felino não apoia a pata traseira ou dianteira no chão, é possível que ele tenha sofrido fraturas ou luxações. Sintomas como dificuldade respiratória e pupilas dilatadas revelam traumas graves.

A pata do pet pode estar quebrada quando o gato mancando não a coloca no chão, mia ou geme de dor e não deixa o tutor colocar a mão na região inchada.

O que fazer quando o gato está mancando?

gato mancando deitado triste

Se o gato está mancando do nada, pegue o felino gentilmente e verifique se há objetos estranhos presos na pata ou na almofadinha. Caso não veja nada, vá ao veterinário assim que possível.

Como cuidar do gatinho mancando?

O médico veterinário irá pedir uma bateria de exames, como radiografias, biópsias, coleta de sangue e de líquido articular. A partir dos resultados, ele indicará o melhor tratamento para o seu animal de estimação.

A abordagem varia de acordo com o problema diagnosticado. Em geral, o veterinário receita medicações. Além disso, acupuntura, fisioterapia e quiropraxia são algumas técnicas recomendadas para aliviar a dor. Em casos mais graves, cirurgias são a única opção.

No entanto, a melhor forma de cuidar do seu gatinho mancando é seguir as instruções do médico e evitar remédios caseiros ou automedicação, fatores que podem piorar a situação. No caso de felinos idosos, facilite o acesso pela casa, com rampas e escadas.

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário