Gato pode comer aveia? Saiba mais sobre!

Compartilhar:


Aveia é um tipo de alimento muito adquirido pelas famílias brasileiras. Isso porque ela é considerada uma alimentação saudável, além de combinar com frutas, doces e sobremesas diversas. É uma verdadeira alternativa para um belo café da manhã reforçado e saudável. E quando se trata dos pets: será que um gato pode comer aveia? É importante saber mais sobre esse tema.

De fato, a aveia é um alimento muito rico em nutrientes e faz muito bem para os humanos, mas não vamos esquecer que o nosso organismo difere dos felinos, por isso, o cuidado precisa ser redobrado. Aliás, não queremos que nosso bichano acabe no hospital veterinário, não é mesmo?

Então, se você está em dúvida se gato pode comer mingau de aveia, este artigo é o certo! Continue a leitura e saiba mais sobre esse assunto.

Gato pode comer aveia?

Não tem segredo: a aveia é um alimento muito adquirido pelos brasileiros, principalmente por poder ser adicionada em frutas e sobremesas. A grande vantagem em contar com esse tipo de alimentação é que ele possui alto teor de fibras e baixo valor calórico. Definitivamente, uma alimentação super saudável.

Mas tudo isso tem a ver com alimentação humana. Sobre o gato poder ou não se alimentar com aveia, você pode ter certeza de uma coisa: esse alimento não está na lista de comidas proibidas para felinos. Ela pode ser consumida pelos gatos.

A realidade é que a aveia não possui nada na sua composição que faça mal ao gato. Ainda assim, é importante ter alguns cuidados, principalmente se você está pensando em misturá-la com alguma outra coisa. Prestar atenção no preparo é fundamental. Mas, de modo geral, a resposta para se gato pode comer aveia é uma só: sim!

Saiba mais sobre aveia para gato

Que a aveia é um cereal repleto de nutrientes, isso todo mundo sabe! Ela também pode ser um alimento saudável para pets. Ainda assim, para que os bichanos possam comer com segurança, devemos tomar alguns cuidados.

O principal deles é não misturar a aveia com iogurte ou leite. Isso porque a ingestão desses alimentos podem levar o felino a ter sérias dores de barriga e desconforto intestinais. Eles não costumam receber bem esse tipo de alimento. 

Fique atento, também, aos componentes da aveia. Existem aquelas que possuem uma mistura de açúcar ou outros componentes que podem ser prejudiciais ao animal. O interessante é que seja o mais natural possível. E, por fim, evite dar em grandes proporções para que não estufe o animal e acabe passando mal.

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário