Gato pode comer camarão: saiba mais!

Compartilhar:


Um dos alimentos mais tradicionais do Brasil, muito por conta de poder ser utilizado em diversos pratos como bobó ou risoto, o camarão é peça quase que garantida dentro da geladeira. Apesar de ser muito bem recebido pelos humanos, não são todos os animais que podem comê-lo. A questão é: o gato pode comer camarão?

É bem verdade que, normalmente, os felinos adoram os frutos-do-mar. Mas é preciso entender quais eles podem comer e quais não. O indicado é que você converse com um veterinário para saber que tipo de alimento natural poderá dar ao seu pet.

Isso porque, sim, existem alimentos que gatos não podem comer! Se eles ingerirem, podem passar mal e precisar ir ao hospital veterinário. É melhor prevenir, não é mesmo? Pensando nisso, separamos algumas dicas sobre a alimentação do gato voltada ao camarão. Ficou curioso? Então continue a leitura.

Como montar um cardápio saudável 

Antes de abordarmos sobre o consumo de camarão entre gatos, é importante que o tutor saiba como montar um cardápio equilibrado para seu pet. Só assim ele conseguirá controlar o que o felino come ou não, melhorando a qualidade na alimentação e a vida do gato.

Os gatos são reconhecidamente carnívoros, então é preciso que ele seja readequado para a rotina de casa. O consumo de ração já é o suficiente para suprir todas as necessidades nutricionais dos pets. Não se recomenda trocá-la por nenhum tipo de alimento. Essa é a medida mais importante antes de saber se gato pode comer camarão.

Os demais alimentos são complementos à dieta. Por isso, é importante que o tutor pergunte ao veterinário qual o melhor tipo de comida para um gato. Não se esqueça, também, de verificar o estoque de ração.

Gato pode comer camarão? 

O cheiro e sabor do camarão são únicos, por isso, muitos felinos se sentem atraídos por ele. Mas esse crustáceo é permitido para esse pet? A realidade é que essa pergunta é muito complexa e sua resposta pode ser mais complicada do que parece.

Para ser mais claro, podemos dizer que esse tipo de alimento se configura na lista de opções que gatos não devem consumir. Isso porque esse crustáceo não tem um grande valor nutricional e pode apresentar alguns riscos para o felino.

E vamos combinar: existem tantos petiscos seguros e certificados que você pode dar aos gatos, então, por que arriscar dando um alimento que pode causar alguns problemas de saúde para o felino, não é?

Apesar disso, é correto afirmar que existem gatos que se adaptam ao camarão e ingerem esse alimento sem problemas. Dentro desse contexto, o alimento é uma opção viável de se oferecer ao bichano como petisco. Mas, para isso, consulte um veterinário. 

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário