Manutenção de piscina: aprenda a fazer de forma correta

Compartilhar:


Manutenção de piscina: aprenda a fazer de forma correta

Manutenção de piscina é fundamental para manter a água limpa e segura para os banhistas. Afinal, além do aspecto visual e do odor da água, existem também fatores invisíveis a olho nu que podem afetar diretamente a saúde de quem utiliza a piscina. Por isso é tão importante ficar atento para avaliar se tudo está como deveria ou se algo não vai bem e precisa ser corrigido.

Além disso, fazer limpeza e manutenção de piscinas não precisa ser difícil nem trabalhoso. Para isso, basta que você saiba quais são os passos que precisa seguir e que se comprometa com uma rotina de cuidados, não deixando os problemas acumularem.

Neste artigo vamos falar sobre tudo o que você precisa saber para fazer manutenção em piscinas com tranquilidade e segurança. Vem com a gente!

Manutenção de piscina: por onde começar?

Manutenção de piscina: por onde começar

A primeira etapa para iniciar a manutenção de piscina é saber qual a capacidade em litros de água. Se você não tem essa informação, há uma maneira simples de fazer o cálculo, que consiste em multiplicar o comprimento da piscina por sua largura e profundidade.

Para não errar nessas contas, há duas dicas importantes:

  • utilize sempre a medida em metros;
  • caso a piscina tenha mais de uma profundidade, como uma parte rasa e outra funda, faça uma média entre elas somando e dividindo o resultado da soma por dois.

Vamos dar um exemplo para tornar a compreensão mais fácil. Considere uma piscina com 5 metros de comprimento, 3 metros de largura e profundidade média de 4 metros.

O cálculo será: 5 m x 3 m x 4 m = 60 m³. Logo, a capacidade da piscina será de 60.000 litros de água.

Passo a passo da manutenção de piscina

Depois de descoberta ou confirmada a litragem da piscina, chegou a hora de iniciar as etapas do tratamento em si. Então tenha em mãos um kit para fazer a avaliação da água e mãos à obra!

1. Medir e ajustar a alcalinidade de água

1. Medir e ajustar a alcalinidade de água

A alcalinidade da água é a capacidade de neutralizar os ácidos, evitando que as correções de pH se tornem frequentes e desnecessárias. A faixa ideal de alcalinidade vai de 80 a 120 ppm. É necessário fazer essa avaliação uma vez por semana e utilizar os produtos adequados para aumentar ou reduzir a alcalinidade, de acordo com os resultados.

2. Medir e corrigir o pH

O potencial hidrogeniônico – ou pH da água – indica a neutralidade da água. De acordo com o resultado da avaliação é possível concluir se a água está ácida (índice de 0 a 6), neutra (índice 7) ou básica (índice entre 8 e 14).

Para as piscinas, o ideal é que o pH fique em torno de 7,2 e 7,6. Assim, uma vez por semana é necessário fazer a testagem e aplicar os produtos necessários para corrigir, se for o caso.

Lembre-se de que a testagem e correção da alcalinidade deve ser feita antes da testagem e correção do pH.

3. Medir a quantidade de cloro e aplicar o necessário

3. Medir a quantidade de cloro e aplicar o necessário

Muita gente acha que manutenção de piscina consiste apenas em colocar cloro. Ele é, sem dúvida, uma parte importante do tratamento, já que elimina microorganismos perigosos para os banhistas, sanitizando a água, mas não é só isso que importa.

Para saber a quantidade de cloro necessária, é preciso avaliar as características da água, da mesma maneira que fizemos com a alcalinidade e o pH. A faixa ideal de cloro está entre 1 e 3 ppm, e deve ser corrigida cerca de três vezes por semana.

4. Adicione clarificante

O clarificante, como o próprio nome já sugere, tem como objetivo deixar a água da piscina transparente e cristalina, daquele jeito que torna um bom mergulho irresistível. Ou seja, na prática, o clarificante faz com que as diversas sujeirinhas presentes na água se agrupem e afundem, ficando no fundo da piscina.

Assim, com o auxílio de um robô aspirador ou aspirador manual, é possível remover as impurezas com mais facilidade. Repita esse procedimento uma vez por semana.

5. Acrescente algicida

O algicida tem como objetivo manter a piscina livre de algas, que comprometem não somente o aspecto visual da piscina como também o odor da água. Uma vez por semana você pode aplicar algicida de manutenção para conservar a água própria para banho.

No site, no app e nas lojas físicas da Cobasi você encontra algicida Genco e algicida manutenção HTH com os melhores preços para cuidar da sua piscina!

6. Desengordurar as bordas

6. Desengordurar as bordas

Cuidar das bordas da piscina é fundamental por dois motivos: em primeiro lugar, a segurança. Isso porque o depósito de protetor solar e a gordura natural do corpo dos banhistas vai se depositando na borda com o tempo e pode deixá-la escorregadia e perigosa.

Em segundo lugar, o depósito de sujeira na borda afeta, também, a qualidade da água como um todo. Sendo assim, uma vez por semana você pode utilizar um produto para limpeza das bordas e aproveitar o momento para fazer uma checagem no entorno da sua piscina, removendo lixo, folhas caídas etc.

7. Faça o tratamento físico

Depois de tratar a água da piscina, chegou o momento de remover as impurezas fisicamente. Ligue o filtro e deixe funcionando por pelo menos duas horas. Faça isso diariamente.

No dia seguinte, quando a sujeira estiver depositada no fundo da piscina, utilize o aspirador de fundo para remover as impurezas.

Dicas extras para manutenção de piscina

Dicas extras para manutenção de piscina

Uma capa de proteção pode ajudar muito na conservação do estado geral da sua piscina, especialmente se no entorno houver árvores ou plantas que deixam cair folhinhas e flores. Cuidar da área da piscina é tão importante quanto garantir que a água esteja limpa, pois assim você evita que insetos sejam atraídos para o local.

A capa de proteção para piscina é um acessório de segurança fundamental para quem tem crianças, idosos ou pets em casa, pois pode fazer a diferença ao prevenir um acidente.

Além disso, como você pode perceber, o mais importante é incluir os cuidados de manutenção em piscina de fibra ou azulejos na rotina da casa e da família. Se você seguir o calendário de cuidados, a água estará sempre própria para banho, e não vai ser preciso um grande esforço para recuperá-la.

Conte com a Cobasi para tudo o que você precisar, nós temos o melhor para você, seu pet e sua casa!

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário