Mordida de cobra em cachorro: o que fazer?

Compartilhar:


mordida de cobra em cachorro

A mordida de cobra em cachorro pode ser muito perigosa e trazer diversos riscos à saúde do seu pet, e às vezes pode até ser fatal. Mas calma! Se o seu cão foi picado, primeiramente, nada de entrar em pânico, ok? É preciso que você fique atento aos sintomas do pet e siga todas as nossas dicas e recomendações para que nada de ruim aconteça com ele. Com os cuidados corretos, o seu cachorro vai ficar bem.

Como identificar a mordida de cobra em cachorro?

Às vezes, é possível que o dono do cão demore um pouco para identificar que ele foi picado, justamente por não ter visto o momento do ataque da cobra. Mas é possível perceber alguns sintomas que irão te sinalizar que algo não está bem com o seu pet.

Caso ele esteja lambendo e coçando demais alguma parte específica do corpo, algo está errado. E se a região estiver inchada, azul avermelhada e causando dor no cachorro, é muito provável que se trate de uma picada.

Se a cobra que o picou for peçonhenta, o veneno pode causar danos sérios. Mas em casos mais leves, o inchaço será limitado à área da picada, apenas com uma dor localizada.

Mas vamos falar da pior das hipóteses também, ok? Em casos graves, o cãozinho irá sofrer com danos nos órgãos, problemas cardíacos, e o sangue passa a coagular com grande dificuldade. Os sintomas externos mais alarmantes são vômitos, diarreias, dificuldades para respirar, tremedeira, desmaios e dificuldade para se mover.

O meu cachorro foi picado, e agora?

mordida de cobra em cachorro

Novamente: sem pânico! A saúde do seu cãozinho vai depender 100% de você agora, então nada de se desesperar!

O primeiro passo é imobilizar o seu cachorro e tentar limitar os movimentos dele ao máximo. Isso será muito importante para impedir que o veneno circule com mais velocidade. Quanto mais o seu cão se mover ou correr, com mais facilidade a toxina irá atingir o sistema nervoso dele. Então, faça com que ele fique paradinho.

A próxima dica é a mais importante: corra já para o veterinário! Não tente extrair o veneno sozinho nem nada do tipo. Receitas caseiras ou medicamentos para humanos também estão proibidos! É preciso que você leve o seu cão a um profissional, para que ele avalie o caso específico do seu pet, consiga dar um diagnóstico e aplicar o soro antiofídico correto.

Caso você tenha visto a cobra que picou o seu cachorro, é de suma importância que você a descreva para o veterinário. Quanto mais informações você der, melhor ele irá conseguir tratar o seu pet. Isso porque as cobras não são todas iguais, e cada uma tem a sua espécie, características e riscos quanto ao veneno, sendo assim, quanto mais detalhes você puder dar ao especialista, melhor.

Todas as cobras são peçonhentas?

Não, mas caso você não saiba identificar a diferença, seria importante levar o cão ao veterinário da mesma forma. Afinal, não é bom arriscar, certo?  Além disso, mesmo que o seu cachorro tenha sido picado por uma cobra que não é peçonhenta, o veterinário pode cuidar dos ferimentos do seu cão e prestar os primeiros socorros para que o machucado não infeccione, além de passar os medicamentos corretos. 

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário