Como acabar com as pulgas no ambiente?

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:
como acabar com as pulgas

As pulgas podem até parecer inofensivas, mas além de causar diversos incômodos para os pets, elas podem servir como agentes transmissores de diversas doenças. 

Por isso, além de buscar maneiras de prevenir ou tratar as pulgas nos animais de estimação, é fundamental tratar as pulgas no ambiente em que eles vivem.

Afinal, existe uma estimativa de que apenas 5% das pulgas vão para os animais, as outras 95% ficam no ambiente em que eles vivem, podendo continuar seu ciclo reprodutivo e causar uma grande infestação desse parasita. 

É comum que todo mundo que tem um cachorro ou gato em casa já tenha passado por uma infestação de pulgas no animal, esse é um problema recorrente, especialmente nas épocas de calor.

O grande problema é que muitas vezes o combate às pulgas é longo, isso porque poucas pulgas permanecem no animal e são facilmente combatidas com o uso de antipulgas

Muitas vezes os tutores não estendem os cuidados ao ambiente se esquecendo das pulgas que estão nas frestas dos pisos, azulejos, carpetes, tapetes e até nos móveis. 

Sendo assim, a melhor forma de combater as pulgas de vez, é acabando com as pulgas no ambiente e no seu pet ao mesmo tempo.

O que são as pulgas?

A pulga é um inseto capaz de trazer diversos problemas para os animais e até para os humanos. Elas pertencem à ordem siphonaptera, portanto, são insetos que não possuem asas

Embora esta condição até parece uma desvantagem, mesmo sem asas, as pulgas são capazes de pular cerca de 300 vezes a sua altura, o que facilita para elas alcançarem qualquer altura. 

Existem aproximadamente 3 mil espécies de pulgas no planeta, sendo 59 delas encontradas no Brasil. 39 espécies são facilmente encontradas dentro do Estado de São Paulo.

No entanto, estes animais são extremamente prejudiciais à saúde, sendo vetores de bactérias, protozoários, vírus e vermes que podem entrar no corpo do hospedeiro causando uma série de doenças. 

Conheça o ciclo de vida das pulgas

Embora as pulgas apareçam nas épocas mais quentes do ano, o ciclo de vida delas começa muito antes do calor. 

O ciclo de vida das pulgas se inicia quando elas se alimentam do sangue do pet. Entre os pelos do animal, ela se reproduz, depositando cerca de 30 a 40 ovos por dia. 

Como os ovos possuem formatos arredondados, eles são facilmente lançados ao ambiente, caindo sobre carpetes, tapetes e frestas de pisos ou móveis. 

Quando esses ovos eclodem, eles se transformam em larvas que se escondem ainda mais entre os vãos escuros onde se alimentam de poeira e sujeira de pulga

Essas larvas se transformam em pupas e podem permanecer por até um ano, aguardando o melhor momento para se tornarem adultas.Normalmente a evolução das pulgas ocorre em épocas de calor ou umidade e  ao se tornarem adultas, esses parasitas voltam novamente ao pelo dos animais, retornando novamente ao que chamamos de ciclo das pulgas.

O que causa pulga?

As pulgas são insetos que estão nos ambientes, especialmente em praças, parques e regiões com mato, além de estarem em outros cães ou gatos. 

Portanto, se o seu pet tem contato direto com esses ambientes ou animais, eles acabam estando expostos a contrair estes parasitas

Porém, você pode diminuir as chances dele acabar com uma infestação de pulgas investindo em antipulgas e carrapatos.

Quando um desses insetos consegue alcançar o animal e não morre, ele pode acabar procriando, ou seja, depositando ali um monte de ovos, que vão acabar eclodindo e irão dar inicio ao ciclo da pulga que comentamos acima. 

Por isso é muito importante proteger o pet e evitar que este problema acabe se tornando uma grande dor de cabeça para você e para o animal. 

Quais os sintomas de que o animal está com pulga?

Em primeiro lugar, a coceira em excesso pode indicar um sintoma de que o animal está com pulgas. 

Tanto os gatos quanto os cachorros podem sofrer com as coceiras após serem picados por pulgas, afinal, o ataque deste parasita é famoso por promover grande desconforto ao pet

Além de se coçar, morder e lamber, também podem ser indicativos de que o animal possa estar com pulgas. 

Portanto, ao notar esse tipo de comportamento, é fundamental fazer uma avaliação. Para achar as pulgas, basta se atentar aos meios dos pelos do pet, em especial, nas regiões mais quentes do corpo, como orelhas, patas, pescoço e barriga. 

Se você achar alguma, não existe em aplicar um antipulgas imediatamente e fazer uma faxina no ambiente, afinal, se o animal está com pulgas, elas já podem ter se espalhado por outros cantos da casa. 

Como acabar com as pulgas do ambiente?

antipulgas em cachorro
Os antipulgas são muito importantes, mas não se pode esquecer das pulgas no ambiente.

A melhor maneira de evitar que o ciclo da pulga ocorra é aplicar antipulgas periodicamente nos pets. No entanto, ao notar que eles estão com o parasita, é fundamental tratar o pet e o ambiente de forma simultânea. 

Neste caso, se atente aos carpetes e tapetes, caso a infestação tenha mais de um foco de pulgas é fundamental utilizar inseticidas no local. 

As frestas de piso, azulejos, os cantos dos móveis, tecidos de sofás, também merecem atenção, afinal, elas se escondem com facilidade nestes locais para a procriação.

Produtos como o Herbalvet e Hysteril são alguns exemplos de produtos fundamentais para acabar com a infestação e evitar que o ciclo da pulga ocorra no ambiente. Além disso, a higienização com K-Othrine e água sanitária pode colaborar com a eliminação dos parasitas. 

Higienizar muito bem o local é fundamental para acabar com os ovos ou larvas. Se possível lave o ambiente com o uso de sabão e água sanitária e após a higienização, aplique um inseticida

Não se esqueça de aplicar nos tapetes e nos cantinhos do cômodo. 

Para tratar o pet, um veterinário de confiança pode indicar um bom anti-pulgas, que pode ser aplicado via oral, através de pipetas, sprays ou coleiras. 

Além disso, pode ser indicado um shampoo antipulgas para ser utilizado como complemento ao tratamento.

Agora não existem mais mistérios sobre como acabar de vez com as pulgas do seu pet. Trate o animal e as pulgas do ambiente e elimine esses parasitas.

Confira outros posts sobre o combate às pulgas:


Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário