Raça de cachorro gigante: conheça algumas

Compartilhar:


Você sabia que existem cachorros que, equilibrados em duas patas, conseguem ultrapassar a altura de um ser humano? E não qualquer um, estamos falando até de atletas de basquete, por exemplo. A raça de cachorro gigante apresenta belos exemplares caninos, que chamam a atenção de todos por onde passam.

Entretanto, uma das informações mais importantes sobre eles não está visível aos olhos: uma raça de cachorro gigante também é grande no coração. Amorosos, dóceis e companheiros, eles vão te conquistar.

Isso porque, ao conviver com um cachorro gigante, rapidamente você vai descobrir que, apesar de grandalhões, eles são muito mais brincalhões do que assustadores.

Além disso, saberá que são ótimos cães para o convívio familiar. É isso mesmo: os cachorros gigantes criam vínculos significativos com seus tutores e apresentam uma ótima relação com crianças.

Ademais, apesar do grande porte, são cães com saúde frágil e que, geralmente, apresentam envelhecimento precoce Isso faz com que eles, mesmo com pouca idade, estejam mais propensos a doenças decorrentes da idade avançada.

Portanto, esqueça o medo ao se deparar com uma raça de cachorro gigante, bem como qualquer opinião negativa antecipada sobre esses grandões. Antes disso, conheça as maiores raças de cachorro e encante-se.

A maior raça de cachorro: great dane (dogue alemão)

O título de maior raça de cachorro do mundo é destinado ao dogue alemão, também conhecido como great dane. A raça, que serviu de modelo para a criação do personagem Scooby Doo, detém os últimos exemplares no Guiness Book como o maior cachorro do mundo e da história.

O maior cachorro já registrado é o estadunidense Zeus, que vivia em Michigan, nos Estados Unidos. Antes de morrer, de causas naturais aos 4 anos, o cão alcançou 1,11 m – da pata até a cernelha, medida padrão utilizada, com o cachorro apoiado nas quatro patas.

Em pé, Zeus atingia até 2,24 m, com um peso de 70,3 kg. Já Freddy, seu sucessor, media 103,5 cm da pata até a cernelha. Em pé, superou a medida de Zeus: 2,26 m.

São Bernardo, outra raça de cão gigante

A raça, popularizada nos anos 1990 com o filme “Beethoven”, também está presente na lista dos maiores exemplares de cães. Podendo alcançar os 100 kg, o São Bernardo atinge entre 70 e 90 cm, da pata à cernelha. Embora desajeitado, o São Bernardo é uma ótima companhia para crianças, como exibido no cinema.

Mastim inglês, um gigante amoroso

Considerado um dos cães mais antigos do mundo, o mastim é um companheiro que passa de geração em geração. Com uma altura que pode atingir os 90 cm, esse amigão tem como principal característica o afeto por seus tutores. Embora seja um valente cão de guarda, o mastim é calmo, protetor e não perde a chance de demonstrar carinho com os seus.

Tona Inu, o enorme cão asiático

Mistura de uma série de raças, o tona inu tem origem japonesa e é uma raça de cachorro gigante com grande presença por onde passa. Com uma altura que pode variar entre 60 e 80 cm, esses cães apresentam temperamento bastante tranquilo. Apesar de brutos, podem ser extremamente sociáveis, desde que adestrados nos primeiros meses de vida.

O cão gigante brasileiro

Por fim, não poderíamos deixar de fora dessa lista um exemplar brasileiro. Gigante pela própria natureza, o forte fila brasileiro tem origem recente, na década de 1980. Podendo ultrapassar os 70 cm de altura, o animal impávido é um excelente cão de guarda.

O que achou dos cachorros gigantes? Conta aqui nos comentários!

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário