Conheça as principais características das rãs venenosas

Compartilhar:


rãs venenosas

Você sabia que existem rãs venenosas que podem causar até mesmo a morte de um ser humano adulto?! Alguns índios usam o veneno desses animais nas pontas de suas flechas, para que elas se tornem letais para as suas presas.

Os anfíbios possuem muitas glândulas na pele e, em alguns casos, essas glândulas possuem veneno. Por isso é muito comum encontrar rãs venenosas, que utilizam esse artifício para se proteger dos predadores. Então, confira a lista a seguir para conhecer algumas rãs venenosas que são bastante perigosas!

Conheça as rãs venenosas: rãs-tomate de Madagascar

As rãs-tomate são facilmente encontradas na ilha de Madagascar, aliás, esse é seu único habitat.

Elas são os maiores anfíbios desta lista. As fêmeas podem atingir até 10 centímetros de comprimento e pesar cerca de 200 gramas. Como o nome sugere, a cor desses animais é vermelha, e alguns deles podem ter manchas pretas sob os queixos. 

Embora não sejam fatais para os seres humanos, elas também podem causar uma grande dor e até mesmo reações alérgicas.

Saiba tudo sobre a rã-arlequim

Essa família de rã é formada por quase 100 espécies diferentes que vivem na região da América do Sul, entre a Costa Rica e a Bolívia.

Suas cores são bem características e muito brilhantes, isso porque elas são animais muito ativos durante o dia. Algumas rãs dessa família estão em perigo de extinção, e outras, infelizmente, já são consideradas extintas. Apesar disso, novas espécies continuam sendo descobertas de tempos em tempos.

Características da rã-flecha-azul

Essa espécie venenosa vive no Suriname, mas também pode ser encontrada no Brasil. Ela é um animal muito pequeno, chegando a medir entre 40 e 50 milímetros. É uma espécie agressiva e muito territorialista. 

Conhecidas também como sapo-boi-azul, essa é uma das espécies de rãs venenosas que os nativos da selva usam para colocar nas pontas das flechas com veneno para conseguirem atingir suas presas.

Essas rãs têm uma cor que pode variar de azul a violeta, e ainda apresentam pontos pretos, cuja distribuição é diferente e única para cada um dos animais. 

rãs venenosas

Por fim, conheça a rã-dourada-venenosa

A rã-dourada (Phyllobates terribilis) vive na costa da Colômbia. Esses animais são muito ativos durante o dia e podem medir em média 60 e 70 milímetros. É possível encontrá-los em três variações de cores: amarelo, verde e laranja. 

Esse também é considerado o animal mais tóxico do mundo, isso porque, com apenas um grama de seu veneno, milhares de seres humanos poderiam morrer. Por também ser utilizado pelos índios, descobriu-se que esse veneno permanece ativo por até dois anos depois de ter sido colocado na flecha.

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário