Calopsita com diarreia: quais as causas e como cuidar?

Compartilhar:


Calopsita com diarreia: quais as causas e como cuidar?

Quando falamos em calopsita com diarreia, um dos maiores desafios é conseguir identificar o distúrbio com precisão. As fezes dos pássaros em geral são mais líquidas, ou seja, bastante diferentes daquelas consideradas normais para os gatos e os cachorros.

Por isso, um tutor com menos experiência na criação de aves pode levar um certo tempo até notar que algo está errado com a sua calopsita.

Vamos conversar sobre isso durante o artigo e dar várias orientações para que você entenda as causas mais comuns de diarreia em calopsita e quais os tratamentos indicados.

Calopsita com diarreia: causas mais frequentes

Calopsita com diarreia: causas mais frequentes

Se você perceber que a sua calopsita com diarreia e sonolenta, a melhor coisa a fazer é levar o pet a uma consulta com o médico veterinário o quanto antes. As causas para a diarreia em calopsita são várias, e o profissional de saúde é o mais indicado para fazer o diagnóstico com segurança.

Uma das causas mais frequentes da diarreia calopsita é uma alimentação desregulada, incluindo a ingestão excessiva de algumas sementes, frutas e legumes.

A presença de parasitas também pode provocar o sintoma. A ascaridíase é uma doença que provoca cólicas, diarreia e perda de peso, e sua transmissão acontece por meio de água e alimentos contaminados.

Outra parasitose é aquela provocada pelos coccídeos. Eles atrapalham a correta absorção de nutrientes no intestino, provocando diarreia, perda de peso, dores abdominais, alteração na cor das penas, perda de apetite e inchaço no abdômen. A contaminação ocorre pelo contato de uma ave saudável com as fezes de um pássaro doente.

A clamidiose é outra doença provocada por parasitas que causa diarreia em calopsita, sendo que nesse caso as fezes são esverdeadas ou amareladas. A clamidiose é provocada por uma bactéria que afeta o sistema imunológico e respiratório e pode, inclusive, ser transmitida para humanos.

Como cuidar de uma calopsita com diarreia

Se você percebeu sintomas anormais na sua calopsita, como fezes mais amolecidas, com cheiro forte, presença de sangue, muco ou espuma, e com uma frequência maior ao longo do dia, procure o médico veterinário imediatamente.

Ele vai dar todas as orientações relativas ao uso de medicamentos, inclusive as dosagens e duração do tratamento, e outros cuidados que você deverá ter com o seu pet.

Observe o comportamento geral do pet e preste bastante atenção a qualquer alteração, por menor que seja. Não o medique por conta própria e procure manter a calopsita abrigada de ventos fortes e também do sol excessivo.

Como prevenir diarreia calopsita

Como prevenir diarreia calopsita

Alguns cuidados podem evitar que a sua calopsita fique doente, tanto com quadros de diarreia quanto com outros sintomas.

A higiene da gaiola, do bebedouro e do comedouro diariamente é fundamental para remover restos de alimento e fezes que podem favorecer a proliferação de bactérias e fungos, além de atrair insetos indesejados.

A escolha de alimentos adequados para a calopsita também é fundamental. A consistência nessa alimentação garante que ela esteja ingerindo todos os nutrientes necessários para se desenvolver bem e com saúde, além de garantir fezes mais firmes e fáceis de limpar.

Por fim, faça visitas regulares ao médico veterinário para que ele avalie a saúde da ave de maneira geral.

Para continuar sua leitura, confira esses artigos que separamos para você:

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

1 Comentário

  1. Tereza A F disse:

    Tive uma caturrita, ela comia de tudo.
    Comia no prato arroz…
    Pão com leite é o que ela mais gostava! Todos os dias era a primeira coisa que comia.
    Durou mais de 25 anos. Infelizmente morreu queimada, devido um acidente.

Deixe o seu comentário