Calopsita pode comer abacate? Descubra!

Por Cobasi

Compartilhar:
calopsita pode comer abacate

Nos últimos anos, o abacate se tornou um queridinho dos nutricionistas e das pessoas fitness pela quantidade dos nutrientes que oferece aos seres humanos. Mas será que essa fruta também traz benefícios a outras espécies? Será que, por exemplo, uma calopsita pode comer abacate?

Quando um tutor ama seu pet, é natural querer compartilhar momentos especiais com ele. É preciso, no entanto, ter cuidado. Hábitos considerados comuns, como oferecer ao animal um pedacinho daquilo que se está comendo para acalmar seu olhar pidão, são, na verdade, perigosos.

Amar um animal de estimação não significa estar disposto a ceder a todas as suas vontades. Pelo contrário, muito da arte de ser um bom tutor passa pela capacidade de proteger o pet de seus impulsos.

Por isso, toda vez que sua calopsita lhe pedir um pedacinho da sua comida, desconfie. Se questione e pesquise se ela pode comer o alimento em questão. E ainda mais importante, consulte um veterinário como forma de receber uma instrução que se atenha às particularidades daquele indivíduo e não apenas de sua espécie.

Ao fazer questionamentos como se calopsita pode comer abacate, por exemplo, o tutor receberá um sonoro não como resposta.

Por que a resposta pergunta ‘calopsita pode comer abacate?’ é negativa

Uma concentração de proteínas maior do que a grande maioria das frutas. Minerais e micronutrientes importantíssimos para o organismo humano como as vitaminas A, C, B6 e E.

Essas são algumas das características que fizeram o abacate cair no gosto dos adeptos de uma alimentação saudável.

Mas se ela faz tão bem assim para as pessoas, por que a resposta para a pergunta ‘calopsita pode comer abacate?’ é negativa?

Na verdade, a resposta é muito mais ampla que isso. Afinal, a proibição do uso do abacate na alimentação abrange não apenas as calopsitas, mas todas as espécies de aves.

Isso acontece porque o abacate é dotado de uma proteção natural contra a ação de fungos chamada persina. E embora a quantidade dessa toxina fungicida não seja suficiente para causar danos ao organismo humano, ela é bastante tóxica para nossos amigos de penas.

Portanto, permitir que uma calopsita coma abacate é expô-la ao risco de intoxicação. Algo que, a depender da quantidade ingerida, pode colocar até mesmo a vida do animal em perigo.

calopsita pode comer abacate

Como reconhecer uma calopsita intoxicada

Você já não apenas recebeu um enfático não para a pergunta ‘calopsita pode comer abacate?’, mas também já sabe as razões desse impedimento.

Essa fruta não é, no entanto, o único alimento a apresentar esse perigo para a ave. Comidas como alho, cebola, chocolate e sementes de maçã e peras, além de muitas outras, também apresentam esse risco.

Nesse contexto, ainda que o tutor seja consciente e não ofereça comidas humanas a seu pet, é possível que ocorram descuidos. Em ambientes em que a calopsita fica solta pela casa, por exemplo, ela pode beliscar um desses alimentos tóxicos sem permissão.

Assim, é importante que o tutor saiba reconhecer os sintomas de intoxicação para poder auxiliar sua amiga. Dentre eles, os de maior destaque são a diarreia, o vômito, alteração da frequência respiratória, a falta de coordenação motora e até a ocorrência de convulsões.

Ao perceber um desses sinais, o humano deve levar a calopsita imediatamente a um pronto-atendimento veterinário a fim de que o profissional possa avaliar a situação e tomar as atitudes cabíveis.

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário