O que é gato polidáctilo e o que o tutor deve fazer?

Compartilhar:


gato polidáctilo

Você já ouviu falar em gato polidáctilo? São chamados assim os gatinhos possuem mais dedos do que o comum, e tal condição pode também ser classificada como polidactilia. Alguns gatos podem ter seis, sete ou até mais dedos do que o habitual.

Esses animais costumam possuir 18 dedos no total, mas de vez em quando aparece um felino com mais de um dedo por aí. Vamos conversar mais sobre isso? Entenda mais detalhes a seguir!

O que é polidactilia em gatos?

A polidactilia é considerada uma anomalia genética, isto é, uma mutação causada por um gene dominante presente no DNA do gatinho. Ou seja, é uma condição que pode aparecer quando os pais já nasceram com dedinhos a mais.

Essa causa genética favoreceu o surgimento de mais dedos, tanto em patas dianteiras, quanto em patas traseiras. Geralmente o surgimento dos dedos mais numerosos começam já na embriogênese, ou seja, na formação do embrião.

Mas afinal de contas, quantos dedos o gato tem?

Agora que você já entendeu como funciona a polidactilia nos gatinhos, deve estar se questionando: afinal, quantos dedos o gato tem normalmente? Esses felinos costumam ter 18 dedos no total, sendo quatro nas patas traseiras e cinco nas patas dianteiras. Quando há um dedo extra, significa que se trata de um gato polidáctilo. 

gato polidáctilo

O meu gato é polidáctilo: o que fazer?

Notei que o meu felino possui dedos extras, e agora? Segundo nosso especialista Bruno Carlos Sattelmayer de Lima, a melhor opção é procurar um médico-veterinário, que pode realizar exames complementares, como raio x, para avaliar a condição óssea dos dedos do gato.

Além disso, o profissional indica que outra medida que você deve evitar é cruzar gatos da mesma linhagem entre si. Dessa forma, você pode prevenir a polidactilia, além de outros problemas congênitos.

Fora isso, não há necessidade de pânico ou grandes sustos, pois o gato polidáctilo pode viver de maneira saudável, sem associações com outras doenças pré-existentes. 

A recomendação é procurar um veterinário clínico geral que possa orientar sobre os cuidados e procedimentos em relação à polidactilia.

Além disso, talvez a única coisa que você precisará prestar atenção é na manutenção e nos cuidados diários das garras do animal. É super importante verificar o tamanho de suas unhas, acompanhar se essa condição genética está machucando o pet alguma maneira e assim por diante.

Para cuidar das unhas, você pode usar tesourinhas ou, se preferir, uma boa alternativa é distribuir pela casa alguns arranhadores e brinquedos para os gatinhos desgastarem as suas unhas de forma natural e segura. Assim não há nenhum risco de se machucar! 

Mas não se preocupe, o veterinário te ajudará quanto a isso.

Então, afinal, para que serve o dedo extra do gato? 

As patinhas dos gatos ajudam no seu equilíbrio! E, conhecendo o histórico de saltos, escaladas e outras atividades desses felinos, podemos chegar à conclusão de que os dedos extras podem melhorar ainda mais essa habilidade nos gatinhos, auxiliando em saltos, facilitando na movimentação em superfícies mais complicadas e muito mais! 

Já imaginou que o gatinho possuir dedos a mais seria um ponto positivo? Curioso, não acha?

Bruno Carlos Sattelmayer de Lima

Colaboração de Bruno Carlos Sattelmayer de Lima

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário