O que é pedigree do cachorro?

Por Cobasi

Compartilhar:
o que é pedigree

As pessoas interessadas em saber o que é pedigree provavelmente estão procurando um bichinho de alguma raça específica, seja ela um Poodle, Spitz Alemão, Dogue Alemão, Cocker ou Golden Retriever. Só para ter uma ideia, são mais de 300 raças registradas no órgão regulador.

Hoje é dia de falar sobre o significado de pedigree e qual a importância do documento para os donos de um cachorro de raça.

O que é pedigree de um cachorro?

De forma clara a definição de o que é pedigree se resume ao nome dado para cães que são de raça pura. Isto é, estes pets nasceram do cruzamento de cachorros com pedigree e possuem uma árvore genealógica pelo menos até a terceira geração bem definida.

Uma pessoa que está buscando um cachorro de determinada raça precisa estar atenta aos documentos e registro genealógicos do cão. É através dessas informações que o criador comprova o pedigree do bichinho.

O que é pedigree de filhote?

o que é pedigree

Todo criador de confiança possui os documentos dos filhotes para comprovação da pedigree, ou seja, que o animal segue as características de uma padronização de raça. 

O processo para autenticação é feito pelo órgão responsável, o CBKC (Confederação Brasileira de Cinofilia), que é conhecido também internacionalmente. As etapas não são nada simples, pois os animais devem atender a fatores específicos da raça que está sendo criada.

Por fim, entre as principais vantagens do registro está a garantia da pureza do animal, o aval de entrada para competições e exposições, se for do interesse do dono, e informações detalhadas sobre o histórico dos pais e possíveis doenças genéticas.

Quais as exigências para um cão ser de raça pura?

Agora que você sabe o que é pedigree e a importância da linhagem para conseguir os documentos de raça pura, vale explicar os fatores analisados pelos responsáveis para registrar o filhote.

O primeiro deles é que a solicitação deve ser feita até 90 dias após os cachorrinhos nascerem, visto que depois deste período o criador paga uma multa para continuar o processo.

Depois, é hora de entender a linhagem da ninhada. A cópia do pedigree do pai e da mãe, além da linhagem genealógica são indispensáveis, assim como informações sobre os donos dos animais envolvidos no cruzamento e características dos filhotes: nome, sexo, cor, informações do criador, caso seja um canil.

Por último, os documentos devem ser enviados para o órgão responsável, com sede brasileira no Rio de Janeiro, para que assim os cachorrinhos da ninhada possam ganhar um número de documento e comprovação da pedigree.

Como saber se o meu pet tem pedigree?

Ao aprender o que é pedigree, fica bem mais fácil se atentar aos processo do criador e ter certeza que o canil é confiável. E claro, não se esqueça de levar em conta a criação dos bichinhos, qualidade de vida deles e bem-estar que os responsáveis oferecem para os animais reprodutores.

Se você tem interesse em uma raça específica, o ideal é buscar por lugares de confiança e que tenham credibilidade. Após adquirir um filhote, é bem difícil comprovar pedigree se a linhagem não estiver organizada e mapeada. Sendo assim, você terá que comprovar o pai e mãe, além das demais gerações durante o processo.

Gostou do conteúdo? Veja outros que temos no blog Cobasi para você:

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário