Peixe Escalar: saiba tudo sobre a espécie

Por Cobasi

Compartilhar:
saiba mais sobre o peixe escalar

Você já pensou em ter um aquário bem bonito e cheio de peixes, mas tem medo de não conseguir cuidar destes pequenos animaizinhos? Calma! Existe uma espécie que é bastante popular justamente por não ser muito exigente em relação aos cuidados. Estamos falando do Peixe Escalar!

Também conhecido como Acará-Bandeira, é um dos mais populares peixes de água doce. Ele tem barbatanas alongadas e, com sua boca pontiaguda, fazem com que ele adquira um formato de triângulo ou seta. Suas escamas são brilhantes e podem apresentar diversas cores. 

Saiba que ele é bem resistente à qualidade da água e pode ter uma dieta um pouco mais variada. Por isso, é apreciado tanto por iniciantes quanto por quem já pratica o aquarismo há mais tempo. Vamos conferir algumas dicas?

O Peixe Escalar gosta de companhia?

Sim! Esse peixe gosta de estar sempre acompanhado e de dividir o ambiente em que se encontra, sendo muito recomendado mantê-lo em cardumes de, no mínimo, mais seis indivíduos.

Porém, caso você opte por adquirir apenas dois peixes, é extremamente necessário que ambos sejam de sexos diferentes, para não haver risco de briga.

Mas atenção! Ele não deve ser colocado junto de peixes menores do que ele, pois estes serão facilmente vistos como alimento.

Caso você opte por não colocá-lo junto de outros de mesma espécie, é aconselhável escolher peixes de mesmo tamanho e igualmente sociáveis, como a Coridora Pimenta, por exemplo.

Outro ponto interessante a ser mencionado é que ele pode se tornar territorialista e agressivo em épocas de acasalamento, ou quando sente a necessidade de proteger os seus ovos.

Diferente da maioria das outras espécies, o Peixe Escalar cuida com dedicação dos seus filhos, desde antes de nascerem. 

Tirando estes dois fatores, são peixes muito pacíficos e, no geral, convivem bem com outras espécies. 

Como deve ser o aquário?

O Peixe Escalar é consideravelmente grande e, por conta disso, o mais recomendado é que o aquário seja espaçoso. Ele prefere águas ácidas em que o pH esteja em torno de 6.8 ou 7.0. Qualquer valor de pH acima disso, pode ser um risco para a espécie. E a dureza entre os 3 e os 10 dH. 

Sendo que o Escalar é um peixe tropical, a temperatura da água deve estar entre 22°C e 28°C. Porém, o mais recomendado é manter em 26°C.

Para facilitar neste ponto, é importante garantir um termômetro e um termostato. Ambos os equipamentos irão te auxiliar a deixar a água na temperatura ideal para o seu peixinho.

Caso você opte por colocar cascalhos ou pedrinhas no fundo do aquário, é importante que elas não sejam pequenas a ponto de serem vistas como alimento para o Peixe Escalar, pois, se forem ingeridas, podem causar problemas no intestino.

Além disso, são peixes que adoram plantas e esconderijos! Então, plantas volumosas ou enfeites de cavernas serão muito bem vindos neste aquário.

É importante lembrar que o Peixe Escalar é territorialista e protetor quanto aos seus filhotes, então, será necessário que ele tenha um lugar onde possa esconder e defender os seus bebês.

Qual é a dieta do Peixe Escalar?

saiba mais sobre o peixe escalar

A dieta do Escalar é simples e pode variar. Por se tratar de um peixe onívoro, é possível alimentá-lo com ração, alimentos vivos, insetos, larvas, etc.

Porém, lembre-se: a base principal da dieta do seu peixinho deve sempre consistir na ração especializada para ele!

Em caso de dúvidas relacionadas à ração ideal ou à quantidade, consulte sempre o especialista que te vendeu o peixinho, ou um veterinário.

Gostou do conteúdo? Veja outros posts sobre peixes de aquário:

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário