Ganhe 10% OFF* na primeira compra. Use o cupom 10BLOG
*Limitado a um uso por CPF

Antúrio: guia completo para cultivá-la em casa

| Atualizada em

Por Cobasi   Tempo de leitura: 5 minutos

Compartilhar:
Compartilhar:
anturio com folhas

O antúrio é uma planta sofisticada que chama a atenção por sua cor forte e as folhas em formato de coração. Para ajudar você a cultivar e cuidar dela em casa, nós preparamos um guia com tudo o que você precisa saber para arrasar na jardinagem. Conheça!

O que é o antúrio e qual sua origem?

O antúrio é uma planta que pode ser encontrada em diversas tonalidades que vão do vermelho ao branco, passando pelo rosa e amarelo. Com o nome científico de Anthurium essa espécie tem como origem a América do Sul, na região da Nova Granada, na Colômbia. 

Embora essas plantas sejam encontradas com mais facilidade nas cores branca e vermelha, há no mundo mais de 600 espécies diferentes de antúrios. Em situações raras, é possível encontrar tipos de plantas nas cores rosa, salmão, verde e marrom.

No Brasil, as espécies predominantes são Anthurium andreanum (paleta-de-pintor) e Anthurium Scherzeranum (flor-de-flamingo). Por seu aspecto delicado, são bastante usadas na decoração de ambientes internos ou externos.

Antúrio: características da planta

Os antúrios são plantas de tamanho compacto, pois mesmo com a floração completa, ela atinge no máximo 1 metro de altura. A sua parte mais vistosa é uma inflorescência, composta pela bráctea e pela ráquis, aquela espiga amarela que fica no centro da planta.

Qual é o significado do antúrio?

Você sabia que o antúrio é uma planta cheia de significados? O primeiro é em relação ao nome, antúrio em grego é Anthos que significa flor! Apesar da variedade da coloração de suas inflorescências, um antúrio é perfeito para simbolizar confiança, iluminação e dar um toque de luxo ao ambiente. 

E para os interessados em feng shui, a prática diz que o antúrio é uma flor que estimula expansão e sucesso. Isso quer dizer que escritório e lugares de criatividade são ótimos para ter um vasinho com um exemplar.

E, por fim, além da energia que a espécie transborda, ela é uma das plantas mais indicadas para manter o ar puro e remover toxinas do ambiente. Então, se você quer respirar melhor, está aí uma boa opção para seu cantinho!

Antúrio é uma planta tóxica?

O antúrio é considerado uma planta tóxica, pois ela possui oxalato de cálcio. Essa substância faz mal para crianças e animais de estimação. Caso ingerida, ela causa queimação, irritação das mucosas, náuseas e inchaço. 

Se você tem pets ou crianças em casa, o mais indicado é escolher locais de difícil acesso para cultivar a sua planta. Em caso de ingestão, procure um médico imediatamente ou vá até um veterinário, no caso dos bichinhos.

Como plantar antúrio?

O plantio do antúrio pode ser feito tanto em vasos, em casos de ambientes internos ou diretamente no solo, se a ideia for colorir o jardim. O apaixonado por jardinagem só precisará ficar atento a itens como drenagem do solo, adubação e a iluminação adequada para a planta.

Qual o vaso ideal para plantar Antúrio?

O antúrio é uma espécie que se dá bem tanto com vasos de barro como de plástico. O importante é garantir que haja uma boa drenagem do solo, pois o excesso de água pode fazer mal para as raízes.

Antúrio gosta de sol ou sombra?

O espaço ideal para esta espécie é a meia-sombra, isto é, a planta antúrio gosta de sol, mas em lugares com luz indireta e ventilação. A recomendação é que não haja frio demais, muito menos sol em excesso. 

Por isso, o mais indicado é deixar o vaso em locais próximos às janelas, corredores e varandas fechadas. Lembre-se de que o habitat natural da planta é tropical.

Há um substrato certo para o Antúrio?

jardim de anturios
Substrato orgânico é essencial para garantir a beleza da flor

O segredo para oferecer uma terra drenável para a planta é ter um substrato com uma mescla de terra com fibra de coco e húmus. Além de facilitar o escoamento, essa combinação é rica em matéria orgânica, do jeito que ela adora.

Adubação correta do Antúrio

A floração é uma das principais preocupações de quem tem a planta, afinal, a vontade é de vê-la sempre bonita, colorindo a casa. Por isso, é importante utilizar um adubo rico em fósforo, como é o caso do NPK 4-14-8, durante a primavera e verão. Durante o outono e inverno, não é necessário fazer a fertilização da planta.

Como regar o Antúrio?

A recomendação é que a rega aconteça 3 vezes na semana durante as épocas mais quentes do ano. Uma boa dica é colocar  o dedo na terra para ver se ela ainda está úmida. Se a resposta for negativa, chegou a hora de regar a sua planta.

É necessário fazer a poda do Antúrio?

O antúrio, diferentemente de outras espécies de plantas, não requer a poda periódica para crescer com saúde. Basta fazer a remoção de folhas amarelas e secas, assim você garante que ela esteja sempre bonita. 

Saiba como fazer muda da planta

A principal maneira de fazer a propagação de antúrios é a partir de mudas com estaquias. Para isso, será necessária uma planta já adulta. Neste caso, você deverá realizar um corte e colocar o pedaço em questão na terra. 

O indicado é separar ferramentas de corte esterilizadas e fazer a poda próximo do caule principal. Em seguida, mantenha os galhos na água até que eles criem raízes. Após esse período, é só escolher o vasinho adequado e colocar as mudas na terra. 

Uma alternativa é usar  sementes frescas colhidas diretamente da planta. Para fazer a colheita, basta retirar as sementes da espiga da planta. Depois, basta seguir o passo a passo que iremos mostrar para deixar a casa ainda mais bonita.

Gostou de aprender tudo sobre o antúrio? Então, compartilhe com a gente nos comentários em qual lugar da casa você irá cultivá-lo.

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

10 Comentários

  1. Mery Marinho disse:

    Ajudou muitíssimo TDS as dicas sobre o antúrio.

  2. Anisia NARIA da Silva disse:

    Sou apaixonada na minha cidade só tem pequenos eu queria ter desse maior

  3. Marília Evangelista pereira disse:

    Ótima publicação. É a planta que eu mais gosto. Excelente explanação de conteúdo.

  4. Marília Evangelista pereira disse:

    Agradeço.

  5. Lucilene Aparecida disse:

    Muito boa dica, eu tenho antúrio em casa e aprendi muito.

  6. Lucilene Aparecida disse:

    Muito boa dica, eu tenho antúrio em casa e aprendi o jeito certo de cuidar deles.
    Obrigado e Deus abençoe 👏👏💞💞

  7. Anna Luísa disse:

    Nunca pensei que a planta de Antúrio fosse tóxica!!!Sempre existiram plantas de Antúrios em casa e eu continuei a tê-las depois de casada.Meus filhos e animais domésticos sempre conviveram com elas e ficavam e ficam ao alcance de todos.
    Mas agora sabendo, vou ter mais cuidados.Tenho 2 vasos grandes com Antúrios.Um vermelho,o outro rosa…

  8. THELMO GAVAZZA disse:

    Estou a escrever meu segundo livro e esse versa sobre flores. Esse trabalho foi magnífico.

  9. Leonor Oliveira da Silva disse:

    Bom dia!
    Sou apaixonada pelos Anturios,mas ainda não havia adquirido um. Há seis dias atrás ganhei de presente de aniversário do meu namorado e não sabia como cuidar. Obrigada pela dica. Abraços!

  10. Maria José Nascimento da Cunha disse:

    Adorei sua fica. Eu comecei a ter em casa. Na minha sala tenho vermelha branca e a preta.
    Agora Aprendi como cuidar melhor das minhas li das.
    Parabéns

Deixe o seu comentário