Cachorro e gato juntos: cinco dicas para a convivência

Compartilhar:


cachorro e gato juntos

Como acostumar com a convivência de cachorro e gato juntos? Essa é a dúvida de muitos tutores que são apaixonados por esses bichos de estimação e não conseguem escolher um só! Esses animais, há muito tempo, são vistos como inimigos, porém, nós sabemos que não é bem assim que funciona. Ou seja, é possível ter cachorro e gato juntos em um mesmo ambiente! Para isso, são necessários alguns cuidados e que o tutor tenha atenção em algumas dicas valiosas para deixar esse processo de convivência um pouco mais tranquilo. Confira!

Cinco dicas para uma ótima convivência entre cachorros e gatos

A rivalidade dos cães e gatos já é passado, e agora nós sabemos que pode existir uma boa convivência entre esses animais. No entanto, os cuidados ainda são extremamente necessários para evitar conflitos, problemas e outros fatores que atrapalhem esse processo. Acompanhe cinco dicas super importantes para estabelecer uma excelente convivência entre os seus novos amigos!

1) Apresente o novo animal de estimação

Caso você já tenha um cão ou um gato em casa, é fundamental que você apresente o novo morador. Essa apresentação deve acontecer de modo natural, sem forçá-los a permanecer no ambiente, cheirar o animal ou se acostumar logo de cara. Deixe com que os animais se conheçam e se sintam confortáveis para se aproximar do novo companheiro. 

Além disso, uma boa opção também é levá-los até a feira de adoção ou outro ambiente onde o pet esteja, para poder acompanhar o processo de perto. Lembre-se de associar a nova chegada a algo incrível!

2) Imponha limites 

Assim que os dois animais estiverem no seu lar, o ideal é que brinquem entre si. Entretanto, é importante que você estabeleça limites para que eles não se machuquem durante as brincadeiras. Os cachorros, por exemplo, caso sejam bem maiores do que os gatos, podem utilizá-los como brinquedos, devido ao seu jeito brincalhão, o que não é saudável e pode machucar o seu felino. Apresente os brinquedos adequados e fique sempre de olho nas brincadeiras! 

3) Estabeleça um local seguro para ambos

Os cães e os gatos são animais que precisam ter os seus próprios cantos para descansarem e se sentirem seguros. Por isso, o ideal é montar uma caminha ou um local para satisfazer as necessidades do seu pet e permitir que eles possam se aconchegar sempre que quiserem. É importante respeitar a individualidade desses animais, por isso esse refúgio é importante para sentirem que possuem um ambiente exclusivamente deles!

cachorro e gato juntos

4) Carinho é importante

Os cachorros são animais que estão constantemente buscando a atenção de seu tutor e de seus companheiros de estimação, por isso capriche no carinho e evite passar muito tempo acariciando somente o seu gato, e vice-versa. São animais que, como quaisquer outros, demandam atenção. Dedique o seu tempo igualmente para ambos os pets se sentirem amados e queridos! Brincadeiras também podem ser ótimas opções. 

5) Adestramento pode ser uma boa opção

Caso a convivência esteja um pouco mais difícil, o adestramento pode ser a solução ideal! É uma boa opção para trazer mais segurança aos animais, impor limites em casa e muito mais. Durante o processo de adestramento, é importante ter o acompanhamento de um veterinário ou profissional do setor, que determinará quais são os melhores métodos para facilitar essa relação. 

Assim, se você está pensando em ter gato e cachorros juntos, saiba que é possível manter uma convivência harmoniosa entre esses animais de estimação!

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário