Gatas e cadelas podem ter filhotes de pais diferentes?

Compartilhar:


Filhotes de pais diferentes

Você já ouviu falar em superfecundação? Ela é uma condição que permite que a fêmea tenha filhotes de pais diferentes. 

Se você já viu uma fêmea, seja ela gato ou cachorro, sendo seguida por machos em busca do acasalamento, saiba que é justamente por isso que a superfecundação pode acontecer. 

Embora pareça estranho e até mesmo curioso, isso é bastante comum entre os animais. Neste texto vamos te explicar porque isso pode acontecer. 

Como é possível ter filhotes de pais diferentes na mesma gestação?

Cada filhote carrega em seu DNA, 50% das características da mãe e 50% do pai, por isso, ao se deparar com uma ninhada, é comum imaginarmos que todos os filhotes são semelhantes. 

Contudo, nem sempre é assim. Encontrar filhotes de gato ou cachorro que nasceram da mesma ninhada, mas possuem características diferentes, é mais comum do que imaginamos. 

Nas cachorras, isso acontece porque elas produzem mais de um óvulo por vez, por isso também é comum ver ninhadas de até 10 filhotes. Além disso, esse também é a razão pela qual os filhotes podem ter pais diferentes. 

Já as gatas, podem produzir quatro ou mais óvulos. No entanto, isso não garante que os óvulos fecundados possam realmente desenvolver os filhotes. 

Os óvulos ficam disponíveis para a fecundação durante todo o cio, ou seja, o momento que ela poderá acasalar com mais de um macho. No entanto, quando ocorre a fecundação do espermatozoide de mais de um macho, os filhotes podem nascer bem diferentes. 

O mais curioso, é que além da gestação por dois pais diferentes, o tempo de gestação do pet também pode ser diferente. Ou seja, o nascimento dos filhotes pode acontecer separadamente. 

Desta forma, os filhotes da primeira gestação nascem primeiro e o restante continua se desenvolvendo dentro do útero da fêmea, até que ocorra o segundo parto. Além disso, é possível que os óvulos fecundados depois, gerem um parto prematuro.

Tem como saber se os filhotes da ninhada são de pais diferentes?

filhotes de cachorro

Infelizmente não é possível saber se os filhotes são de pais diferentes durante o período de gestação, apenas após o parto é possível notar diferenças entre os filhotes. Mesmo assim, para saber se eles realmente são de outro pai, é necessário realizar um exame de DNA.

É importante ressaltar que o fato dos filhotes serem diferentes não quer dizer que eles sejam de pais diferentes. Em algumas raças é possível que ocorram variações genéticas, resultando em características diferentes.

A superfecundação é uma condição que costuma acontecer com mais facilidade em cadelas e gatas de rua, ou em casas com mais de um animal onde a fêmea não é castrada. 

Contudo, vale destacar que a castração é uma das melhores formas de prevenir gravidez indesejada, maus tratos, abandono e doenças graves nas fêmeas. 

Gostou desta publicação? Leia mais sobre cachorros em nosso blog:

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário