Gengivite em gatos: saiba como essa doença pode afetar seu pet

Marcelo Tacconi de Siqueira Marcos

Colaboração de Marcelo Tacconi de Siqueira Marcos

Compartilhar:
gengivite em gatos

Quando o assunto é o bem-estar dos gatos, é comum que os tutores se esqueçam da saúde bucal. Por conta disso, os especialistas reiteram que a gengivite em gatos é um problema muito preocupante para os peludos. 

Não é à toa que diversos estudos mostram que aproximadamente 80% dos gatos adultos têm algum problema bucal. Então, para saber mais sobre a gengivite felina continue lendo este artigo. Aqui traremos várias dicas de especialista para cuidar do seu amigo de quatro patas!

Afinal, o que é a gengivite em gatos?

O especialista da Cobasi Marcelo Tacconi de Siqueira Marcos nos conta o que exatamente é essa doença. “A gengivite nada mais é do que uma inflamação das gengivas. Ela pode ser diagnosticada em gatos e ocorre principalmente nos felinos mais velhos.”

Por se tratar de uma inflamação, essa é uma doença fácil de entender. Portanto, já podemos adiantar que ela ocorre quando há acúmulo de placas bacterianas nos dentes. 

Nesse cenário, ocorre a liberação de toxinas que irritam e prejudicam a gengiva. Por isso, ela pode causar inflamação, dores e até mesmo sangramento na boca dos gatos. Esse é o primeiro estágio para o surgimento de doenças bucais mais graves, por isso é fundamental que o diagnóstico seja feito ainda no início.

Mas fique tranquilo! Afinal, o tratamento e a reversão da gengivite em gatos são relativamente simples. Para isso, são necessárias algumas ações do tutor para melhorar a rotina do felino. 

gengivite em gatos

Qual é o tratamento ideal para a gengivite felina?

O tratamento irá variar de acordo com o caso do animal. Por isso, perguntamos para o médico-veterinário da Cobasi, Marcelo Tacconi de Siqueira Marcos, quais são eles. “Se essa doença estiver sendo causada por acúmulo de tártaro, por exemplo, recomenda-se uma limpeza para remoção desses tártaros, porém, diferente da limpeza em seres humanos, que é um procedimento simples, com os animais se torna um pouco mais complicado.”

Essa dificuldade se deve ao fato de o animal precisar ser submetido a uma anestesia geral para a realização do procedimento. Por isso é fundamental observar a saúde do pet, para ter certeza que ele consegue passar por uma cirurgia.

“Já nos casos mais graves, o animal pode ser submetido a tratamentos com fluidoterapia, antieméticos, antibióticos, entre outros medicamentos”, explica o especialista.

Para evitarmos a gengivite, o especialista da Cobasi explica que a higienização bucal é fundamental. Além disso, é necessário fazer o acompanhamento com o médico-veterinário de sua confiança.

Causas da gengivite

Não é tão difícil identificar a causa da gengivite em gatos. Esse problema acontece, principalmente, devido à falta de higiene bucal. Afinal, os nossos pets não conseguem escovar os próprios dentes, por isso, oferecer ração de qualidade é fundamental. Dessa forma, além de garantir uma nutrição adequada, você também diminui os riscos de problemas bucais no seu pet. 

O mau hálito e a dificuldade para comer são alguns dos sintomas que os gatos com gengivite apresentam, por isso é fundamental manter visitas rotineiras ao veterinário.

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário