Anemia hemolítica em cães: saiba o que é, o tratamento e como prevenir

Compartilhar:


anemia hemolitica
A anemia hemolítica é, infelizmente, uma das doenças mais comuns em cães.

A anemia hemolítica é, infelizmente, uma das doenças mais comuns em cães. Ela acontece quando os glóbulos vermelhos são destruídos naturalmente antes do seu período natural de vida. Por serem responsáveis pela transmissão de oxigênio no sangue, o desaparecimento dessas hemácias acometem diversos órgãos e, portanto, causam inúmeros sintomas nos animais. 

Como perceber que meu cão está com anemia hemolítica?

A felicidade de qualquer tutor é ver o seu amigão saudável e feliz. Por isso, quando ele demonstra certo desânimo e apatia, podemos considerar que alguma coisa não está certa. 

Quando acometidos pela anemia, por exemplo, os cães apresentam diferentes sintomas, uma vez que essa é uma patologia que interfere em todo o organismo. Entre os sintomas mais comuns, por exemplo, estão:

  • Febre;
  • Vômito e diarreia constante;
  • Apatia e fraqueza;
  • Falta de apetite;
  • Palpitação. 

O cão também pode apresentar palidez na pele, membranas e gengivas. 

O que pode causar essa doença?

anemia hemolitica
Apatia e fraqueza são uns dos sintomas mais comuns da anemia hemolítica.

Em algumas vezes a anemia hemolítica pode ser autoimune. Ou seja, natural do organismo do cachorro. Nesses casos, a doença é identificada logo nos primeiros meses de vida do animal e o seu tratamento é diferenciado. Porém, existem situações em que a doença é provocada por outros fatores, por exemplo:

  • Infecções;
  • Vermes;
  • Pulgas e carrapatos.

Vale considerar que esse é um tipo de anemia que pode ser acometido por todas as raças, no entanto, elas são mais comuns em cães das seguintes raças: Poodle, Cocker Spaniel e Sheepdog

Qual é o tratamento necessário contra a anemia hemolítica?

A primeira coisa a ser feita quando identificar uma alteração no comportamento do animal, é sempre levá-lo ao veterinário de sua confiança. A anemia é uma doença que só pode ser descoberta através de exames específicos, como o hemograma

Ao confirmar a patologia, o tratamento mais comum indicado pelos médicos é a adesão de suplementos alimentares, vitaminas e ainda remédios voltados para o combate a doença. É importante lembrar, porém, que esse tratamento deve sempre ser recomendado por um especialista. Medicação sem prescrição pode ocasionar problemas ainda mais graves com a saúde do animal. 

Existe uma maneira de prevenir meu pet?

anemia hemolitica
Uma das formas mais indicadas para a prevenção contra a anemia hemolítica é sempre o oferecimento de uma vida saudável para o pet.

A prevenção é sempre o melhor remédio, certo? Por isso, é fundamental pensar em medidas protetivas para que o seu pet não precise enfrentar a anemia ou qualquer outro problema que interfira na sua saúde. Uma das formas mais indicadas para a prevenção contra a anemia hemolítica é sempre o oferecimento de uma vida saudável para o pet. Ou seja:

  • Vacinação em dia;
  • Alimentação de qualidade, de acordo com as suas necessidades;
  • Uma rotina de exercícios;
  • Muito carinho e brincadeiras;
  • Brinquedos que estimulem o seu raciocínio;
  • Rotinas de higiene. 

Isto é, uma rotina equilibrada pode colaborar para evitar a anemia e outras doenças. Além disso, os tutores precisam ficar sempre de olho no comportamento do animal, qualquer mudança repentina sem um motivo pode ser um sinal de que seu amigão precisa de você.

Leia mais sobre outros pets em nosso blog:

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

1 Comentário

  1. Cenira de Mello disse:

    Meu cão tem essa anemia hemolitica.
    Estou triste mas gostei das informações.
    Eficazes. Grata

Deixe o seu comentário