Basenji: conheça o cão que não late

Compartilhar:


cachorro basenji tricolor olhando para frente

Uma das raças primitivas originárias da África Central, o basenji é um pet silencioso, carinhoso e independente. Apesar de não estar entre as raças de cachorro mais conhecidas no Brasil, esse cãozinho tem feito cada dia mais sucesso em todo o mundo!

O basenji pesa até 12 kg e atinge uma altura média de 40 centímetros. Seu passado está nos livros de história! Foram encontrados registros de pinturas semelhantes a esses cães em pirâmides e tumbas egípcia com 5 mil anos de idade.

Basenji: personalidade e características

Apesar de pequeno, esse cachorrinho é cheio de energia. Sempre alerta e muito inteligente, ele era usado para guarda das tribos e caça. No entanto, ele se tornou um ótimo cão de companhia e é carinhoso e apegado aos tutores. Apesar isso, não é muito fácil de ser adestrado.

Apesar do seu porte pequeno – o cão basenji não ultrapassa os 12 kg –, a raça é agitada e precisa de passeios diários e brincadeiras. É possível ter um basenji em apartamento ou em casa e esse cãozinho oferece uma grande vantagem.

Dificilmente você ouvirá o basenji latindo. Na verdade, o basenji não late, mas emite alguns uivos e outros barulhos para se comunicar.

Basenji preto, branco e caramelo

Esse pequeno cachorro de orelhas em pé é muito apreciado por sua beleza. Seu corpo é saudável e ele carrega a herança física dos cães primitivos. Sua pelagem é curta e normalmente bicolor ou tricolor, apresentando variações de branco, caramelo e preto.

Como cuidar do seu pet

basenji caramelo e branco olhando para baixo

Essa é uma raça resistente e que não tem muitos problemas de saúde hereditários. Entre os mais comuns estão aqueles relacionados à bexiga e aos rins. Por isso, as infecções urinárias e a incontinência são um tanto quanto comuns. Fora isso, a raça pode apresentar dermatites por causa da pelagem curta. Saber da maior propensão para certas doenças ajuda o tutor a fazer o acompanhamento veterinário correto e manter o pet sempre saudável.

Além disso, existem outros cuidados que podem aumentar a expectativa de vida do pet e oferecer mais bem-estar. A alimentação de qualidade é uma delas! Procure dar rações Super Premium, pois são ricas em proteínas de alto valor biológico e possuem ingredientes selecionados para um pet sempre saudável. As quantidades devem sempre seguir as indicadas na embalagem da ração e não exagere nos petiscos. O basenji tem tendência à obesidade e, por isso, exercícios e alimentação balanceada são importantes.

Por falar em exercícios, eles são fundamentais para cuidar do seu basenji. Agitados, esses pets precisam de passeios diários intensos e muita brincadeira. Nada de passar o dia fora e o pet ficar sozinho! Isso vai causar estresse e diversas doenças nele.

Gostou do conteúdo? Conheça outras raças de cachorro:

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário