Cachorro bebendo muita água: o que pode ser?

Compartilhar:


cachorro bebendo muita água

Geralmente, quando percebemos o cachorro bebendo muita água, entendemos como um sinal de saúde, certo? De fato, é extremamente importante que os pets tenham uma boa hidratação ao longo do dia.

Porém, quando o animal passa a beber mais água que o normal, é a hora de ficar atento.

Isso porque, quando o cachorro bebe muita água, algum fator interno ou externo certamente está associado. Algumas vezes, pode até mesmo ser uma doença.

Por isso, continue a leitura e entenda mais sobre o tema. Dessa forma, você saberá identificar se é o momento de se preocupar com o cão sedento.

Qual a quantidade certa de água por dia?

A quantidade ideal de consumo diário de água varia muito de um animal para o outro, bem como de acordo com as regiões do país e até as estações do ano.

Os cães filhotes, por exemplo, são mais agitados, por isso, sentem necessidade de beber uma quantidade maior de água ao longo do dia. Aqueles pets que passeiam várias vezes ao dia também costumam ser adeptos frequentes do potinho de água.

De todo modo, o indicado é deixar água fresca sempre disponível para o pet.

Cachorro bebendo muita água: quando é normal?

cachorro bebendo muita água

Como já mencionamos, filhotes, cães agitados e aqueles que praticam mais atividade física costumam ter um consumo hídrico superior. Porém, também existem outras variáveis.

Em regiões mais frias, os pets costumam beber menos água. Já em locais quentes, ver um cachorro tomando muita água é normal.

O mesmo vale para as estações do ano. Quando o clima esquenta, o consumo de líquidos também deve aumentar.

Cachorro bebendo muita água: quando é sinal de perigo?

O consumo de água não fará mal ao animal, mas o aumento da procura por líquidos pode indicar doenças.

Portanto, caso o animal não esteja passando por nenhuma das situações citadas acima, é preciso ficar atento e se preocupar. Afinal, o cachorro bebendo muita água pode indicar alguma doença.

Se um cachorro está tomando água em excesso, é possível que algo não esteja equilibrado em seu organismo, portanto o recomendado é procurar um médico-veterinário.

A sede excessiva tem até nome: polidipsia. Essa condição pode, inclusive, gerar outra condição, chamada poliúria, isto é, quando a produção de urina do animal aumenta.

Vamos conhecer algumas doenças que têm entre os seus sintomas o cachorro tomando muita água?

Diabetes mellitus

A deficiência ou resistência à insulina no organismo do animal pode levá-lo a um quadro de hiperglicemia. A diabetes provoca o aumento da quantidade de açúcar no xixi do animal e pode gerar inúmeros desdobramentos.

Problemas renais

A insuficiência renal é outro problema que podem fazer com que cachorro bebendo muita água seja algo preocupante. O tutor também observa alterações no apetite do pet, urina com coloração diferente, aumento do xixi e vômitos.

Insuficiência hepática

Assim como as doenças renais, os problemas que desencadeiam a falência do fígado são assintomáticos. Além de o animal beber uma quantidade grande de água, ocorre a urina em excesso, perda de peso, vômitos e diarreia.

Hipertireoidismo

Essa doença atinge a tireoide, glândula que regula diversos órgãos, como o coração e o cérebro. Um dos sintomas é justamente a polidipsia.

Hiperadrenocorticismo

Uma das doenças hormonais mais comuns nos cães, o hiperadrenocorticismo, ou Síndrome de Cushing, consiste na produção excessiva de cortisol.

Quando o cachorro bebe muita água, é importante também observar outros sintomas, as condições físicas do animal e fatores externos. Se um cachorro idoso bebe muita água, por exemplo, é importante fazer uma visita ao veterinário, já que doenças renais crônicas são mais comuns nessa faixa etária.

Já se o cachorro está tomando muita água e vomitando, ou então se o cachorro bebe muita água e não come, isso deve ser relatado ao veterinário, pois pode ser desde verminose até intoxicação.

De fato, é preciso estar atento a qualquer alteração no comportamento do animal e levá-lo ao médico-veterinário tão logo sejam notados os primeiros sintomas.

Quando oferecer mais água para o pet?

como correr com cachorro

O consumo de água não só não é um problema, como também faz muito bem ao animal e deve ser influenciado em algumas situações.

Confira a lista que preparamos com situações em que você deve manter o potinho de água sempre cheio:

  • após caminhadas, passeios e atividades físicas;
  • em dias quentes;
  • quando cadelas estão prenhes ou lactantes;
  • quando cães são filhotes.

Independentemente da idade, todo animal precisa ter à sua disposição água fresca e filtrada. Aliás, o ideal é abastecer o pote de água do cachorro pelo menos duas vezes por dia. Dessa forma, ele mantém uma boa hidratação com água limpa em seu dia a dia.

Uma boa forma de ajudar o seu animal a beber a quantidade recomendada de água é espalhar diversos potinhos pela casa. Outra solução indicada é adicionar a ração úmida na rotina alimentar do pet, ampliando o consumo hídrico.

E como é na sua casa? Tem um cachorro bebendo muita água ou não?!

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

3 Comentários

  1. Geraldo disse:

    Muito boa a matéria. Parabéns pela forma que redigiu esse esclarecedor texto!

  2. Tânia disse:

    Meu cachorro a partir da hora que vai dormir ,toma água de hora em hora na madrugada.

Deixe o seu comentário