Gato pode comer melancia? Entenda mais

Por Cobasi

Compartilhar:
Descubra aqui se gato pode comer melancia

Vez ou outra, é muito comum querermos fazer um agrado aos nossos pets com algum alimento diferente; um petisco, uma comida ou uma fruta que fuja da ração com a qual costumamos alimentá-los.

Mas, antes de fazer isso é sempre importante tentar entender o tipo de alimento que é mais apropriado para o organismo do seu animal, para não acabar dando algo que seja toxico para ele.

Você sabe, por exemplo, se o seu gato pode comer melancia? 

Quando pensamos nos gatinhos, não passa pela nossa cabeça dar melancia a eles. Afinal, gatos parecem gostar mais de carne e ração, não é mesmo?

Mas, na verdade, algumas frutas também podem ser muito benéficas para dieta desses felinos, pois possuem diversos nutrientes, fibras e vitaminas que fazem bem ao organismo deles.

Benefícios e malefícios das frutas para os gatos

Mesmo os gatos sendo carnívoros, ou seja, animais que possuem a sua dieta composta por carnes, as frutas podem ser um ótimo complemento dessa alimentação. Isso porque elas ajudam na digestão, além de auxiliar gatos com problemas de obesidade. 

Entretanto, tudo em excesso pode prejudicar a vida dos nossos felinos. Então, é preciso saber controlar a quantidade de frutas que damos a eles.

Frutas em excesso, podem causar diabetes e obesidade, além de fazer com que os gatos viciem nesses alimentos e não queiram mais comer ração. 

Então, isso quer dizer que o gato pode comer melancia?

Sim, os gatos podem comer melancia, desde que seja de maneira controlada.

Dentre os principais nutrientes presentes na melancia, existem 4 que podem ser favoráveis para a alimentação dos gatos: a vitamina A que auxilia na visão e no crescimento dos ossos; a vitamina B6 que auxilia em diversas funções relacionadas ao metabolismo; a vitamina C que fortalece o sistema imunológico; e o potássio que é o responsável por manter os músculos saudáveis. 

Outra característica muito interessante dessa fruta é que ela tem 92% de água em sua formação, portanto, ela consegue suprir as necessidades hídricas dos gatos, visto que eles são animais conhecidos por não tomarem tanta água quanto deveriam. 

E como introduzir a melancia na alimentação do meu gato?

Descubra aqui se gato pode comer melancia

Como já falamos aqui, pode parecer muito estranha a ideia de dar frutas aos nossos gatos, porque até onde conhecemos, eles parecem simpatizar mais com alimentos como a ração e petiscos com sabores de carne. E é sempre bom frisar a importância da ração na vida do gato e o fato de que ela não deve ser substituída por outro alimento no dia a dia. Apesar disso, é possível complementar esse cardápio com uma fruta como a melancia. 

Os gatos possuem um paladar muito exigente e seletivo. Portanto, introduzir a melancia na alimentação dele tem que ser um processo. O recomendado é que você comece oferecendo a melancia, sem sementes, junto à uma parte da comida durante alguns dias, para que o gato possa se acostumar ao cheiro, gosto e textura da fruta. Durante esse processo, tente observar como ele e o organismo dele reagem. Se não houver rejeição do gato ao alimento, comece a tentar oferecer a melancia sem a ração até que se torne habitual para ele ter a melancia como um petisco saudável. 

Vale ressaltar que tudo em excesso pode fazer mal, portanto, mesmo sabendo que o gato pode comer melancia, procure moderar na quantidade para que isso não acabe sendo prejudicial a ele. A melancia serve de complemento à ração que, sozinha, já pode ser suficiente para o seu bichinho. 

Gostou do conteúdo? Veja outros posts sobre alimentação para os seus gatos: 

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário