Guizo: tudo o que você precisa saber

Compartilhar:


O guizo pode ser considerado uma espécie de pequeno chocalho. Geralmente é feito de metal, mas pode ser também um fruto seco com sementes dentro. Quando é feito de metal, essa espécie de pirâmide com as pontinhas arredondadas tem bolinhas maciças em seu interior que fazem barulho ao serem sacudidas.

O guizo é muito utilizado em brinquedos para pets, como gatos, cachorros e até alguns tipos de pássaros, e algumas vezes são usados também na coleira dos animais, como uma maneira de o tutor saber mais facilmente onde eles estão.

Para que serve o guizo

O guizo, durante muito tempo, foi utilizado na parte de dentro de bolinhas e outros brinquedos para chamar a atenção de pets e até de crianças pequenas. O som característico de sininho atrai os sentidos e promove a interação com o brinquedo.

O uso do guizo especificamente em gatos costuma ter três funções: 

  • auxiliar na localização do pet: com o guizo fica mais fácil para o tutor saber onde o gato está, o que pode ser especialmente útil no caso daqueles que costumam desaparecer dentro de casa, entrando em armários e gavetas, por exemplo;
  • proteção para outros pets e possíveis presas do gato: o barulho do guizo serve de alerta para pássaros e outros animais que o gato possa enxergar como presa, pois impede que ele se aproxime silenciosamente.
  • questões de estilo e estética: muitos tutores optam por colocar guizo na coleira do gato porque gostam do acessório.

Quando usar o guizo no seu gato

Se você tem um gato em casa e ele convive com outros pets, como calopsitas, papagaios, coelhos e hamsters, por exemplo, pode ser uma boa ideia manter uma coleira com guizo no bichano quando eles estiverem soltos no mesmo cômodo.

Mas é importante ter em mente que o que de fato pode proteger esses outros pets de um eventual ataque do gato é a correta socialização feita entre eles. Se o gato enxergar outros pets como uma ameaça ou como alimento em potencial, colocar o guizo não vai resolver o problema, apenas adiá-lo.

Por isso, antes de introduzir outros pets na sua casa, faça uma extensa pesquisa e converse bastante com o veterinário do gato para avaliar a melhor maneira de conduzir a situação.

Riscos ao usar guizo em gato

Os gatos são animais naturalmente silenciosos e sorrateiros devido aos seus instintos de caçador. Por isso, colocar um guizo na coleira do animal é algo que deve ser avaliado com cautela para não incomodar o pet.

Você pode fazer testes e avaliar como seu bichano se sente. Preste bem atenção se há alguma mudança de comportamento nele em função do guizo na coleira e não hesite em tirar o sininho caso perceba incômodo no animal.

O guizo pode ser uma ótima opção para brinquedos de gato, como ratinhos e bolinhas, que vão simular situações de caça, como o felino encontraria na natureza. Não deixe de verificar o que funciona com o seu gatinho, tendo em vista sempre a sua segurança, saúde e bem estar.

Continue a leitura com outros artigos selecionados:

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário