Hamster de estimação e cuidados básicos com o pet

Compartilhar:


hamster de estimação na mão de uma mulher

Pequeno, simpático e curioso, esse é o hamster de estimação. O bichinho está presente na lista de pets favoritos não só aqui no Brasil, mas em diversos países. O seu tamanho é uma vantagem para aqueles que não possuem espaço suficiente para ter um cachorro, mas os motivos para ter um hamster vão além. Vem com a gente, vamos te contar as características desse bichinho!

Através do nosso guia de cuidados básicos com um roedor, você vai conhecer as espécies mais comuns e curiosidades sobre o pet.

Hamster de estimação: um amigo para todas as idades

A origem do nome desse animal tão simpático já desperta interesse. Você sabia que a definição vem do termo alemão “hamstern”, que significa armazenar? Pois é! A escolha tem ligação com as bochechas do roedor, que são ótimas para guardar comida, e este é inclusive um hábito dele. 

De hábitos noturnos, o hamster de estimação é acostumado a dormir bastante ao longo do dia e acordar no começo da noite para seus afazeres, entre eles, comer, se exercitar e passear pela gaiola. Além de ser ótimo para pessoas que não ficam em casa durante o dia, ele também é um pet recomendado para crianças, pois é dócil e adora brincar.

Conheça suas espécies: hamster sírio, chinês e russo

Entre as variações do hamster de estimação, três se destacam, sendo a número um o Sírio, um roedor que fica entre 12 e 15 centímetros de comprimento, não pesa mais de 150 gramas e vive cerca de 2 anos. É uma espécie um tanto quanto exigente em relação à companhia, pois não aceita outros roedores na mesma gaiola.

Por outro lado, temos o hamster chinês, menos comum, porém mais sociável. Ainda menos que o Sírio, eles têm entre 5 a 7 centímetros e até 70 gramas.

Enfim, conheça o hamster anão russo, um bichinho minúsculo com olhos que se destacam em conjunto com o seu nariz que está sempre procurando cheiros diferentes. Esta também é uma espécie que pode conviver com outro roedor que também seja amigável.

O que é necessário ter para criar um hamster?

hamster de estimação no sofá

Se comparado com outros bichinhos, como cães e gatos, o roedor é um animal fácil de cuidar e tem a vantagem de não precisar de muito espaço, sendo sua gaiola um parque de diversões completo. Conheça um pouco mais sobre os itens fundamentais na vida do seu amigo e se prepare para o “enxoval”.

Como escolher uma gaiola para hamster

Assim como nós, os roedores gostam de casas confortáveis, por isso faça o possível para escolher uma gaiola de hamster ampla e que ofereça espaço suficiente para o bichinho. São vários os modelos no mercado, sendo que existem estruturas completas, com rodinha para hamster, comedouro e bebedouro.

Outra opção é investir em uma clássica e aperfeiçoá-la com os outros elementos importantes, como o pote de comida, bebedouro e brinquedos.

Acessórios básicos: comedouro e bebedouro 

A alimentação é parte indispensável para garantir a qualidade de vida do pet. Por isso, a base da dieta de um hamster de estimação é uma ração específica para roedor, mas também pequenos petiscos, como frutas, legumes e verduras.

O indicado é que ele receba de 7 a 12 gramas de comida por dia para ter todos os nutrientes que precisa. Além disso, considere alimentos mais duros são essenciais para manter os dentes no tamanho certo.

Brinquedos para hamster de estimação

A diversão é um momento de lazer, mas também necessária para ajudar o pet a gastar energia. Entre os melhores brinquedos para um roedor está o clássico globo, rodinha e túneis. A pedra mineral é um aliado para auxiliar no desgaste dos dentes e entretenimento.

Fique em dia com a higienização

E claro, a limpeza da gaiola e elementos da casinha do hamster devem ser frequentes. Desta forma, considere que o comedouro e o bebedouro precisam ser lavados diariamente com sabão neutro.

Se quiser aprender mais sobre roedores, como o porquinho da Índia, temos vários conteúdos no nosso blog. Olha só, já selecionamos alguns para você:

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário