Kalanchoe: saiba como cuidar da flor da fortuna

Compartilhar:


kalanchoe

A kalanchoe é uma flor muito delicada, colorida e fácil de cuidar. Elas se dão muito bem no calor e suportam a escassez de água. Podem ser encontradas em tons alaranjados, vermelhos, amarelos, rosa, lilás ou de branco. 

Elas podem ser cultivadas facilmente, em vasos ou floreiras e ficam muito bonitas compondo decorações e arranjos. 

Continue lendo para saber mais sobre essa flor da fortuna, capaz de colorir nossos dias e deixar os ambientes mais agradáveis. 

Origem da Kalanchoe: da África ao Brasil

A kalanchoe faz parte do gênero das plantas suculentas, ela tem origem africana e nada mais são do que um tipo de vegetação com folhas carnudas em aspecto rústico e que possuem floração

Esta flor é muito conhecida como flor da fortuna ou kalandiva, no Brasil, ela também é conhecida como coerana, coirama-branca, erva-da-costa, folha da fortuna, folha-de-costa ou saião

Por ser uma planta de origem africana, ela está acostumada com o tempo quente e ensolarado. Adora receber a luz solar direta e desta forma, suas flores duram por mais tempo, mas também pode viver bem a meia sombra

No entanto, elas acumulam muita água, por isso, é importante não receber regas frequentes. Duas vezes por semana no verão e uma no inverno já está de bom tamanho para que a planta consiga viver bem. 

Significado da Kalanchoe

Muito conhecida por ser flor-da-fortuna, a kalanchoe possui um significado especial na hora de presentear os familiares e amigos. Afinal, ela é conhecida por trazer prosperidade, abundância e alegria a quem a recebe. 

Além disso, esta planta também simboliza a paz, amizade e o agradecimento, sendo uma ótima opção para quem quer demonstrar afeto com um presente simples e cheio de significado. 

Como cuidar da kalanchoe adequadamente

A kalanchoe não é uma planta difícil de cuidar, nem requer muito tempo. De modo geral, a maior preocupação que você terá com a planta é garantir que ela receba luz solar e água algumas vezes na semana. 

Mas para facilitar, separamos algumas dicas de cuidados para ter com a planta:

Iluminação

O ideal é que a planta receba luz solar direta para se manter sempre bonita e florada. Isso faz com que ela não seja uma boa opção para ambientes internos, a menos que fique próxima de áreas onde receba luz

Regas

Como toda planta, as regas merecem atenção, a kalanchoe é uma planta que tende a acumular água, portanto, não deve receber regas diárias. Efetuar a rega duas vezes por semana em épocas ensolaradas e quentes e uma vez na semana em dias frios, ajuda a planta a não ficar com as folhas amareladas e nem com o solo encharcado. 

Além disso, é importante que o solo seja bem drenado, para isso, basta fazer uma mistura de terra comum, terra vegetal e areia. 

decoração com kalanchoe

Adubação

A adubação é importante para garantir que a planta tenha floração constante e abundante. Para isso é possível realizar a adubação com húmus de minhoca, farinha de osso e torta de mamona

As fórmulas NPK também são ótimas opções para complementar a suplementação da planta, especialmente próximo das épocas de floração. Lembre-se se nunca colocar o adubo diretamente sobre a planta, é importante que seja aplicado no solo. 

Gostou dessas dicas? Acesse nosso blog e leia mais sobre jardinagem:

Como cuidas das suas suculentas?
Quando usar adubo e fertilizantes nas suas plantas
Descubra quais são as plantas venenosas para pets
Jardim dos sonhos: 5 dicas para florir

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

1 Comentário

  1. Felipe disse:

    Gostei das dicas, práticas e sucintas

Deixe o seu comentário