Ratos domésticos: espécies de estimação

Compartilhar:


ratos domésticos dentro de uma gaiola

Os ratos domésticos, que estão na categoria de estimação, se tornaram uma opção de companhia interessante para se ter em casa nos últimos tempos. Um dos primeiros motivos é por não precisarem de tanto espaço, ou seja, viverem bem em gaiolas. Além disso, também são animais dóceis, o que faz deles ótimos amigos para as crianças, por exemplo.

Conheça o mundo dos roedores e os favoritos na hora de escolher um pet! Por mais que todos sejam peludinhos e com bigodes, cada um tem sua personalidade.

O que são ratos domésticos?

Em primeiro lugar, os roedores pertencem ao grupo de mamíferos, e por mais que apenas alguns sejam criados por seres humanos, são mais de 2 mil espécies espalhadas pelo mundo.

Provavelmente bichinhos como os hamsters e camundongos são os primeiros a passarem pela sua memória, mas na lista estão presentes esquilos, gerbers, castores e muitos outros. Porém, nem todos são de estimação por conta dos seus hábitos e características.

E dando início às curiosidade desse post, começamos com uma sobre o tão famoso coelho. O bichinho, que pode ser criado como pet, na verdade não é um roedor, e sim uma espécie da ordem dos lagomorfos, que constitui um grupo de mamíferos que possuem quatro dentes na mandíbula superior.

5 ratos domésticos ótimos para estimação

Ao redor do mundo, os favoritos na categoria roedores que são criados por seres humanos variam, por isso nosso foco será nos preferidos pelos brasileiros. Descubra quais são mais sociáveis, agitados e suas peculiaridades.

Porquinho-da-Índia

Conhecido por ser uma ótima companhia para adultos e também crianças, este é um dos ratos domésticos, que não tem nada de porquinho e muito menos indiano, bastante sociável. Inclusive, a recomendação é que a pessoa tenha um casal em casa para que eles se divirtam juntos!

Continuando, outra característica é que a variedade de porquinhos-da-Índia é enorme, tem raça com pelo comprido, curto e até sem pelagem. A expectativa de vida do bichinho é de mais ou menos 5 anos dependendo da sua saúde e bem-estar, além disso, medem até 25 centímetros e chegam a pesar 1kg.

Hamster

Na lista de favoritos entre os ratos domésticos está o hamster, um pequeno roedor que tem míseros 10 centímetros, pouco mais de 150 gramas e vive 2 anos. Os mais conhecidos como pet são o Sírio, Chinês e Anão-Russo, sendo que o mais sociável é o segundo.

Independente da raça, todos são bem ativos, ou seja, precisam gastar energia nas clássicas rodinhas de exercício, túneis e outros brinquedos para roedores. Para um passatempo mais divertido, o globo para hamster é uma ótima opção.

Chinchila

Um pet não tão comum como o porquinho e o hamster, mas que certamente tem seu espaço como favorita por conta da sua personalidade amigável e expectativa de vida, de 10 a 15 anos. Porém, as chinchilas são ratos domésticos que precisam ser conquistados, ou seja, você deve criar uma relação com o animal para que ele se solte e sinta-se seguro com você.

Outra qualidade da chinchila é sua comunicação, este é um bichinho que mostra com facilidade quando está feliz, apático ou simplesmente triste através de atitudes e barulhinhos. Um dos maiores cuidados com esse roedor é que as mudanças de temperatura impactam diretamente na sua saúde.

Twister

Um ratinho que possui vários nomes, visto que também é chamado de mercol e ratazana doméstica. Além de ser sociável e gostar de brincadeiras, o twister é um roedor que até truques pode aprender!

Sua expectativa de vida gira em torno de 4 anos e uma recomendação é ter dois exemplares por conta da importância que a companhia tem na vida do animal. Entretanto, cuidado na hora de juntar um casal, visto que as chances de acabar com uma ninhada são altas.

Gerbil

A esperteza em forma de pet! O Gerbil, também conhecido como esquilo-da-mongólia, vem ganhando popularidade no Brasil por sua inteligência e personalidade divertida.

Uma das ótimas vantagens em ter um gerbil como amigo é a rotina de cuidados, simples e fácil. Sendo assim, ao cuidar com carinhos do bichinho, dificilmente terá problemas. A diversão é parte importante no dia a dia dele, então certifique-se de arrumar uma gaiola recheada de brinquedos interativos e que estimulem o pet a se exercitar. Por fim, é outro dos ratos domésticos que vivem mais ou menos 3 anos e se dá bem com tutores de primeira viagem.

Gostou de conhecer esses bichinhos curiosos que estão ganhando espaço na casa dos brasileiros? A alimentação e rotina de cada um deles é única, então se esforce para conhecer mais sobre os hábitos de cada um! Para te ajudar, já temos alguns conteúdos específicos sobre eles, olha só:

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário