American Bully: Tudo que você precisa saber antes de ter um

Compartilhar:


American Bully filhote sentado

O American Bully é considerada uma das vertentes do Pit Bull. Embora sejam vistos como cães agressivos, eles podem se tornar ótimos companheiros. Além disso, esses cães são muito dóceis e amam crianças!

A raça tem se popularizado cada vez mais, especialmente entre as famílias brasileiras. E isso acontece por eles serem cães extremamente fiéis e próximos dos tutores.  

Continue lendo para saber mais sobre esses cães, seu temperamento, características e os principais cuidados com a raça. 

A mistura que criou o American Bully

O cachorro American Bully é originário dos Estados Unidos e foi criado a partir de uma mistura de raças. O grande problema é que não existem registros exatos de quais raças foram as responsáveis por este cão. 

No entanto, pelos seus traços e características, acredita-se que nasceu a partir da mistura entre um American Pit Bull Terrier, um American Staffordshire Terrier e é claro, do Bulldog Inglês, raça que ajudou na criação dos Pit Bulls.

Também não se sabe ao certo quando a raça teve seu primeiro exemplar, no entanto, a raça é recente e sua criação data de meados do século XX. Mas apenas em 2013 a raça foi reconhecida como específica pelo United Kennel Club (UKC).

O propósito da raça era criar um cachorro forte, robusto, companheiro, que pudesse ser um ótimo cão de guarda e se desse bem com seus tutores. 

Forte, robusto e com algumas variações

O cachorro american bully pitbull, é uma raça com traços fortes e robustos. De modo geral, ele não é um cão de porte tão grande, mas pode facilmente chegar a pesar 30 kg. 

O porte do cachorro se destaca pela musculatura densa e bem definida, passando a impressão de que o animal é resistente e bravo. No entanto, basta conhecer de perto a raça para saber que eles são extremamente dóceis e amorosos.

Para que a raça seja padronizada, em alguns países foi imposto o corte das suas orelhas, no entanto, no Brasil, este procedimento é proibido por lei. 

Do pocket ao XL: conheça as características deste pet

Existem vários tipos de American Bully, ainda que com características semelhantes, esses animais possuem tamanhos distintos. 

American Bully Pocket: 

Também conhecido como Pocket Bully, está e a menor versão da raça. O macho pode ter entre 35 a 45 cm, já a fêmea chega a medir 40 cm. 

American Bully Classic: 

Apesenta quase todas as características do American Bully. Comparado ao American Staffordshire Terrier e American Pitbull Terrier, ele pode medir até 50 cm, são muito musculosos e bem ativos. 

American Bully Standart: 

Bully Standart é a variação da raça que possui o porte mediano, medindo até 50 cm.

American Bully Extreme: 

Este tipo possui características muito parecidas com as do Bully Standart. No entanto, sua aparência é ainda mais musculosa, eles são fortes e robustos. 

American Bully XL: 

Parecido com American Bully Classic, o American Bully XL é a maior variação da raça. Contudo, sua personalidade não muda em relação aos demais. 

Grande na aparência e no coração

Embora os cachorros american bully possam assustar devido a seu tamanho e quantidade de massa muscular, eles são animais extremamente dóceis, brincalhões e amorosos. 

Adoram estar perto dos tutores e são ótimos cães de guarda e companhia. O ponto positivo, é que esses animais também se dão muito bem com crianças, no entanto, devido ao seu tamanho, eles devem ser vigiados quando em contato com crianças pequenas. 

Mas isso, porque eles podem ser um pouco atrapalhados e perder a noção de seu tamanho durante as brincadeiras. 

De modo geral, eles também se dão bem com outros animais e com desconhecidos, desde que a adaptação seja feita adequadamente

O que é preciso para cuidar de um American Bully

Quando filhote, o American Bully precisa de alguns cuidados básicos para começar a vida com qualidade e bem estar.

Por isso, antes de pegar um filhote de american bully, garanta que ele terá uma Caminha confortável e adequada para o seu tamanho já na fase adulta, para evitar a necessidade de eventuais trocas. 

Prepare para ele um Comedouro e bebedouro, muitos Brinquedos, Tapete higiênico para ajudar no adestramento e evitar sujeira em locais inadequados e um cobertor quentinho para os dias frios.

Além disso, ele deve receber uma alimentação rica em nutrientes, que pode ser composta por uma ração seca super premium. Esta dica, vale tanto para adultos quanto para filhotes. 

Um filhote precisa de uma ração específica para sua fase de crescimento, ou seja, ração para filhote, e deve acompanhar o porte do animal. Além disso, até os 5 meses, o ideal é separar o alimento em 5 porções que devem ser divididas ao longo do dia. 

Depois desse período,  é possível reduzir para três vezes ao dia. Alguns veterinários indicam deixar o alimento livre. Converse com seu médico veterinário para saber a melhor sugestão.

Cachorros American Bully Filhote

Grande na aparência e no coração:

As primeiras vacinas do pet podem ser administradas a partir dos 60 dias. Uma das mais importantes é a V10 ou V8, que imuniza o filhote conta as principais doenças, como a parvovirose, leptospirose e cinomose.

A imunização de filhotes é realizada em três doses com o intervalo de cerca de 30 dias. A vacina antirrábica pode entrar em conjunto com a dose final da V10/V8, mas vai da indicação e dos protocolos do veterinário que a aplica. 

As vacinas da giárdia e gripe dos canis não entram na lista das obrigatórias, porém a recomendação é incluir nos seus planos.

Quando adultos, as vacinas precisam de reforço anual. Não se esqueça de outros fatores importantes na saúde do pet, como a administração de um antipulgas e vermífugo.

Vacinação: um cuidado necessário

Que eles são fortes a gente já sabe, mas será que eles são realmente resistentes quanto aparentam? 

Bem, podemos dizer com precisão que o American Bully raramente fica doente, ainda mais se eles tiverem os cuidados necessários. 

No entanto, devemos observar que assim com outros animais, eles também têm a tendência a problemas genéticos, este é o caso da catarata, displasia de quadril e de cotovelo, hipotiroidismo e surdez. 

Mas isso pode ser resolvido com visitas frequentes ao veterinário para a realização de check ups. 

Gostou dessas dicas? Acesse nosso blog e leia mais sobre cachorros:

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

22 Comentários

  1. RENATA DE ANDRADE disse:

    Tenho um american bully de 2 meses, comprei em um canil de um amigo do meu esposo. Mas de manhã depois da ração ele gosta de brincar, porém ele quer pular na gente para morder. Eu ainda consigo afastar ele, mas meu filho de 9 anos está apavorado. Porque ele já obedece os comandos sentar deitar fica. Mas NÃO nessa hora é impossível. Isso melhora com o tempo?
    Por favor me ajude.

    • Cobasi disse:

      Renata, como vai? Filhote costumam brincar de morder e por isso é importante realizar o adestramento com um profissional. Sugerimos que seu filho participe dos treinos e transforme o momento de adestramento em um uma diversão em família.

    • Conceição disse:

      A minha princesa , lexa parou de morder , comprei.um mordedor , toda hora que vinha morder eu dava o brinquedo …
      Agora não morde 3 meses

    • Paolo disse:

      Galera o negócio e ter um monte de brinquedos pro cachorro, em relação as brincadeiras com Mordida melhor se acostumar kkkkk

  2. Carla disse:

    Estou passando pela mesma situação aqui em casa… Meu filhote está com 3 meses e só quer morder… Meu filho de 10 anos tbm esta apavorado… O problema maior que nessa época do ano não consegui adestrador…. Agora somente em janeiro 🙁

    • Cobasi disse:

      Oi, Carla! Como vai? Que situação complicada! Até conseguir iniciar o treinamento, sugerimos que direcione a mordida do pet em brinquedos e ossinhos. Tenha sempre um brinquedo por perto para quando ele morder, você colocar o brinquedo na boca dele. Morder é um comportamento natural dos cães filhotes e os tutores precisam ter muita paciência e determinação para direcionar a mordida do cãozinho. Esperamos que a dica tenha efeitos! Conte para nós como foi! =)

  3. Celia disse:

    Tenho um que vai fazer um ano dia 07 de Janeiro 2021 muito carinhoso inteligente, defeito gosta de roer coisas unico defeito dele, um cão muito dócil nunca se quer rosnou pra qualquer pessoa que seja , tenho um neto autista parece até que ele entende trata super bem meu neto. Moro em apt is vizinhos são apaixonado por ele as crianças do condominio brincam com ele na quadra, otimo cão .

  4. RENATA DE ANDRADE disse:

    Muito obrigada pela dica, meu filho agora está treinando ele nos comandos básicos, eu fico perto ele está melhorando mas ainda não parou de tudo. Mas acredito que ele ainda é muito filhote e com o tempo deve parar.
    Eu espero.

  5. Kauê disse:

    Olá,bom dia alguém por favor pode me ajudar meu american bully esta com alguns problemas de pele tem 2 locais no corpo dele q está sem pelo e em outros esta ressecado e com descamação

    • Cobasi disse:

      Oi, Kauê! Como vai! Recomendamos que procure um médico veterinário para indicar o tratamento adequado. Apenas um profissional pode diagnosticar e recomendar medicamentos.

  6. Rose disse:

    Olá…
    Estamos muito triste com o que esta acontecendo! Temos um casal de American Bully. Porém, o macho esta com um comportamento muito agressivo. Quando fica agitado, ele nos ataca! Já me mordeu 2 vezes e a minha irmã 1!!! Não sei o que acontece com ele…parece que ele fica desorientado, surta… A fêmea é super dócil! Não sabemos mais o que fazer; Ele completa 6 meses agora dia 9/04.

  7. Cristina disse:

    Com qtos meses posso contratar treinador?
    Obrigada

  8. Patrícia Aparecida Ribeiro Bispo dos Santos disse:

    Olá boa noite ! Temos um filhote American bully de quase 3 meses , estou apavorada ele está me mordendo e qdo eu ou meu marido vamos tirar ele fica bravo e rosna o que posso fazer ?

  9. Érika Xavier disse:

    18/07/2021
    Ooi, eu tenho um filhote de American Bully puro de 2 meses
    Um amigo q mandou eu ir na casa dele e escolher, eu escolhi o mais pequeno e tipo o tamanho dele é super desproporcional dos irmãos dele (meu amigo falou q ele foi o último a nascer)
    E a pergunta q eu tenho é qual o peso ideal pra ele q tem 2 meses e pouco?

    • Cobasi disse:

      Érika, como vai? É comum que os filhotes da mesma ninhada possam apresentar pequenas variações de tamanho. Recomendamos que procure um médico veterinário para avaliar a saúde do seu filhotinho! Aproveite a visita à clínica veterinária para fazer a primeira vacina do seu pet. Ele já está com a idade certa!

  10. Daniel Alves da Cunha Neto disse:

    Temos um American Bully de cinco meses, dia 06/08/2021 cheguei mais cedo do serviço com as crianças e entrei na piscina, coloquei nosso filhote junto pela primeira vez, até aí tudo bem estava só eu e ele, ele nadava em direção da escada e saia, entrava denovu com ele numa dessas entrada meu menino de 7 anos pulou na piscinaa junto, nosso cachorro esqueceu da escada e foi em direção do meu menino, eu achando que ele estava brincando com ele, quando chego perde ele grudou na perda dele e mordeu, puxei ele pra fora e meu menino tbm. Quando ele saiu ficou doido atrás do meu menino latindo e querendo morde, achamos estranho essa reação dele… Agora toda vez que as crianças entram na piscina ele fica doido.. late late late e fica avançando… O que fazer??

    • Cobasi disse:

      Daniel, como vai? Esse acontecimento gerou um trauma no seu cãozinho. Recomendamos que você procure um adestrador para realizar um treinamento corrigindo o comportamento.

  11. Renata disse:

    Compramos um american em uma feira de animais e ele veio com parvovirose. O rapaz do canil o levou, ja está com ele a mais de um mês e estamos com medo de quando ele voltar não acostumar conosco e não conseguirmos educa-lo.

    • Cobasi disse:

      Renata, cães de qualquer idade se acostumam com as pessoas. Para facilitar a adaptação, você pode ter o apoio de um adestrador ou veterinário especializado em comportamento animal.

Deixe o seu comentário