Cachorro com olho remelando: o que pode ser?

12 de julho de 2021

Cachorros, Saúde e Cuidados
Cachorro com olho remelando

Encontrar o cachorro com olho remelando é algo comum. Mas, quando a secreção está sempre presente, acompanhada por outros sinais clínicos, é sinal que algo não vai bem.

Nesses casos, é possível que o pet enfrente alguma infecção, inflamação ou alergia nos olhos. Por isso, é papel do tutor estar sempre atento aos hábitos do seu parceiro.

Cachorro com olho remelando é normal?

Sim! Sobretudo após uma boa noite de sono, ou uma soneca pela tarde, os cães costumam acordar com um pouquinho de remela. Bem como acontece com os seres humanos, a secreção amarela-clara ou transparente são as lágrimas secas.

Fácil de limpar, a remela costuma ser fina. No entanto, se há excesso e o tutor precisa limpar os olhos do pet mais de uma vez ao dia, significa que o cão está com algum problema de saúde.

Cachorro com olho vermelho e remelando: o que pode ser?

As duas principais causas dos olhos avermelhados e remelando em cães são:

  • Conjuntivite: causada por vírus, bactérias ou substâncias tóxicas, é um problema sério que precisa de tratamento o mais rápido possível, para evitar que o pet perca a visão. Os olhos do cão também ficam inchados.
  • Glaucoma: o problema é causado pelo excesso de líquido no interior dos olhos. O cachorro com olho remelando e vermelho com glaucoma apresenta sinais como dor, aumento do globo ocular e irritação.

Outras causas

  • Alergia: o olho dos cães é muito sensível, por isso pode ser afetado por uma série de fatores, como mudanças de clima, ar condicionado, pólen, sujeira… Como consequência, o pet fica com os olhos irritados e remelados.
  • Trauma físico: batidas e traumas podem desregular as glândulas oculares. A síndrome do olho seco é um dos problemas que acontecem em decorrência aos traumas físicos. A inflamação causa piscadas contínuas e irritação.
  • Cinomose: é uma doença viral altamente contagiosa. Em estágios mais avançados, causa secreções amareladas nos olhos e no nariz, tremores musculares, convulsões e andar de modo desorientado. Acomete cães filhotes que não terminaram de tomar vacinas.
  • Doença do carrapato: infecção causada pelo carrapato marrom pode levar o pet a óbito, quando não tratada da maneira correta. Os sintomas são febre, perda de peso e anemia. Quando o pet é acometido pelo protozoário babesiose, é comum que também apresente mucosas nos olhos, gengiva e interior das genitais.

Tratamento e cuidados

Cachorro triste deitado

Para cada problema há um tratamento específico. Por isso, ao notar o cachorro com olho remelando em excesso, vá ao veterinário imediatamente!

Ele será responsável por fazer o diagnóstico correto e, então, escolher o melhor tratamento.

Em suma, para limpar o olho remelado do cão, use soro fisiológico, porque o produto não agride os olhos, nem a pele do animal.

Também é importante aparar os pelos do rosto para evitar qualquer lesão desnecessária.

Mantenha o ambiente do pet sempre limpo e bem arejado, de modo a manter seu bem-estar.

Além disso, nunca se esqueça de manter o calendário de vacinação e vermifugação sempre em dia! Assim, seu pet sempre estará saudável.

Veja mais dicas de cuidados caninos no blog da Cobasi: