Pseudociese: sintomas e como evitar a gravidez psicológica canina

Compartilhar:


Durante o período da pseudociese, as cadelinhas geralmente apresentam os sintomas de uma gravidez verdadeira.

Você provavelmente já ouviu falar sobre a pseudociese, mais conhecida como gravidez psicológica. Mas você sabia que essa condição também pode afetar cachorrinhas?

A pseudociese canina costuma ocorrer em cadelas que não são castradas e interfere no comportamento da fêmea.

O distúrbio acontece graças a uma disfunção hormonal e normalmente surge após o cio. A pseudociese tem duração de aproximadamente duas semanas e causa muito incômodo para a cachorrinha.

Quais são os sintomas da pseudociese?

O animal pode criar ninhos e levar objetos até o lugarzinho. Em seguida, a fêmea começa a tratar os itens como se fossem filhotes.

A cadela também costuma ficar agressiva, especialmente se o tutor tentar chegar perto ou mexer no ninho.

O bichinho ainda pode sofrer com inchaço nas mamas, falta de apetite, depressão e uivos constantes.

Para ajudar, o Blog da Cobasi listou os sintomas mais comuns da pseudociese em cadelas. Confira abaixo:

  • Mudança repentina de comportamento.
  • Inchaço nas mamas.
  • Produção de leite.
  • Tentativa de sugar o próprio leite.
  • Ausência de apetite.
  • Criação de ninhos.
  • Objetos viram os filhotes da cachorrinha.
  • Agressividade com quem tentar mexer no ninho.
  • Depressão.
  • Uivos constantes.

Como tratar essa condição?

Caso sua cachorrinha apresente os sintomas da pseudociese, não deixe de ir ao veterinário. O quadro só pode ser confirmado com a ajuda de um especialista, então não perca tempo!

Não descuide pensando que é somente uma condição passageira, tá? A pseudociese costuma durar duas semanas, mas é um período que causa sofrimento para o animalzinho.

Além disso, a disfunção hormonal pode gerar problemas mais graves, como infertilidade, câncer e endometriose.

Apenas o veterinário é capaz de fazer o diagnóstico de maneira correta e indicar o melhor medicamento para cachorro. O especialista também pode dar dicas valiosas para aliviar o sofrimento do pet.

Mas não se esqueça de respeitar o ninho do bichinho, viu? Tenha paciência e lembre-se de que é um período em que a cachorra precisa de espaço!

É possível prevenir o distúrbio? Como?

A castração é um método que pode ajudar a evitar a pseudociese. Isso porque a cirurgia interrompe a produção do hormônio da gestação e impede que a cadela seja afetada por disfunções hormonais.

A castração, além de prevenir a gravidez psicológica canina, evita doenças como câncer de mama, infecção uterina, prolapso genital e outras condições.

Mas vale lembrar que você tem que consultar um veterinário sempre que for tomar uma decisão, tá? Assim, é possível garantir a saúde e a qualidade de vida do pet.

Gostou do artigo do Blog da Cobasi? Listamos outros assuntos que podem te interessar:

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

Deixe o seu comentário