Filhotes de cachorro: O guia completo do que é preciso para ter um

| Atualizada em

Por Cobasi

Compartilhar:
filhotes de cachorro

É visível a alegria que um pet traz para a família, mas cuidar de filhotes de cachorro é uma tarefa que requer comprometimento, paciência e algumas mudanças na casa. 

Até mesmo cães que chegam adultos precisam de atenção para se adaptar, mas os cuidados com filhotes são diferentes e devem ser ainda mais intensivos.

Para receber seu novo amigo, vamos ensinar como cuidar de um filhote de cachorro. Continue a leitura e saiba tudo sobre o que é preciso para ter um novo pet em casa: vacinação, castração, alimentação e comportamento.

Antes de tudo, planejamento!

Não importa se é filhote de cachorro de raça ou não, nem se é filhote de cachorro pequeno, grande ou médio, os cuidados com o cachorro sempre serão semelhantes e antes de decidir ter um pet em casa, é necessário planejar!

Receber um novo cachorro em casa é semelhante a receber um bebê e por isso é fundamental tomar alguns cuidados com a casa, preparar um local para o pet e fazer um planejamento de gastos. 

Afinal, é comum se deparar com famílias doando animais por conta de uma adoção sem planejamento, quando a família não tem tempo de dar atenção ao pet ou não tem condições de lidar com os gatos que um filhote, ou até mesmo um cão adulto necessita. 

Por isso, antes de ter um novo membro na família, é importante colocar a ideia no papel e ver se realmente vale a pena, avaliar se os tutores terão tempo de cuidar do animal, alimentar, dar carinho e fazer visitas frequentes ao veterinário

Afinal, tudo isso é fundamental para o bem estar e para a saúde do animal. 

Como preparar a casa para a chegada do filhote?

Independente do cachorro que você escolha ter, o primeiro passo é garantir que seu novo filhote de cachorro tenha muita saúde, bem estar e um lugar para relaxar e se divertir. 

Portanto, existem algumas coisas que você já pode deixar preparadas antes mesmo da chegada do animal. 

Este é o caso da caminha para cachorro, afinal, ele precisará de um lugar para dormir, relaxar e repor as energias, afinal, se tem uma coisa que os filhotes têm para dar e vender, é energia! 

Para deixar este ambiente ainda mais confortável, você pode acrescentar um cobertor para cachorro e uma pelúcia, isso fará com que o filhote se sinta quentinho e como se estivesse próximo de sua mãe, evitando choros. 

Outra coisa fundamental, é garantir que o animal tenha a alimentação adequada, por isso, deixe preparado para ele uma  ração Super Premium para filhote, ou uma ração úmida para filhote

Além dos alimentos básicos, você pode preparar petiscos para filhote e ossinhos. Além disso, garanta que o pet terá um comedouro e bebedouro adequados para o seu tamanho. 

Os itens de higiene também são essenciais, mas o mais importante no momento é o tapete Higiênico. O shampoo, condicionador e colônia também fazem parte dos itens necessários, no entanto, os animais só devem tomar banhos após estarem com todas as vacinas em dia. 

Hora da diversão!

A mesma dica serve para os passeios, que também só devem ser realizados após a vacinação completa, no entanto, para ir até as consultas receber a vacina, a  caixa de transporte pode ser uma ótima opção!

Depois dos protocolos de vacinação em dia, basta sair para curtir o passeio com o seu pet! Para isso, você precisará de uma coleira com plaquinha de identificação, que pode ser de pescoço ou peitoral, uma guia e os saquinhos higiênicos, afinal, não é legal sujar a rua!

A diversão também é muito importante para os filhotes, portanto, garanta que ele terá  muitos brinquedos! Bolinha, Pelúcias, Cordas e Ossinhos estão na lista dos brinquedos favoritos para esses pets!

Além disso, vale lembrar que um local para o pet é fundamental, afinal, ele também necessita de privacidade, sem contar que a liberdade em excesso pode prejudicar o comportamento e o aprendizado do pet. 

Por isso, é necessário que ele possua um local só dele, para descansar, dormir e fazer suas necessidades. 

A vacinação é o primeiro passo!

Sair para passear, brincar com o pet e fazer ele interagir com outros animais é fundamental e um passo super divertido na vida dos tutores, mas antes de tudo isso, é importante que o animal passe por uma série de cuidados e pelas vacinações!

O primeiro passo para começar a zelar pela saúde do animal é escolher um veterinário de confiança, o clínico vai te orientar sobre o protocolo das primeiras vacinas para cachorro e iniciar a imunização dele. Abaixo falamos sobre as principais vacinas que ele tomará a partir dos 45 dias:

V10 (Polivalente): a primeira vacina que filhotes de cachorro tomam, depois de um mês ele recebe a segunda dose e novamente após um mês. Cada veterinário possui um protocolo diferenciado e existem profissionais que aplicam quatro doses.

Vacina antirrábica: a partir dos 4 ou 5 meses o seu cachorro já pode ser imunizado com a vacina que previne a raiva em animais. A doença é uma zoonose, doença transmissível para humanos.

Vacina para giárdia: não é uma vacina obrigatória, porém ela pode ser tomada a partir da segunda dose da V10 e previne que seu cachorro seja infectado por este parasita. Esta é uma zoonose, doença transmissível para humanos. Alguns protocolos incluem exames antes da aplicação para ampliação da eficácia.

Vacina da gripe ou tosse de canis: também conhecida como Bordetella, o animal começa a tomar a partir da segunda dose da V10 e, em alguns protocolos, precisa de nova dose após um mês.Reforço anual da vacinação: após um ano, é preciso medicar o pet com o reforço de todas as vacinas que ele tomou. Realizar o protocolo de vacinação quando filhote, não garante a imunização do animal por toda a vida. Vacine seu pet todos os anos.

Quando vermifugar filhotes de cachorro?

Filhotes de cachorro tomando vermífugo

A vermifugação de um cachorro pode começar a partir da sua segunda semana de vida. Novamente, existem diversos protocolos veterinários. 

Enquanto alguns indicam a repetição de 15 em 15 dias até o desmame do filhote, outros recomendam a administração do vermífugo para cachorro de 3 em 3 meses.

Consulte seu médico veterinário para seguir o tratamento adequado ao seu cachorro.

Na fase adulta, não deixe de vermifugar seu cachorro. Se organize para seguir com uma vermifugação trimestral com uma repetição da primeira dose em 15 dias ou de acordo com a recomendação do veterinário.

Quando dar remédio de pulga para filhote?

O antipulga também faz parte dos medicamentos fundamentais para os filhotes e adultos, afinal, as pulgas e carrapatos são parasitas muito comuns nos animais de estimação.

Além disso, eles são responsáveis por transmitir doenças, por isso, é muito importante estar em dia com este medicamento. 

Ele pode ser administrado a partir dos 45 dias de vida do animal e existem vários tipos de remédio para pulga e carrapatos:

É importante consultar um veterinário para saber qual o melhor antipulgas para o seu cachorro, assim não há risco dele sofrer alergias e sim ficar 100% protegido.

Qual a idade para castração de cachorro?

Filhotes de cachorro depois da castração

Há muitos mitos sobre a castração que precisam ser respondidos, pois o procedimento traz diversos benefícios para a saúde do seu cachorro, como prevenção do câncer de mama nas fêmeas e do câncer de próstata nos machos.

A castração também resulta em um animal mais tranquilo, que não passa pelo cio e ainda impede que aconteça uma ninhada indesejada.

O cachorro filhote pode ser castrado após a conclusão das primeiras vacinas, no caso das fêmeas, é melhor depois de completar um ano. O procedimento cirúrgico é rápido, com risco leve de complicações por ter anestesia envolvida, e seguindo as orientações do veterinário, com antibiótico, repouso e alimentação adequada, em poucos dias o pet já está recuperado.

Quando o filhote pode começar a comer ração

O desmame de um filhote acontece a partir do primeiro mês de vida do animal e de forma gradual, o processo não deve ser agilizado. 

Após 45 dias, já é possível começar a introdução de ração úmida ou grãos molhados e triturados na alimentação dele.

No terceiro mês você pode oferecer ração seca para o filhote, antes disso não é recomendado por conta da dentição. Os dentes de leite costumam ser substituídos a partir dos 4 meses e podem durar até os 7 meses. 

Como escolher a melhor ração para filhotes de cachorro

Uma ração de qualidade faz toda a diferença no desenvolvimento do seu filhote, principalmente o nível de proteína, sendo 25% o mínimo recomendado. 

Lembre-se que a linha Super Premium é aquela com maior número de ingredientes de qualidade, porém uma Premium pode atender as necessidades do seu pet e ser mais econômica para o seu bolso, se for o caso.

Preste atenção ao porte do cachorro, um filhote de Pitbull, por exemplo, se alimenta com um grão de ração para cães de porte médio, já um Pug filhote é porte pequeno. Parece que é bobagem, mas o tamanho do grão influencia na mastigação do animal. Petiscos são bem-vindos, sem excesso, a partir dos 3 meses.

Sobre o quanto de ração seu filhote precisa comer por dia, vale uma conversa com o veterinário para entender a medida ideal para ele. Mas você pode calcular de acordo com as tabelas presentes no verso das embalagens de ração em um primeiro momento.

Filhotes de cachorro comendo ração

Os primeiros dias de filhotes de cachorro em casa

Filhotes de cachorro em casa no colo do dono

Quantos dias o meu cachorro vai chorar de noite? Como acostumar meu pet a fazer xixi no lugar certo? Estas são apenas algumas das perguntas que rondam a cabeça dos tutores de primeira viagem, mas há solução para todas!

Primeiro, não estimule sua ansiedade pensando em quanto tempo um filhote demora para se acostumar, ao invés disso, invista no seu comprometimento com o animal, afinal, é um filhote, e filhotes de cachorro precisam de educação, rotina e paciência para se habituar ao seu novo espaço.

Choros à noite são normais!

Ouvir o cachorro chorando a noite é muito comum e pode causar preocupação, especialmente para os tutores de primeira viagem! 

Mas não se assuste, isso é absolutamente comum, e existem diversos fatores que levam um filhote a chorar sem parar e, ao entender, você vai recuperar sua calma.

Se imagine em um lugar estranho, que não conhece os sons, objetos, e pior, não encontra seu principal elo, sua mãe. Um filhote quando chega em casa se vê diante de um local totalmente novo, e sim, ele vai estranhar e levar alguns dias para se acostumar.

Ele está alimentado? Tem uma caminha quentinha? Brinquedos? Está seguro? Então não dê atenção aos choros do animal visto que é uma adaptação normal.

Como ensinar o cachorro a fazer xixi no lugar certo

Filhotes de cachorro não vão acertar o tapetinho ou jornal de primeira, mesmo que os tapetes higiênicos já possuam atrativos para o xixi. Para que o pet aprenda a fazer xixi no lugar correto, é preciso ensiná-lo. Aqui vão algumas dicas:

  • Comece cobrindo todo o chão com tapete higiênico para ele assimilar o material com as necessidades;
  • Um filhote costuma fazer xixi e cocô alguns minutos após comer. Então assim que alimentá-lo, prenda-o no local certo para que o bichinho possa ficar à vontade;
  • Não brigue, de forma alguma. Fez no lugar errado? Tire-o dali e limpe fora da presença do animal. É importante tirar totalmente o cheiro da urina ou fezes, para isso, use desinfetantes específicos para animais!
  • Acertou? Que ótimo! Nessas horas uma recompensa vai bem.

Um conselho: não desista! É questão de tempo e os pets aprendem de forma gradual! 

Adestramento positivo para filhotes de cachorro

Um pet feliz não é aquele que pode fazer tudo, mas sim o animal que tem uma rotina, alimentação de qualidade, vacinas em dia, atenção do dono e que é adestrado.

Você precisa impor limites para o seu cão, e na hora de educar, invista no adestramento positivo, que nada mais é que ensinar através do reforço positivo com petiscos, carinhos e felicitações.

Sempre que o seu cachorro fizer certo, recompense! Nada de gritos e jornais, atitudes como essas vão gerar estresse, e dependendo da situação, você acaba dando a atenção que ele queria, o que não ajuda a cortar um mau comportamento.

Errou? Tire algo que ele gosta muito. Pode ser um brinquedo, a sua companhia ou espaço. Com o tempo ele irá aprender o que é certo e errado.

Filhotes de cachorro são um bom desafio, mas daqueles que a recompensa é gigante. Todo pai fica orgulhoso ao ver um filho crescer educado, com tutores e cães é o mesmo. Cada tempo gasto para adestrar seu filhote terá retorno! E para um pet feliz por completo, nunca deixe a saúde do animal de lado.

Está se sentindo mais confiante e guiado? Agora é cuidar daquele que está sempre ao seu lado e nunca negará um lambeijo para você! Veja outros conteúdos que você vai gostar de ler:

Compartilhar:

Você pode gostar de ver também…

1 Comentário

  1. manoel neto disse:

    PARABENS! EXCELENTE DICAS, OBRIGADO!

Deixe o seu comentário