Como cuidar do seu pet no inverno

23 de junho de 2020

Cachorros, Gatos, Saúde e Cuidados
tutora fazendo carinho em um gato
Blusa de lã, cobertores e muitos cuidados com seu pet no inverno

A estação mais fria do ano começou e seu bichinho precisa de cuidados especiais. Por isso, separamos as dicas mais importantes para você cuidar do seu pet no inverno. Continue a leitura e confira!

Cuidados com o pet no inverno

Os cuidados com seu pet no inverno são importantes por causa das temperaturas mais baixas. Gatos e cachorros não têm a mesma sensação térmica que os humanos, mas eles também sentem frio. Para garantir que seu pet passe o inverno com conforto e saúde, alguns cuidados são necessários, como o uso de roupinhas para cachorro, caminhas para pets, além da rotina de exercícios e alimentação diferenciada.

Mais adiante explicaremos sobre cada cuidado que você deve ter com seu cão ou gatinho no inverno.

Roupinha para cachorro

pet no inverno com cobertor
Coloque roupinhas e cobertores no seu pet no inverno

Antes de colocar uma roupinha de cachorro no seu pet, verifique se realmente ele sente frio. Nossa sensação térmica não é referência e, por isso, separamos algumas dicas para você saber se seu cachorro está com frio:

Seu cãozinho está com frio? Escolha uma roupa para pet confortável e que tenha o tamanho adequado para seu cachorro ficar quentinho e saudável.

Banho e tosa

Cães e gatos não precisam parar de tomar banho durante o inverno, mas a atenção tem que ser redobrada. Diminua a frequência de banhos e evite os dias mais frios. Prefira banhar seu pet na hora mais quente do dia e, mesmo assim, utilize sempre água morna. Seque-o bem com toalha e secador de cabelo. Verifique, também, se janelas abertas não permitem a entrada de vento gelado.

No caso de cães peludos, a tosa também deve ter atenção especial na época mais fria do ano. Animais idosos, que ficam na área externa da casa ou aqueles com alguma doença não devem ser tosados. Já os animais saudáveis, que praticam exercício regularmente podem ter seus pelos aparados. Leve seu cãozinho ou gatinho sempre em um petshop de confiança para realizar o banho e tosa. Cada raça possui um tipo de pelagem, que deve ser levada em consideração no momento da tosa.

Além de deixar seu pet charmoso, a pelagem do animal ajuda a regular a temperatura do corpo. Na dúvida, evite tosas muito baixas.

Caminha certa

Cães e gatos passam mais tempo em suas caminhas no inverno. Quentinhas e confortáveis, são perfeitas para abrigar os animais que ficam mais sonolentos. Escolha a caminha para cachorro de acordo com o comportamento do seu pet. O mesmo vale para camas, almofadas, torres e tocas para gatos. Observe a forma como ele mais gosta de dormir e escolha a caminha ideal. Nós ajudamos!

Tocas são ideais para animais que gostam de se esconder. Camas e almofadas são perfeitas para cães e gatos que dormem esparramados. Tapetes e colchonetes são os preferidos dos calorentos. Gatinhos que gostam de escalar e dormir nas alturas vão adorar as torres.

Escolha a caminha ideal para seu cãozinho.

Seu cãozinho fica na área externa? Invista em uma casa para cachorro, ela é essencial para manter sua saúde e segurança nos dias mais frios. Coloque a casinha para cachorro em um local coberto e protegido da chuva e do sol. Faça um revestimento no piso antes de instalar a caminha para cachorro, assim a temperatura é mantida e você evita a umidade.

Saiba como escolher uma caminha confortável para seu gato.

Cuidados com a saúde

Filhote de gato tomando vacina
A vacinação é um dos cuidados com seu pet no inverno

Com a queda nas temperaturas, o sistema imunológico dos animais pode ficar mais suscetível às doenças. Aproveite e estação mais fria e veja se seu pet está com as vacinas anuais em dia. Lembre-se também de dar vermífugo e antipulgas para seu pet.

Uma vez ao ano, cães devem ser imunizados com a vacina V10 ou V8, única forma de proteger seu cachorro contra parvovirose, cinomose e vários tipos de leptospirose. Além disso, a vacina Antirrábica deve ser feita todos os anos para proteger seu cãozinho contra essa perigosa zoonose.

Os gatos também devem ser vacinados com a Antirrábica e a V4 uma vez por ano. Mesmo se seu gato que não sai na rua, ele precisa de imunização para permanecer saudável e viver mais e melhor.

Além delas, ainda existem vacinas para proteger seu pet contra gripes e verminoses. Consulte seu médico veterinário de confiança e mantenha as vacinas do seu pet sempre atualizadas.

Por que a vacinação de pet é tão importante?

Além da vacinação, o uso de vermífugos e antipulgas é essencial para manter seu pet livre de diversas doenças. Algumas verminoses podem levar seu cãozinho e gatinho à óbito. O antipulgas faz muito mais do que livrar seu pet da indesejada coceira. Ele protege contra diversas doenças como Babesiose, Erliquiose e até a perigosíssima Leishmaniose.

Saiba como prevenir a doença do carrapato.

Exercícios

Os dias mais frios podem desestimular a prática de exercícios, mas ela continua sendo muito importante. Continue passeando com seu cachorro na rua e em parques. A brincadeira dentro de casa também é uma ótima pedida.

Bolinhas, cordas e outros brinquedos para pets são ideais para a prática de exercícios nos dias muito frios. Para gatos, aposte em varinhas, ratinhos e outros brinquedos interativos. Outro item fundamentar para a prática de exercícios e a distração dos gatos é o arranhador. Tenho um sempre disponível para manter seu pet relaxado e saudável.

Alimentação no inverno

Você tem mais fome no inverno? Seu pet também tem! A temperatura mais baixa faz com que o corpo gaste mais energia para se manter aquecido e funcionando. Isso provoca o consumo maior de calorias e faz com que a fome também aumente. Por isso, não há nada de errado em dar um pouco mais de alimento ou petiscos durante a estação mais fria. Mas atenção para não exagerar e deixar seu pet com sobrepeso.

Além da alimentação, tutores de cães e gatos devem ticar atentos ao consumo de água. No inverno o animal pode sentir menos sede e reduzir a hidratação. Mantenha o bebedouro sempre abastecido de água fresca. Lembre-se de fazer a higienização diária dos potinhos do seu pet.

Saiba como higienizar os pertences do seu pet.

Cuidados com filhotes e idosos

Cães e gatos filhotes ou idosos merecem atenção redobrada no inverno. Os filhotes são mais frágeis e os tutores devem ficar atentos ao uso de roupinhas, cobertores e caminhas. Também evite deixar janelas abertas perto de onde seu pet dorme quando está muito frio.

Com os idosos é parecido. Por causa da perda de massa muscular e gordura, natural em pets mais velhos, a sensação térmica não é a mesma de animais jovens. Reforce a utilização de roupinhas, cuidados com o banho e tosa e o frio excessivo.

Você tem mais dúvidas sobre como cuidar dos seus pets no inverno? Deixe sua pergunta nos comentários!