Sintomas de anemia: quais são e como prevenir

1 de abril de 2021

Saúde e Cuidados
Sintomas da anemia: quais são e como prevenir

A anemia é uma condição que pode atingir pets de todas as idades e portes, em diferentes momentos da vida. Muitas vezes, é um distúrbio silencioso, e por isso é tão importante prestar atenção ao comportamento do seu pet para notar qualquer mudança, procurando ajuda o quanto antes.

Nesse artigo vamos falar sobre os diferentes tipos e quais os sintomas de anemia, além dos tratamentos possíveis para que você esteja bem informado e, assim, possa ajudar o seu companheiro peludo se for preciso.

Tipos de anemia e suas causas

Tipos de anemia e suas causas

Toda anemia envolve, necessariamente, uma diminuição da quantidade de glóbulos vermelhos no sangue. Isso pode acontecer em função de um acidente, em que houve rompimento de algum órgão ou uma fratura séria com muita perda de sangue; devido à presença de doenças, como as autoimunes, a leptospirose e a parvovirose; por algum problema na medula óssea do animal; pela ingestão de venenos e também pela infestação por parasitas, como pulgas e carrapatos.

O tratamento para a anemia vai variar de acordo com a causa. A pessoa mais indicada para fazer o diagnóstico, indicar medicamentos, dosagens e tratamento é, como sempre falamos aqui, o médico veterinário. Tome muito cuidado ao seguir orientações de pessoas não especializadas ao oferecer qualquer tipo de medicamento ao seu pet, pois isso pode colocá-lo em uma situação de alto risco.

Sintomas de anemia: fique atento aos sinais

Sintomas da anemia: fique atento aos sinais

Por mais que exista mais de um tipo de anemia, e que eles possam ser causados por situações bem distintas entre si, a condição costuma apresentar sintomas bastante semelhantes entre si. Fique de olho se o seu pet demonstrar um ou mais dos sintomas de anemia a seguir:

  • desânimo, frequentemente caracterizado por falta de disposição para realizar até as atividades mais simples, como levantar para fazer xixi ou cocô;
  • cansaço intenso e constante;
  • apatia e prostração (o animal fica deitado por horas, sem demonstrar interesse por nada);
  • dificuldade para respirar;
  • taquicardia;
  • sangue nas fezes ou urina escurecida;
  • dificuldade para realizar atividades físicas, por mais leves que sejam, como caminhadas lentas;
  • petéquias (manchas vermelhas na pele);
  • desmaios;
  • perda de peso;
  • gengivas esbranquiçadas.

Esses sintomas são sinais de alerta para você procurar ajuda imediata para o seu pet. Não espere o quadro se agravar, zele pela saúde do seu companheiro.

A importância da prevenção contra a anemia

Assim como acontece com seres humanos, nos animais a prevenção também costuma ser o melhor caminho. Ao manter as vacinas do seu pet em dia, você já afasta uma série de doenças que podem provocar anemia e até morte. Controle de parasitas para cães e gatos, alimentação saudável e adequada, água limpa, fresca e em abundância e condições adequadas de higiene são outros fatores muito importantes nessa prevenção, além da realização de atividades físicas regulares.

Na maioria das vezes a anemia pode ser considerada uma condição oportunista, que vai se aproveitar de brechas na saúde do pet para se instalar. Não permita que isso aconteça e, se acontecer, busque ajuda o quanto antes. Seu amigo merece esse cuidado!

Confira mais alguns artigos selecionados para você: